Shout at, Shout to, Shout with: qual a diferença?

Qual a diferença entre as combinações SHOUT AT, SHOUT TO, SHOUT WITH? Será que o uso de uma preposição ou outra, muda o significado do que está sendo dito?

Sim! Ao mudarmos a preposição, nós estaremos também mudando o sentido de cada uma. Portanto, para que você não faça mais confusões ou aprenda a diferenciar, vamos falar sobre cada uma delas.

Antes, porém, informo a você que acompanha minhas dicas que continuam as inscrições para o curso Aprender Inglês Lexicalmente. O curso que vai ajudar você a aprender inglês de um modo bem diferente do tradicional. As vagas são limitadas! Portanto, não fique de fora. Para participar clique no botão abaixo!

Shout At, Shout to, Shout with

Antes de vermos cada um separadamente, anote aí – caso ainda não saiba! – que SHOUT significa GRITAR. Claro que pode ter outros significados, mas o principal é GRITAR.

Assim, se traduzirmos literalmente cada uma dessas combinações – shout at, shout to, shout with – ficará uma bagunça grande em nosso cabeça. Podemos simplesmente achar que shout with é o certo para dizer gritar com  e estaremos comentando um erro.

Então, vamos aprender o certo!

Shout at

Esta é a combinação que você usa para dizer GRITA COM alguém em inglês. Isso, claro, quando você está com raiva, enfurecido e então esbraveja com a pessoa.

  • Why are you shouting at us? Did we do something wrong to you? (Por que vocês está gritando com a gente? A gente te fez algo de errado para você?)
  • Don’t you shout at me! Who do you think you are? (Não grite comigo! Quem você acha que é?)
  • Mom shouted at us for making a mess. (A mamãe gritou com a gente por cause da bagunça.)

Shout to

Use esta combinação quando a ideia for a de gritar para chamar a atenção de alguém. Você quer que a pessoa ouça sua voz; portanto, você fala mais alto.

  • A neighbour shouted to us from a window to stop the noise. (Da janela, um vizinho gritou para nós pararmos com o barulho.)
  • People waved and shouted to us as our train passed. (As pessoas acenavam e gritavam para nós enquanto nosso trem passava.)
  • I shouted to them across the busy street, but they didn’t hear me. (Eu gritei para eles na rua movimentada, mas eles não me ouviram.)

Shout with

Já a combinação shout with significa que estamos gritando junto com alguém. Ou seja, nós unimos nosso grito na esperança de sermos ouvidos.

  • Shout with me and let’s hope someone hear us. (Grita junto comigo e vamos torcer para que alguém nos ouça.)
  • They together were shouting with one voice. (Ele estavam gritando juntos.)

Shout with é também usada para dizermos o modo como estamos gritando ou se estamos usando algo enquanto gritamos.

  • She was shouting with a megaphone. (Ela estava gritando com um megafone.)
  • He shouted with his hand above his head. (Ele gritou com as mãos acima da cabeça.)
  • They shouted with joy when they heard the news. (Eles gritaram de alegria quando souberam da novidade.)

Conclusão

That’s it! Acredito que agora você já sabe qual a diferença entre shout at, shout to, shout with.

Caso queira continuar aprendendo mais sobre os usos de shout, recomendo que você procure por essa palavrinha em um bom dicionário de inglês. Abaixo eu recomendo alguns. That’s all for now! So, take care and keep learning!

» Fontes:

O significado de I mean e quando usar essa expressão

Qual é o significado de I MEAN? Como usar essa expressão corretamente em inglês? Se você já se fez essas perguntas e outras mais sobre I MEAN, chegou a hora de aprender. É só continuar lendo.

Essa dica está também em vídeo. Sim, eu gravei uma aula falando sobre o significado e usos de I mean. Portanto, se você quiser assistir a essa aula é só clicar aqui ou ir até o final da dica e assistir ao vídeo por aqui mesmo. Fica a seu critério!

Fillers em Inglês

Não dá para falar sobre I MEAN sem antes falar sobre os fillers em inglês – também conhecidos como discourse markers. Eu já escrevi uma dica aqui sobre isso – até publiquei um vídeo! –, então serei bem breve.

Fillers são palavras e pequenas expressões que nós usamos para preencher as pausas enquanto falamos naturalmente. Ou seja, os fillers ajudam a mostrar que a pessoa fala inglês – ou qualquer outra língua – com naturalidade. Pesquisas recentes mostram que o uso de fillers é um indicativo de que a pessoa é fluente na língua que está aprendendo.

Mas, para que isso seja feito de modo bem natural – nada mecânico! –, a pessoa tem de entender bem como e quando usar cada filler. Portanto, nesta dica, você aprenderá sobre o filler I MEAN, um dos mais frequentemente usados em inglês.

Para saber mais sobre fillers, leia a dica O que são fillers no inglês falado.

O significado de I MEAN

O significado de I MEANEssa pequena expressão – filler – possui vários significados. Portanto, para aprendê-los temos de ver como ela é usada. Só assim a gente consegue achar os equivalentes em português e, portanto, entender bem como ele funciona.

