Expressões em Inglês

Mais perdido que cego em tiroteio…

Na eventualidade de nem todos conhecerem a expressão darei um breve esclarecimento.
Digamos que você esteja no trabalho e todo mundo ao mesmo tempo resolve pedir um monte de coisas a você. O chefe dá uma ordem, seu colega do lado pede algo, o seu celular toca e um cliente quer algo, o telefone da mesa toca e é seu marido querendo saber onde está a meia que ele sempre deixa jogada pelos cantos (rsrsrsrs), ou é sua esposa ligando para não esquecer de comprar o presente da sua sogra… Enfim, você não sabe para que lado ir, nem o que fazer primeiro!

Um outro exemplo é quando alguém tenta te explicar alguma coisa e você acaba ficando mais confuso ainda. Entendeu? Não! Então, isto é bom… Afinal, você neste momento pode estar mais perdido que cego em tiroteio.

Em inglês quando nos deparamos em situações assim podemos dizer o seguinte:

“Wow… I don’t know if I’m coming or going” (Nossa… Tô mais perdido que cego em tiroteio)

Outras expressões sinônimas são:

I’m in a haze” (Tô confuso; tô mais perdido que cego em tiroteio)
I’m in a fog” (Tô confuso; tô mais perdido que cego em tiroteio)

Estas duas são geralmente usadas quando não sabemos o que está acontecendo em um determinada situação. Tem a ver com confusão mental mesmo; não de loucura, mas de estar super confuso. Tem uma outra ainda em inglês que é sempre usada na negativa:

Wow… I’m not all there“, usada quando não compreendemos algo muito bem ou quando não estamos em condições de pensar com clareza.

Bom, era isto o que eu tinha para hoje! Ah sim… Caso você esteja se perguntando porque eu usei a foto de um cachorro para ilustrar este artigo, aí vai a resposta. Em português, diante de situações confusas também costumamos dizer “nossa… tô mais perdido que cachorro em dia de mudança“. Agora você sabe o porquê do cachorro no artigo!

Tenham um bom dia, pessoal! Aos que estavam de recesso do trabalho, quero dar as boas vindas! Senti falta de vocês. Como eu sei que vocês estavam de férias coletivas? Simples, os e-mails voltavam dizendo “estarei de férias/recesso até o dia 07 de janeiro”. Então… Agora é hora de trabalhar! Tchau!

5 Comentários

  1. Nossa Adorei seu blog,muita informação importante para quem quer aprender English, mas estou como no post que vc escreveu `Mas perdida que cego em tiroteio`rss..Vc teria algum roteiro ou dica para iniciantes do Inglës, estou completamente perdida, por onde iniciar e como iniciar, rss..Desde já agradeço. Até Breve.

  2. O artigo em si não trata da situação de estar mais perdido que cego em tiroteio, como entendeu nossa amiga que postou o comentário anterior ao meu, mas sim de como se diz "estou mais perdido que cego em tiroteio" em inglês…My, vc tem um Mundo de possibilidades pela frente, afinal vc é iniciante e um iniciante tem tudo a aprender – presente, passado, futuro, condicional, vocabulário, etc… então não sinta-se perdida, pegue qualquer livro do Denilso e leia. Quando vc tiver lido uns 15 livros, aí sim, vc pode dizer: O que devo fazer agora que já conheço as estruturas do inglês? aí sim, vc estará perdida…Boa sorte!!Teacher Andréia

  3. Oi Andréia, muito obrigada pela dica,realmente quando iniciamos um aprendizado descobrimos muitas coisas legais,e é muito bom principalmente quando aprendemos algo que gostamos e queremos muito. Ah e com relação ao comentário Eu não me enganei, entendi o que falava sobre a tradução da palavra mais perdido que cego em tiroteiro ,porém quiz aproveitar para deixar o meu comentário para dizer como me sentia em relação ao estudo sem uma sequencia formal da língua inglesa.See you later My!

  4. Em 1985 quando cheguei nos USA trabalhei no Burguer King fazendo sanduiches onde varios colegas de trabalho foram promovidos a ajudante de manager e como eu era novato nao fui. Todos vinham e me davam uma ordem qualquer, entao eu disse pro colega do lado: "you know what! Now there are too many chiefs for only one indian." O manager de verdade ouviu e achou interessante e contou para a manager principal que comentou depois comigo dizendo que eles tambem tinham outros tipos de citacoes e me deu alguns exemplos mas nenhuma como essa. O tempo passou e em 2006 algo parecido aconteceu num ensaio de uma banda de rock em outra cidade onde o pai de uma menina da banda num desabafo comentou comigo e com os outros presentes: Aqui nos temos um ditado que diz: "Have more chiefs than indians". Entao eu pensei comigo (Eh, ta bom, deixa quieto, e' melhor eu nao falar nada).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar