Podemos dizer going to go em inglês?

Será que podemos dizer GOING TO GO em inglês? Embora não pareça, essa é uma dúvida que costuma assombrar muito estudante de inglês. Principalmente, quando estão aprendendo sobre o tal do futuro com “going to”. Aliás, se você ainda não sabe sobre esse assunto leia a dica “Will ou Going to?” para saber melhor do que se trata.

Nesta dica aqui vamos falar apenas desse tal de GOING TO GO. Afinal, pode ou não pode dizer isso?

Para facilitar, seguem abaixo alguns exemplos apenas com “going to”. Leia atentamente e observe as palavras em destaque (negrito).

  • I am going to travel next year. (Eu vou viajar no ano que vem.)
  • Are you going to talk to her? (Você vai falar com ela?)
  • He is not going to fire her. (Ele não vai demiti-la.)
  • We are going to study German. (Nós vamos estudar alemão.)
  • Are they going to help us? (Eles vão ajudar a gente?)

Veja que em inglês usamos a locução “be going to” para indicarmos alguma ação no futuro. Note também que após o “be going to” vem um verbo – travel, talk, fire, study, help.

Pois bem! A dúvida que os leitores tiveram foi sobre o fato de usarmos ou não o verbo “go” após “be going to”. Ou seja, será que as sentenças abaixo estão corretas?

  • I am going to go dancing.
  • Are you going to go fishing tomorrow?
  • He is going to go to the party for sure.
  • She is not going to go to London.

Dizer Going to Go em Inglês?

A confusão se faz pois as pessoas tendem a traduzir as sentenças acima ao pé da letra. Veja que no primeiro bloco de exemplos traduzimos “be going to” por um simples “vou”, “vai”, “vamos” e “vão” seguidos pelos verbos (viajar, falar, demitir, estudar e ajudar). Assim, ao traduzir as sentenças com “be going to go” a coisa parece ficar estranha:

  • Eu vou ir dançar.
  • Você vai ir pescar amanhã?
  • Ele vai ir à festa com certeza.
  • Ele não vai ir para Londres.

Para nós falantes de português isso soa meio redundante e estranho, não é mesmo? Mas, isso é para nós em português. Pois, em inglês não há nada de estranho. Ou seja, você pode dizer “be going to go” sem nenhum problema. Você até escutará muito isso se passar a ouvir inglês com frequência. O que você não pode fazer é traduzir da forma como foi feita acima (redundantemente). Afinal, para muitos de nós soará estranho! Já em inglês é como se você estivesse dizendo:

  • Eu vou dançar.
  • Você vai pescar amanhã?
  • Ele vai à festa com certeza?
  • Ela não vai para Londres.

Cito abaixo o que o linguista e ELT Professional, Michael Lewis, escreveu no livro “The English Verb: an exploration of structure and meaning” (1986. Hove: LTP, p 82):

Some readers will have met the ‘explanation’ that (be) going to forms are ‘short for‘ going to go. There is no justification for this explanation. It is possible to say both of Are you going on Saturday? and Are you going to go on Saturday? with slightly different meaning.

Como você pode ver não há nada que nos impeça de usar a forma “be going to go”. Ela é comum. Para provar isso seguem abaixo alguns exemplos retirados do COCA (Corpus of Contemporary American English):

  • I’m going to go to the Komen run/walk.
  • The color is going to go deeper into your skin. 
  • He’s going to go to an auto parts facility
  • They’re going to go to St. Andrew’s University
  • And he says, No, Dad, I’m not going to go.
  • This is a country that is also going to go through an economic shock.

Portanto, podemos sim dizer “be going to go” em inglês. Trata-se de algo natural para quem fala inglês no dia a dia. Por ora, é isso! Caso você queira aprender mais sobre o futuro em inglês, então recomendo que leia as dicas abaixo. Take care, you guys!

Artigos Relacionados
Comentários