O que significa PRETTY? Leia e aprenda aqui!

O que significa pretty? Você ainda se enrola com essa palavrinha no seu inglês? Então, esta dica vai ajudar você a desenrolar isso e, assim, passar a usá-la com mais segurança. Você vai ver que não é nenhum bicho de sete cabeça.

O que significa PRETTY (adjetivo)

Você deve saber que pretty significa bobnito ou bonita. Mas, o que você talvez ainda não saiba é que pretty com esse sentido é usado para descrever mulheres (garotas) ou bebês (crianças). Portanto, não use pretty para dizer que um amigo (homem, rapaz, moço, menino) é bonitinho. Lembre-se: pretty é usado para mulheres ou bebês (independentemente do sexo).

  • What a pretty baby. (Que bebê lindinho.)
  • His sister is a very pretty girl. (A irmã dele é uma menina muito bonita.)
  • She’s got such a pretty daughter. (Ela tem uma filha bonita.)

Pretty também é usada para descrever uma música ou um local que é agradável, que gostamos, que nos faz bem.

  • What a pretty little garden! (Que jardim adorável!)
  • This tune is pretty. (Essa melhoria é agradável).
  • It’s a very pretty little town. (É uma cidadezinha bonita.)

» Leia também: I have a question ou I have a doubt?

O que significa PRETTY (advérbio)

O que você viu acima são os usos de pretty como adjetivo. Creio que a maioria das pessoas não tem problema com o significado de pretty nesse caso. O problema mesmo ocorre quando pretty aparece na função de advérbio. É isso o que vamos ver agora.

O que significa pretty?De modo bem simples, o significado de pretty como advérbio é algo como “um tanto quanto”. Ou seja, é quase muito, mas não tão muito assim. Veja os exemplos abaixo e as traduções para entender melhor o que estou dizendo:

  • She’s a pretty good student. (Ela é um aluna razoável/boa, mas nem tanto!)
  • I’m pretty sure he’ll say yes. (Eu tenho um certa esperança de que ele dirá sim.)
  • Her work was pretty good. (O trabalho dela foi bonzinho.)
  • She received a pretty sum of money. (Ela recebeu uma boa quantia em dinheiro.)
  • His English is pretty good. (O inglês dele até que é bonzinho.)
  • Alligator leather is not only tough and durable but also pretty attractive. (Couro de jacaré não é apenas forte e resistente mas também um tanto quanto atraente.)

» Assista no Youtube: Como dizer será quem em inglês?

Veja que nos exemplos acima estamos nos referindo de modo positivo a algo. No entanto, o uso de pretty, como advérbio, passa a ideia de mais ou menos e não de muito. Claro que pretty também pode ser usado com adjetivos negativos:

  • My house’s getting pretty old. (Minha casa está ficando um tanto quanto velha.)
  • Mike looks pretty tired. (Mike parece um tanto quanto cansado.)

Nesses casos a palavra pretty suaviza o adjetivo, evitando que a situação pareça tão negativa.

» Leia também: Significados e Usos de Further

Pretty vs Rather

Para encerrar a dica, é bom saber que muita gente faz confusão com os usos de pretty e rather. Pois, rather também tem o mesmo significado. Então, qual a diferença?

Pretty é de longe a palavra mais usada no inglês falado/escrito informalmente. Isso significa que rather aparece com mais frequência em contextos formais. No inglês britânico é possível encontrar a palavra rather sendo usada em contextos informais; no entanto, a preferência ainda é pela palavra pretty. Essas são as principais diferenças entre elas. Nada muito complicado, não é mesmo? O significado é praticamente o mesmo; mas, em se tratando de uso no inglês informal e formal, essa é diferença.

Pronto! Agora que você já sabe o que significa pretty e também quando usar essa palavrinha é só começar a praticar. Para que você adquira confiança, procure por mais exemplos e compare com o que foi dito nesta dica. I’m pretty sure you’ll learn much more. Take care!

Qual a Diferença entre As Long As e While

Dependendo do contexto podemos traduzir as long as e while por enquanto. Isso causa uma certa confusão na cabeça de vários estudantes. Portanto, nesta dica você aprenderá a diferença entre as long as e while no sentido de enquanto.