De modo bem simples e direto, eu posso dizer que o significado de I MEAN pode ser quer dizer, digo, tipo, tipo assim. O problema é que só isso não ajuda você a entender como esse filler é realmente usado na prática. Então, vamos aprender algumas situações.

Uso 1

Quando falamos algo e imediatamente percebemos que erramos na informação, nós usamos essa expressão para fazer a correção. Por exemplo:

  • You live in Brazil? So, you must speak Spanish… I mean, Portuguese, right? (Você mora no Brasil? Então, você deve falar espanhol… Quer dizer, português, né?)
  • It cost 200 bucks. I mean, 300. Got mixed up with the numbers here. (Custou 200 dólares. Digo, 300. Me embaralhei com os números aqui.)
  • Are you free on Friday? I mean, Saturday? (Você está na sexta? Digo, no sábado?)
  • We met in São Paulo. I mean, in Campinas. (A gente se conheceu em São Paulo. Quer dizer, em Campinas.)

Uso 2

O segundo uso desse filler se refere ao fato de querermos enfatizar algo que acabamos de dizer. 

  • The town is great. I mean, it’s fantastic. (A cidade é ótima. Ou melhor, ela é fantástica.)
  • That new guy at the office… He’s really handsome. I mean, he’s a real hunk. (O novato do escritório… Ele é lindão. Ou melhor, ele é gostosão mesmo.)
  • He has to stop drinking. I mean, he’s going to kill himself if he keeps it up. (Ele tem de parar de beber. Tipo, ele vai acabar se matando se continuar assim.)

Nesse caso, como você pode ver, nosso pequeno filler é usado para fazer uma pausa e assim complementar o que foi dito com algo mais enfático. A tradução de I MEAN nesse caso é meio complicado, mas a gente sempre tente achar algo que dê certo.

Uso 3

Também usamos o I MEAN no final do que acabamos de dizer apenas para deixar em aberto o que acabou de ser dito. Ou seja, já falamos o que queríamos e não sabemos o que mais acrescentar. Veja:

  • The place was filthy! There was no one to help us, no seats, no information table, I mean… (O local era imundo! Não tinha ninguém para ajudar a gente, não tinha cadeiras, não tinha balcão de informações, Tipo)
  • I’m not mad. No! I’m not angry. It’s just that… I mean… (Eu não estou zangado. Não! Eu não estou p. da vida. É só que… Tipo assim)

Uso 4

Em momentos nos quais queiramos explicar melhor o que acabamos de dizer, o I MEAN também pode ser usado.

  • You’re more of an expert than me. I mean, you’ve got all that experience. (Você é mais especialista que eu. Tipo assim, você tem toda a experiência.)
  • It’s such a great place. I mean, the waiter was wonderful and the food delicious, but it’s too expensive.  (É um lugar excelente. Tipo, o garçom foi fantástico a comida deliciosa, mas é bem carinho.)

Conclusão

Esses são os usos de I MEAN mais frequentes em inglês. Para aprendê-los bem, você precisa se envolver com a língua inglesa. Nesse caso, você deve ouvir inglês com bastante frequência para ir entendendo melhor o significado de I MEAN. 

Confesso a você que esse é o tipo de coisa que a gente leva um tempinho para aprender a usar naturalmente. Mas, garanto que aos poucos você vai começar a fazer uso disso sem nem ao menos perceber. I mean, it’s a thing that happens naturally.

Gostou desta dica!? Então, deixa um comentário aí abaixo. Vamos continuar aprendendo juntos. que tal continuar aprendendo muito mais em nosso canal no Youtube? Clique aqui para se inscrever.

That’s all I have for now! So, take care and keep learning!

AT LEAST: significado e uso (dica c/ áudio)

O que significa a frase AT LEAST? Como usá-la corretamente no inglês falado? Continue lendo para aprender! 

Antes, vale dizer que eu já falei sobre essa expressão antes. Isso foi na dica Como dizer PELO MENOS em inglês. Portanto, assim que terminar de aprender algumas coisas a mais aqui sobre o uso de AT LEAST, você poderá ler a dica já publicada e aprender muito mais. Afinal, conhecimento demais nunca é pouco.

Ah! Caso você esteja sem muito tempo para ler esse texto e ouvir os exemplos, não tem problemas. Você pode simplesmente ouvir a dica. Para isso, basta clicar no player abaixo. Assim, fica muito mais fácil para você ficar cada vez mais com seu Inglês na Ponta da Língua.

Agora, sim! Vamos aprender sobre essa pequena expressão tão comum no inglês falado.

AT LEAST: significado

Acima você já deve ter visto – notado – que eu já dei a tradução (o significado). Caso não tenha percebido, anote aí que essa pequena expressão significa PELO MENOS. Essa é, claro, a equivalência mais próxima que temos para ela em português. Portanto, não tem muito segredo.

AT LEAST: significado e usoÀs vezes podemos ainda traduzir por NO MÍNIMO. Mas, no geral, trata-se de uma expressão de fácil entendimento e uso.

Para não ficarmos apenas nisso, saiba que essa expressão está entre as 500 expressões mais usadas no inglês americano falado. Isso significa que as chances de você ouvir alguém usando essa expressão é muito grande. Logo, vale mesmo a pena aprender a usá-la corretamente. Falando em uso, vamos para a próxima parte da dica.

