O que são idioms?

Pelo visto tem muita gente por aí querendo saber o que é idiom. Portanto, aproveitando a curiosidade de muitos, decidi escrever uma dica sobre isso. Assim, todo mundo aprende o que é quão importante isso é para quem está aprendendo inglês.

Idioms, também conhecidos como idiomatic expressions, são expressões que ao serem traduzidas palavra por palavra não fazem o menor sentido. Um exemplo, em português, é a expressão “mais perdido que cego em tiroteiro“. Se você traduzi-la palavra por palavra para o inglês não vai fazer o menor sentido para quem ouvir ou ler. Para saber como se diz isso em inglês, e preciso saber que expressões são usadas por eles – falantes nativos de inglês – e que tenha um sentido parecido com o sentido da expressão em português. [Para saber como dizer “mais perdido que cego em tiroteiro” ou seu sinônimo “mais perdido que cachorro em dia de mudança” é só clicar aqui.]

Em inglês, há vários exemplos de idioms. Aliás, toda e qualquer língua no mundo tem os seus. Um exemplo em inglês é “kick the bucket“. Ao pé da letra temos “chutar o balde“. Porém, o significado por trás da expressão é “bater as botas” (ou seja, morrer). Quer mais expressões idiomáticas com este sentido fúnebre!? Então leia essa dica.

Também já escrevi aqui sobre a diferença entre idioms e collocations. É bom ler este artigo para não fazer confusão entre uma coisa e outra. Outras expressões idiomáticas (idioms) que já passaram aqui pelo blog são:

Enfim este blog está recheado de idioms. Para aprendê-los não tem outro jeito a não ser aprender a expressão toda em inglês. Palavra por palavra não dá certo!

Para terminar digo ainda que expressões idiomáticas (idioms) são essenciais para quem quer falar inglês fluentemente. Você jamais aprenderá todos os idioms existentes em inglês, porém deve estar preparado para ouvir e compreender alguns deles. Para isto, somente estudando e melhorando cada vez mais e mais o seu vocabulário.

O problema é que nem todos os idioms encontrados em livros de cursos de línguas são usados amplamente em inglês. Para complicar cada região onde a língua inglesa é falada, há idioms próprios daquela região. Não estou falando apenas do fato do inglês ser americano, britânico, australiano, africano, irlandês, etc. Na verdade, entre um estado (ou cidade) e outro pode haver expressões idiomáticas próprias; portanto, aprender idioms depende muito do quanto você se envolve com a língua falada em um determinado local. Ou seja, apenas decorar expressões idiomática de um livro ou outro não será o bastante.

That’s it! Take care! See you tomorrow!

Artigos Relacionados
Comentários