De acordo com a gramática da língua inglesa, a palavra while é usada para indicar que uma ação acontece ao mesmo tempo que outra. Mas, o tempo de duração é geralmente curto. Por exemplo,

  • We discussed the situation while we were going to work. (Discutimos a situação enquanto íamos para o trabalho.)
  • Could you look after the children while I cook lunch? (Você poderia dar uma olhadinha nas crianças enquanto eu preparo o almoço?)
  • Someone called while you were out. (Alguém te ligou enquanto você estava na rua.)

A diferença entre As Long As e WhileJá a expressão as long as (ou, so long as), com o sentido de enquanto, serve para se referir a um período mais longo de tempo. Geralmente, refere-se a ações futuras. Embora seja possível, são raras as ocasiões em quem as long as é usada com referência ao presente ou ao passado.

  • I will never play chess as long as I live. (Eu nunca vou jogar xadrez enquanto eu estiver vivo.) [Ou seja, durante toda minha vida eu nunca vou jogar xadrez]
  • As long as I live, I’ll have no more beer. (Enquanto eu viver, não vou mais tomar cerveja.)
  • As long as we keep playing well, we’ll keep winning games. (Enquanto continuarmos jogando bem, continuaremos vencendo os jogos.)

Portanto, de modo simples e geral, a diferença entre as long as e while está justamente no período de tempo. Quando se referir a um tempo curto, é comum usar while; já para períodos mais longos, usa-se as long as.

No entanto, informalmente e em algumas regiões onde a língua inglesa é falada, essa diferença anda sendo deixada de lado. A palavra while está sendo usada em todos os casos. Isso significa que no futuro, as long as poderá perder essa função. Por enquanto, é bom ficar atento à diferença; pois, o pessoal mais gramaticista preza pela diferença.

Antes de encerrar esta dica, vale dizer que as long as também significa desde que. Trata-se de um outro significado de as long as. Veja alguns exemplos:

  • You can stay here as long as you don’t touch anything. (Você pode ficar aqui desde que não mexa em nada.)
  • My parents don’t care what job I do as long as I’m happy. (Meu pais não se importam com o trabalho que faço desde que eu esteja feliz.)
  • You can leave early as long as you finish the work. (Você pode sair cedo desde que termine o trabalho.)

That’s it! Agora você já tem uma ideia da diferença entre as long as e while. Caso ainda restem dúvidas é só deixar um comentário aí abaixo. Até a próxima. 😉

Quando usar from ou of?

Quando usar from ou of? Essa é uma daquelas perguntinhas que passa pela cabeça da grande maioria dos estudantes de inglês. Ela só não ganha da pergunta “Quando Usar as Preposições To e For?”. Enfim, já que dúvida é frequente, continue lendo para aprender quando usar from ou of.

Para começar, saiba que a principal diferença entre from e of está no fato de from geralmente indicar a origem de algo/alguém ou o ponto de origem onde algo foi realizado. Por exemplo,

» I’m from Porto Velho. (Eu sou de Porto Velho. )
» This came from Italy. (Isso veio da Itália.)
» He called from his neighbor. (Ele ligou/telefonou do vizinho | da casa do vizinho.)

Quando Usar From ou OF

Nesses casos não dá para usar a preposição of. Isso porque of não é usada para indicar a origens.

Fora isso, os demais casos nos quais usamos from são melhores aprendidos (ou adquiridos) se você prestar atenção ao uso das palavras. Ou seja, não há uma regra milagrosa. O que há é o uso das palavras em combinação com outras. [Leia também: Regras das Preposições em Inglês: será que tem?]

Para entender isso, veja as sentenças abaixo:

» They ran away from building.
» We got help from our neighbors.
» My house is different from yours.
» She’ll earn from twenty to thirty dollars an hour.
» They knew the songs from memory
» from start to finish

Note que em todas elas usamos a preposição “from”. Mas, não tem como criarmos uma regra observando essas sentenças. O que temos de fazer é aprender as combinações e aprender o significado e uso delas. Como assim?