Exemplos

  • It’ll cost at least R$400.00. (Vai custar uns R$400,00 no mínimo.)
  • You’ll have to wait at least an hour. (Você terá de esperar por pelo menos uma hora.)
  • About two-thirds of adults consult their doctor at least once a year. (Cerca de dois terços dos adultos vão ao médico pelo menos uma vez ao ano.)
  • It’s a small house but at least there’s a garden. (É uma casinha mas pelo menos tem um jardim.)
  • Well, at least you have a choice. (Bom, pelo menos você tem uma opção.)
  • You should at least try. (Você poderia pelo menos tentar.)

AT THE VERY LEAST

Para encerrar, saiba que AT THE VERY LEAST costuma ser usada no lugar de AT LEAST quando queremos enfatizar a ideia do PELO MENOS. Veja alguns exemplos:

  • The journey will take a year, at the very least. (A viagem vai durar um ano, no mínimo.)
  • I’ll be gone for two weeks, at the very least. (Vou ficar fora por no mínimo uma duas semanas.)
  • You could’ve told me at the very least. (Você deveria pelo menos ter me contado.)

That’s all for now guys! I hope you’ve enjoyed this tip. Take care and keep learning!

» Fontes:

O que significa YE, THOU, THEE, THINE, THY?

O que significa YE, THOU, THEE, THINE, THY? Será realmente importante conhecermos essas palavras? Quando devemos usá-las? Enfim, o que temos a aprender sobre YE, THOU, THEE, THINE, THY?

Se você se faz ao menos uma dessas perguntas, leia esta dica para tirar todas suas dúvidas. Prepare-se também para entrar em um período da história da língua inglesa.

Let’s learn!

Está sem tempo para ler esta dica, então que tal assistir ao vídeo no qual falo tudo sobre ela? É só clicar no play abaixo e aprender!

O que significa YE, THOU, THEE, THINE, THY?

Para que você entenda bem o que significa YE, THOU, THEE, THINE, THY, eu vou separar cada um deles. Assim ficará mais fácil. Você pode ler apenas aquele que te interessa; mas, se quiser ficar com o Inglês na Ponta da Língua de verdade, leia sobre todas elas.

Um Pouco de História

Todas essas palavras eram frequentemente usadas em um período da história da língua inglesa conhecido como Middle English. Os estudiosos têm opiniões diferentes, mas para a grande maioria esse período foi de 1100 até 1500.

Assim, os escritos daquela época certamente fariam uso dessas palavras. Se você ler as obras de Shakespeare com o inglês usado por ele, você notará o uso quase abusivo de YE, THOU, THEE, THINE, THY.

Outra obra na qual é possível encontrar essas palavras aos montes é em uma versão da Bíblia conhecida como King James.

Portanto, se você tem contato com esses textos, você encontrará essas palavras com muita facilidade. Fora isso, elas não são assim tão comuns. Ou seja, nos textos atuais – inglês dos dias de hoje–, essas palavras, claro, não são usadas.

O que significa YE, THOU, THEE, THINE, THY?Em todo caso, sempre tem gente que as encontra por aí e quer saber o que elas significam, então vamos aprender uma a uma. Antes, porém, devo dizer que todas elas estão relacionadas aos pronomes YOU ou YOUR dos dias de hoje.

O que significa YE?

Era o YOU usado no plural. Ou seja, YE significa VÓS (vocês).

  • Ye cannot serve God and mammon. (Vós não podeis servir a Deus e a Mammon.)
  • Seek and ye shall find. (Buscais e vós encontrareis.)

Dica extra para você!

YE era também a forma de se escrever THE no passado. Ainda hoje é usado nos nomes de bares (pubs) só para fazer charme: Ye Old Barn is a well known pub in town (Ye Old Barn é um bar bem conhecido na cidade).

» Leia também: Como saber se YOU significa VOCÊ ou VOCÊS?

O que significa THOU?

Esse era o pronome YOU no singular. Portanto, equivale ao nosso TU (você).

  • Thou shalt have no other gods before me. (Tu não terás outros deuses além de mim.)
  • Thou art our Refuge and Strength. (Tu és nosso Refúgio e Fortaleza.)

» Leia também: Tradução de YOU: indo além do básico

O que significa THEE?

 THEE equivale ao YOU na função de pronome objeto. Ou seja, aparece geralmente após verbos ou preposições.

  • I love thee. (Eu te amo.)
  • I beseech thee, merciful Lord. (Eu te suplico, Senhor misericordioso.)
  • Then sings my soul my savior God to Thee: how great Thou art. (Então minha alma canta a Ti, Senhor: Quão grande és Tu.)
  • Said I not unto thee, that, if thou wouldest believe, thou shouldest see the glory of God? (Não te disse eu que se creres, verás a glória de Deus?)

O que significa THINE?

THINE equivale aoYOUR dos dias atuais. Trata-se do adjetivo possessivo em inglês. No entanto, THINE era usado com palavras que iniciavam com sons vocálicos.

  • Honor thine ancestors, my friend. (Honre seus ancestrais, meu amigo.)
  • Turn thine eyes to Christ. (Volte seus olhos para Cristo.)
  • Why doth thine anger smoke against the sheep of thy pasture? (Por que se acende a tua ira contra as ovelhas do teu pasto?)

O que significa THY?

 THY era também o pronome YOUR dos dias de hoje. No entanto, era usado apenas com palavras que se iniciavam com som consonantal.

  • Honor thy word, my friend. (Honre tua palavra, meu amigo.)
  • Please accept my soul into Thy hands, and take pity on me. (Por favor, aceite minha alma em Tuas mãos e tenha piedade de mim.)
  • Thy brother shall rise again. (Teu irmão há de ressuscitar.)

Conclusão

 Acredito que agora você já sabe o que significa YE, THOU, THEE, THINE, THY. Caso esteja lendo algum texto antigo por aí, não fará confusão. Mas, se fizer, não se preocupe. Eu também faço confusão e sempre tenho de ler sobre isso novamente.

Como não são palavras usadas com frequência é normal que a gente esqueça tudo isso. Portanto, não se preocupe! Você certamente – assim como eu– voltará a ler esse texto no futuro.

I guess that’s all for now, guys! So, take care and keep learning!

» Fontes:

Tradução de YOU: Indo Além do Básico em Inglês

Você sabia que a tradução de YOU pode ser mais criativa?

Quando comecemos a aprender inglês, logo aprendemos que YOU significa VOCÊ ou VOCÊS. Não há segredo nisso! Praticamente todos estudantes de inglês mantém isso na cabeça. Curiosamente, alguns até se perguntam como saber se em inglês o YOU refere-se a VOCÊ ou a VOCÊS.

Mas, essa dica, eu quero ir um pouco além do básico. Quero mostrar a vocês que a tradução de YOU pode ser diferente para assim deixar os textos mais interessantes. Afinal, ficar dizendo VOCÊ ou VOCÊS o tempo todo cansa.

Portanto, continue lendo para aprender umas coisas bem interessantes sobre a tradução de YOU para o português.

A Tradução de You

Ao longo dos meus estudos de inglês, eu sempre achei que YOU deveria ser traduzido apenas pelas maneiras que mencionei acima. Com o tempo, no entanto, fui percebendo que YOU pode ser traduzido de outras maneiras. Afinal, essas outras maneiras deixam as coisas mais perto do modo como nós usamos a nossa língua portuguesa na prática.

Vamos ver cada uma dessas maneiras separadamente.

senhor, senhora

A Tradução de YouNa língua portuguesa, nós costumamos falar assim “O senhor poderia ficar aqui com a gente”. Como você traduziria esse “senhor” para o inglês?

Você certamente deve ter a mesma dúvida que eu tinha. Nós aprendemos as palavras Mister (Mr.) e sir. Para “senhora”, nós temos Mistress (Mrs.) e madam. No entanto, elas não se encaixam da mesma forma que “senhor” e “senhora” em português. Nesses casos, em inglês não ha uma palavra específica. Na verdade, podemos usar o pronome YOU com esses sentidos. Veja os exemplos:

  • You could stay here with us. (O senhor poderia ficar aqui com a gente.)
  • Could you please help me? (A senhora poderia me ajudar?)
  • I think you are totally mistaken. (Eu acho que os senhores estão redondamente enganado.)
  • Do you live here? (O senhor mora aqui?)

Pronome Indefinido

Há momentos em português que a gente não deixa muito claro de quem estamos falando. Ou, na verdade, estamos generalizando. Nessas horas, é preciso entender que em inglês YOU pode ser usado sem se referir a alguém especificamente. Veja:

  • Nowadays, you study English because it’s important for your carreer. (Hoje em dia, estuda-se inglês por ser importante para a carreira.)
  • If you don’t like a candidate, you shouldn’t vote for them. (Quem não gosta de um candidato não deve votar nele.)
  • They want you to spend all the money you have. (Eles querem que a gente gaste todo o dinheiro que tem.)
  • This new technology will help you to better manage your time. (Esta nova tecnologia ajudará as pessoas a gerenciar melhor o tempo delas.)

Isso pode parecer bem estranho. Mas, acredite soa muito mais natural do que ficar traduzindo por VOCÊ ou VOCÊS o tempo todo. Lembre-se que esse é um uso de YOU que as escolas simplesmente não ensinam e que você certamente nunca percebeu. Muita gente só pensa nisso quando precisa verter um texto do português para o inglês.

Ser Mais Específico

Em alguns contextos, nós podemos usar palavras mais específicas para a tradução de YOU. Isso ajuda a deixar o texto muito mais claro e assim saber a quem ele é realmente dirigido.

  • You visit their website and buy whatever you want. (Os clientes entram no site e compram o que bem quiser)
  • Their invention will help you in the future. (A invenção deles ajudará os usuários no futuro.)
  • You should let the public know what is really going on here. (A imprensa deveria informar ao público o que está realmente acontecendo aqui.)

Como dito, aqui dependerá do contexto. Essa é uma estratégia de tradução para evitar o uso abusivo de VOCÊ e VOCÊS no texto. Portanto, ao traduzir um texto do inglês para o português, você pode usar essa estratégia e deixa o texto mais direto.

Omitir o Pronome

Uma outra estratégia é omitir a tradução de YOU. Isso acaba passando uma noção de impessoalidade ao texto. Algo que o deixa mais abrangente e o recado pode ser entendido por todos.

  • It’s not that difficult. You just have to follow the rule. (Não é difícil. Só é preciso seguir as regras.)
  • You are not allowed to smoke here. (Não é permitido fumar aqui.)
  • You should call a grown-up if you see something strange. (Case veja algo de estranho, chame um adulto.)

Conclusão

Novamente, lembre-se que isso tem tudo a ver com o contexto e com a ideia que desejamos enfatizar ao fazermos uma tradução. Claro que a tradução de YOU pode ser sempre VOCÊ ou VOCÊS, mas o texto – a tradução – poderá ficar meio sem graça ou muito literal. Portanto, essas diferentes maneiras de tradução de YOU são ideias para deixar suas traduções mais fluídas.

Well, that’s it for now! I hope you’ve enjoyed this tip. Take care and keep learning!

» Fontes dos Exemplos:

Por que o passado de GO é WENT em Inglês?

Você já se perguntou por que o passado de GO é WENT em inglês? Eu sei que essa pergunta parece meio louca, mas enviaram-na para mim. Assim, decidi compartilhar a resposta com todos vocês.

Se você já perguntou (ou não) por que o passado de GO é WENT e nunca achou a resposta, continue lendo para matar a curiosidade.

Por que o passado de GO é WENT?

A resposta a essa pergunta é simplesmente simples. Tudo tem a ver com a formação da língua inglesa. Então, temos de voltar no tempo!

Lá nos velhos tempo do Old English, algo que foi do ano 450 ao ano 1150, a língua inglesa estava em formação. Por ser um período de mistura de várias povos cada qual com seu jeito de falar, a língua inglesa era um verdadeiro quebra cabeça.

Em algum momento naqueles tempos, havia dois verbos para dizer IR em inglês. Um verbo era GO e o outro era WEND. Ou seja, naquele tempo um grupo de pessoas dizia “go to school”, já outro grupo dizia “wend to school” e o significado era o mesmo: ir para escola.

Por que o passado de GO é WENT?35O verbo GO no passado era GAED (com “a” mesmo). Mas, o passado de WEND era WENT.  Então, alguns diziam “I gaed to school” e outros, “I went to school”. O significado, claro, era “Eu fui para a escola”.

O tempo foi passando, e as pessoas começaram a misturar tudo. Dessa grande mistura, acabou saindo essa maluquice que temos hoje: GO é usado para quase todos os tempos verbais, mas WENT (que era o passado de WEND no passado) acabou sendo usado como a palavra para indicar o passado de IR em inglês.

Tentar explicar o porquê dessa escolha é algo complicado. Contudo, o que podemos dizer é que isso aconteceu devido às escolhas que as pessoas foram fazendo na hora de falar. Assim, todos foram se acostumando com GO para o tempos verbais em geral e WENT para o passado.

» Leia também: Por que WON’T e não WILLN’T?

Que fim levou o verbo WEND?

WEND com o sentido de IR acabou caindo em desuso. Ou seja, as pessoas foram deixando ele de lado e dando preferência a GO. No entanto, WEND ainda continua sendo usado nos dias de hoje na combinação: WEND ONE’S WAY.

O significado dessa combinação é “DIRIGIR-SE A”, “SEGUIR O CAMINHO”, “MOVER-SE VAGAROSAMENTE”. Veja os exemplos:

  • The thieves wended their way through the dark. (Os ladrões moveram-se sorrateiramente pela escuridão.)
  • They wended their way across the city. (Eles seguiram o caminho através da cidade.)
  • We wended our way through the narrow streets. (Nós seguimos nosso caminho pela ruas estreitas.)
  • Just this week, infrared cameras detected 15 people wending their way across the desert. (Somente esta semana, as câmeras de infravermelho detectaram 15 pessoas seguindo pelo deserto.)

Note que o passando de WEND nesse caso é WENDED e não a forma como era no Old English.

» Leia também: Como dizer EU FUI em inglês?

Conclusão

Agora você já já sabe por que o passado de GO é WENT em inglês. Pena que você – e nem eu– jamais saberemos o que houve na cabeça das pessoas para escolher WENT para o passado e não GAED. Enfim, maluquices linguísticas que nós apenas temos como curiosidades!

That’s all for now, guys! I hope you’ve enjoyed this tip. Take care and keep learning.

» Fontes dos Exemplos:

A Diferença entre WAS e WENT: qual é?

Qual é a diferença entre WAS e WENT? Você já se fez essa pergunta? Muitos estudantes de inglês – principalmente iniciantes– sempre se enrolam com essas três palavrinhas, então espero tirar essa dúvida com esta dica. Continue lendo!

Antes de irmos para a dica, você já baixou o presente que estou dando a todos os leitores e leitoras do Inglês na Ponta da Língua? Se ainda não baixou, não deixe para última hora. Pois, ele ficará disponível por tempo limitado. Clique aqui para saber mais!

Duas Palavrinhas Simples

Antes de falar sobre a diferença entre WAS e WENT, quero pedir uma coisa.

Esqueça tudo o que você já leu sobre verbo no passado, passado do verbo to be, passado do verbo go e coisas do tipo. Esqueça as regras do Past Simple. Enfim, esqueça isso tudo.

Mantenha em mente que WAS e WENT são apenas duas simples palavrinhas em inglês. Assim sendo, cada uma delas tem significados e usos específicos.

Garanto a você que isso vai facilitar muito sua vida.

A Diferença entre WAS e WENT

A Diferença entre WAS e WENTComo dito acima, cada uma dessas palavrinhas tem significados e usos específicos. Portanto, tudo o que você precisa fazer é entender esses significados e usos.

Para isso a melhor coisa a fazer é ver exemplos e comparar com o português. Então, vamos ver cada uma delas separadamente.

WAS

A palavra WAS pode ser traduzida por “era”, “fui” e “foi” ou ainda “estava” Veja os exemplos:

  • I was a good student. (Eu era uma boa aluna.)
  • She was married to a Canadian businessman. (Ela foi casada com um empresário canadense.)
  • Mike was the first person to get here. (O Mike foi a primeira pessoa a chegar aqui.)
  • He wasn’t home last night. (Ele não estava em casa ontem à noite.)
  • Was she singing? (Ela estava cantando?)
  • It was raining. (Estava chovendo.)

Note que WAS refere-se aos verbos “ser” e “estar” no passado. Além disso, observe que WAS só é usado com os pronomes pessoais I, he, she e it.

» Leia também: WERE ou WAS?

WENT

WENT por sua vez significa “fui”, “foi”, “fomos”, “foram”. Aqui, todas essas palavras referem-se ao verbo IR no passado. Veja:

  • I went to Mary’s party on Friday. (Eu fui para a festa da Mary na sexta.)
  • After the gym, she went home. (Após a academia, ela foi para casa.)
  • We went to the mall last night. (Nós fomos ao shopping ontem à noite.)
  • You went too far, little boy. (Você foi longe demais, garotinho.)
  • They went to church. (Eles foram para a igreja.)

Independentemente da pessoa, em inglês usamos WENT sempre que nos referirmos ao verbo IR no passado. Note que sempre fica implícita a ideia de movimento.

WAS ou WENT?

 Como você deve ter notado, WAS e WENT podem ser traduzidos por “fui” e “foi”. Saiba que é nesse ponto que muita gente faz confusão. Afinal, como dizer as duas sentença abaixo em inglês:

  • Ele foi ao supermercado hoje de manhã.
  • Antes de ser político, ele foi carpinteiro.

Nas duas sentenças temos a palavra FOI. Logo, a dúvida é: em que momento devemos usar WAS ou WENT?

Não é tão complicado assim. Lembre-se que WENT é sempre o verbo GO no passado. Ou seja, indica movimento. Refere-se ao ato de IR a um local. A primeira sentença diz que “ele foi ao supermercado” (ele movimentou-se até o supermercado). Assim, em inglês diremos:

  • He went to the supermarket this morning.

Na segunda sentença, não temos a ideia de movimento. Nela a palavra FOI refere-se ao verbo SER. Estamos falando “ele foi professor” (ou, ele era professor). Em inglês,

  • Before being a politician, he was a carpenter.

Para evitar confusão, tudo o que você precisa entender é que WENT transmite a ideia de movimento, dirigir-se a um local. Já a palavra WAS não tem essa ideia. Outros exemplos:

  • I went to prison when I lived in London. (Eu fui pra cadeia quando morei em Londres.)
  • I was one of the best in class. (Eu fui um dos melhores da turma.)
  • She went to Germany last year. (Ela foi para a Alemanha ano passado.)
  • She was really beautiful, but now… (Ela foi muito bonita, mas hoje em dia…)

Conclusão

Com as dicas acima, você já tem uma boa noção sobre a diferença entre WAS e WENT. Para se acostumar e perceber isso na prática, a melhor coisa a fazer é observar a língua inglesa sendo usada. Portanto, fique de olho em sentenças com essas palavras.

Assista ao vídeo abaixo, para entender ainda mais sobre essa confusão. Aproveite e inscreva-se em nosso canal no Youtube.

Por fim, se você está aí querendo saber a diferença entre dizer “eu fui” e “eu era”, sinto muito. Este aqui é o Inglês na Ponta da Língua e não o Português na Ponta da Língua. Então, vamos deixar isso de lado!

That’s all for now, guys! Take care and keep learning!

Preposições com Meios de Transporte em Inglês

Preposições com meios de transporte em inglês é um assunto que causa confusão entre estudantes de inglês.

O grande problema é que muitos acham que há regras a serem seguidas. Mas, será que há mesmo essa coisa de regras? Em um texto publicado aqui – e também um vídeo–, eu falo que não há muito essa coisa de regras das preposições em inglês.

Na verdade, o que realmente há é o uso das palavras de modo correto. Portanto, o que você deve aprender é qual a preposição certa a ser usadacom as palavras. Assim, nesta dica, vou mostrar a você as preposições com meios de transportes em inglês a serem usadas corretamente. Então, continue lendo!

Preposições com Meios de Transporte em Inglês

As preposições com meios de transportes em inglês comumente usadas são: by, into, out of, one off. Mas, ao invés de procurar por regras ou tentar adivinhar quando usar uma ou outra corretamente, aprenda quais você deve usar com os meios de transporte correto. Isso facilitará muito seu aprendizado.

» Leia também: Uso das Preposições In, On e At com Lugares

By

Preposições com Meios de Transporte em InglêsA preposição by é usada com as seguintes palavras:

  • air, rail, road, sea, train, bus, coach, car, plane, boat, taxi, etc.

Seu significado quando usado com essas palavras é “de”. Veja os exemplos:

  • We traveled by bus. (A gente viajou de ônibus.)
  • I guess they’re coming by car. (Eu acho que elas virão de carro.)
  • It’ll take longer by train. (Vai demorar mais de trem.)
  • I don’t think it’s a good idea to go by road. (Não acho que seja uma boa ideia ir de carro.)

Além disso, by é também usada com os verbos go, comee travel.

  • go by bus (ir de ônibus)
  • come by air (vir de avião)
  • travel by sea (viajar pelo mar)

»» Inscreva-se no Curso Inglês na Ponta da Língua e aprenda inglês de modo descomplicado. CLIQUE AQUI

INTO e OUT OF

Essas duas são usadas com car, taxi e truck. Veja:

  • She got into the car. (Ela entrou no carro.)
  • He got out of the taxi. (Ele saiu do táxi.)
  • The driver went out of the truck and screamed for help. (O motorista saiu do caminhão e gritou pedindo ajuda.)

» Leia também: Uso das Preposições In, On e At com Expressões de Tempo

ON e OFF

Já essas são geralmente usadas com o verbo get: get one get off. Costumam estar sempre juntas dos seguintes meios de transporte:

  • train, bus, plane, boat, bike, motorbike, motorcycle

Exemplos para fixar melhor:

  • They got on the plane. (Eles entraram no avião.)
  • Mike got off the bus and walked to school. (O Mike desceu do ônibus e foi andando para a escola.)
  • I got off the motorbike and talked to the driver. (Eu desci da moto e conversei com o motorista.)

Dica extra

Acima você viu que usamos by com o sentido de “de”: by train, by bus, by car, by plane, etc. Esse é o correto!

Mas, caso você queira dizer “de pé” ou “à pé”, então use a preposição “on”:

  • We used to go to school on foot. (A gente ia para escola à pé.)

Prontinho! É assim que você deve usar as preposições com meios de transporte em inglês. Veja que não são regras. São apenas observações de como as palavras são usadas em conjunto: uma combinando com a outra (collocations).

Tudo o que você precisa fazer é se acostumar. Portanto, pratique-os, procure por mais exemplos e você certamente ficará com isso na ponta da língua.

That’s all for now, guys! Take care and keep learning!

A Diferença Entre HOW ABOUT e WHAT ABOUT?

Qual a diferença entre HOW ABOUT e WHAT ABOUT? Será que há alguma diferença? Será que as duas frases podem ser usadas sempre uma no lugar da outra?

Quando eu comecei a aprender inglês, eu usava as duas como se fossem a mesmíssima coisa. Mas, com o tempo fui percebendo que a diferença entre how about e what about existe. Portanto, nesta dica vamos falar sobre isso.

How About  e What About: significado

Se pegarmos um dicionário, vamos aprender que essas duas expressões significam QUE TAL. Por exemplo,

  • What about staying here for a while? (Que tal ficarmos aqui por uns instantes?)
  • How about  a beer? (Que tal uma cerveja?| Vai uma cerveja aí?)
  • How about Friday night? (Que tal na sexta à noite?)
  • What about Sunday evening at Frank’s? (Que tal no domingo à noite lá no Frank?)

Vendo assim – apenas pela tradução–, somos levados a crer que HOW ABOUT e WHAT ABOUT podem ser usadas uma no lugar da outra. Mas, é bom saber que nem sempre é assim. Então, vamos aprender a diferença entre HOW ABOUT e WHAT ABOUT.

A Diferença entre HOW ABOUT e WHAT ABOUT

Há dois casos nos quais não podemos trocar uma frase pela outra. Veja!

Quando pedimos para alguém nos dar algo ou se perguntamos se eles farão algo, nós devemos usar apenas HOW ABOUT.

  • How about a couple of dollars until payday?

A Diferença entre HOW ABOUT e WHAT ABOUTNesse caso, podemos traduzir melhor: Você pode me arrumar uns trocados até o pagamento sair?

A pessoa está usando HOW ABOUT justamente para pedir algo de alguém. Veja o próximo exemplo:

  • How about offering me something to drink?

Aqui seria algo “Que tal você me arrumar algo para beber?”. A ideia por trás da pergunta é “E aí!? Você vai me arrumar algo para beber!?”. Ou seja, a pessoa que pergunta quer saber se a outra fará algo ou não.

Nesses dois casos, só usamos HOW ABOUT. Já no mini diálogo abaixo temos um exemplo de quando devemos usar apenas WHAT ABOUT:

– You can throw this one away.
– What about the others?

Nesse caso, a primeira pessoa diz que este aqui pode ser jogado fora. Então, a segunda pessoa quer saber o que fazer com as outras. Em português, podemos traduzir assim:

– Você pode jogar este aqui fora.
– E as outras?

Veja que agora a melhor tradução é “E…?” e não “Que tal…?”. Veja mais exemplos:

  • Ok! We both can stay here. But, what about the kids? (Beleza! Nós dois podemos ficar aqui. Mas, e as crianças?)
  • I understand you want to spend the weekend camping, but what about my English class on Saturday? (Eu entendo que você quer acampar no fim de semana, mas e meu inglês no sábado?)

Esses são os casos no quais você deve perceber a diferença entre HOW ABOUT e WHAT ABOUT.

HOW ABOUT e WHAT ABOUT: outros usos

Em outras situações, podemos usar tanto HOW ABOUT quanto WHAT ABOUT. Mas, que outras situações são essas? Vamos lá!

Quando queremos saber se alguém ou algo pode ser incluído em algo:

– We’re all going to the beach? (Nós todos vamos para a praia?)
– How about Maria? (E a Maria?)

Ou,

– The apartment has one bedroom, two bathrooms, a big kitchen, and a living room. (O apartamento tem um quarto, dois banheiros, uma cozinha grande e uma sala de estar.)
– What about closets? (E armários?)

Também usamos as duas para fazermos sugestões:

  • How about meeting next week? (Que tal nos reunirmos semana que vem?)
  • What about sending her a message? (Que tal mandar uma mensagem a ela?)
  • What about taking a fews days off? (Que tal tirar uns dias de folga?)
  • How about a trip to the zoo this afternoon? (Que tal uma ida ao zoológico hoje à tarde?)

Por fim, as duas podem ser usadas para perguntar a algo sobre algo que você acabou de dizer:

  • I love reading. What about you? (Eu adoro ler. E você?)
  • Everyone else is coming. How about you? (Todo mundo vai vir. E você?)
  • I’m fine. What about you? (Eu estou bem. E você?)
  • I’m having coffee. How about you? (Eu vou de café. E você?)

Basicamente, essa é a diferença entre HOW ABOUT e WHAT ABOUT. Claro que você deve sempre pesquisar em um bom dicionário para aprender mais sobre o uso das palavras em inglês.

That’s all for now, folks! Take care and keep learning!

»» Fontes:

KNOW BEST: o que significa e como usar?

Know best!? O que significa!? Como usar essa expressão!? Se você quer melhorar o vocabulário em inglês, esta dica vai ajudar um pouco. Então, continue lendo.

KNOW BEST: significado e uso

À primeira vista a tendência de todo mundo é traduzir KNOW BEST por SABER MELHOR. Afinal, se dermos uma olhada no The Free Dictionary, leremos a seguinte definição para essa frase:

to have more knowledge and experience about something than anyone else

Veja que o dicionário se refere ao fato de ter mais conhecimento ou experiência sobre algo do qualquer outra pessoa. Portanto, SABER MELHOR parece ser mesmo a melhor opção, não é mesmo?

O que significa KNOW BEST?Acontece que em português, a gente não fala assim. Por aqui o que dizemos é SABER DAS COISASou SABER BEM. Ou seja, se alguém tem mais experiência e conhecimento sobre um determinado assunto, a gente por aqui diz que essa pessoa sabe das coisas ou sabe bem das coisas. Veja alguns exemplos,

KNOW BEST: exemplos

  • She always thinks she knows best. (Ela sempre acha que sabe das coisas.)
  • When it comes to toys, your child knows best. (Quando se trata de brinquedos, seu filho sabe das coisas.)
  • As the person who designed the entire system, I think I know bestabout how to protect our users. (Sendo a pessoa que desenvolveu todo o sistema, eu acho que eu sei bemcomo proteger nossos usuários.)
  • You should listen to her advice. After all, mom knows best. (Você deveria seguir o conselho dela. Afinal, a mamãe sabe das coisas.)
  • When it comes to dealing with my own son, I think I know best. (Quando se trata de como lidar com meu próprio filho, eu acho que sei bem das coisas.)

» Leia também: Como dizer QUANDO SE TRATA DE em inglês (dica com áudio)

Uma Expressão Extra

Às vezes podemos ainda traduzir KNOW BEST de um modo diferente. Por exemplo, se alguém diz “Well, you know best!”, podemos interpretar como “Bom, você que sabe!”.

Isso não precisa ser apenas com o pronome “you”. Pode ser qualquer outro!

  • I would take the highway myself, but you live here so you know best. (Eu pegaria a estrada, mas você mora aqui então você que sabe.)
  • I thought he would come with us, but he knows best. (Eu achei que ele viria com a gente, mas ele que sabe.)

Enfim, não há muito segredo nessa frase. Tudo o que você precisa fazer é ficar atento ao contexto e assim encontrar a melhor tradução para ela. Isso dependerá sempre do contexto.

That’s all for now, guys! I hope you’ve enjoyed this tip. So, take care and keep learning.