Em seu caderno de vocabulário, anote as combinações como estão abaixo:

» run away from (sair correndo de, fugir de)
» get help from someone (receber ajuda de alguém)
» be diffferent from (ser diferente de)
» earn from … to … (receber de … a …)
» know something from memory (saber algo de memória, de cor)
» from start to finish (do começo ao fim)

O segredo para saber quando usar a preposição from esta em 3 passos:

1. Aprenda as combinações
2. Entenda o significado/uso de cada combinação
3. Observe quando elas são naturalmente usadas e aprenda com o uso

Seguindo esses passo, você começará a aprender quando usar from e of em inglês naturalmente e sem muitas dificuldades. Mas, já que estamos falando sobre of, vamos aprender alguns de seus usos. [Leia também: Quando Usar FROM em Inglês?]

De modo geral, of indica uma conexão com algo; essa preposição passa a ideia de qual algo faz parte de (ou pertence a) outro algo:

» the pages of the book (as páginas do livro)
» the leaves of the tree (as folhas da árvore)
» the parts of the house (as partes da casa)

Também usamos of para identificar a profissão de alguém ou sua área de especialização:

» a professor of Chemistry (um professor de química)
» students of psychology (estudantes de psicologia)

Aos nos referirmos ao fato de que algo pertence a uma certa época (tempo), é comum fazermos uso de of:

» the music of the nineties (a música dos anos noventa)
» the books of her youth (os livros da sua juventude)

Enfim, os usos de of são muito mais amplos (numerosos) do que os usos de from. Isso significa que você certamente usará of com muito mais frequência do que from. Ao longo dos seus estudos de inglês, não perca tempo procurando por regras de quando usar from ou of. Simplesmente acostume-me e aprenda aos poucos quando uma preposição ou a outra é usada. Observar as combinações de palavras nas quais elas são usadas é muito mais vantajoso e interessante do que tentar achar regras que não existem.

Espero que esta dica tenha ajudado você a aprender quando usar from ou of. Caso queira aprender mais sobre como aprender inglês de uma modo mais dinâmico e sem complicações, considere participar do curso online Aprender Inglês Lexicalmente. Para saber mais sobre o curso e como se inscrever, clique aqui.

Palavras Homófonas em Inglês

Você sabia que a confusão que os falantes nativos de inglês fazem ao escrever “you’re” no lugar de “your” se deve pelo fato de serem essas duas palavras homófonas em inglês? Mas, o que significa isso? O que quer dizer “homófona”?

O termo homófono é usado para se referir a palavras que possuem o mesmo som. Ou seja, todas palavras com pronúncia idêntica são chamadas de homófonas. Assim, “you’re” e “your” são homófonas: possuem a mesma pronúncia (iór). O mesmo vale para “they’re”, “there” e “their”. Outros exemplos clássicos de palavras homófonas em inglês são “to”, “two” e “too”. Tem ainda “buy”, “by” e “by”; “no” e “know”; “it’s” e “its”. [Leia também: Erros de Inglês Cometidos por Americanos]

Mas, essas não são as únicas. Seguem abaixo mais palavras homófonas em inglês com seus significados e usos devidamente explicados para que você não faça confusão ao escrever inglês.

ant – aunt

“Ant” é “formiga” e “aunt” é “tia”. Na escrita são diferentes; mas na pronúncia são idênticas.

  • She’s my aunt. (Ela é minha tia.)
  • That’s an ant. (Aquilo é uma formiga.)

[Leia também: O Certo é All Right ou Alright?]

boy – buoy

Palavras Homófonas em InglêsA primeira – boy – significa “menino”, “garoto”, “guri”, “piá”. A outra – buoy – pode ser usada como substantivo ou verbo. Assim, na função de substantivo buoy significa “boia” e na função de verbo tem sentidos diferentes de acordo com o contexto: boiar/flutuar; animar/incentivar/encorajar alguém; ou, aumentar/manter os preços/custos, inflacionar

  • After hours the boy was found clinging to a buoy.  (Depois de horas o garoto foi encontrado agarrado a uma boia.)
  • Increased demand for computers buoyed the prices. (O aumento da demanda por computador inflacionou os preços.)
  • We tried to buoy his spirits by telling joke. (Tentamos aumentar o ânimo dele contando piadas.)

cell – sell

“Cell” pode ser “célula” (biologia), “cela” (de cadeia) ou “célula” (pequena parte de um grupo ou organização). “Sell” é o verbo “vender”

  • The prisoner’s cell had none of the comforts of home.  (A cela do prisioneiro não possuía nenhum dos luxos de sua casa.)
  • cancer cells (células cancerígenas)
  • The cell of the secret underground group consisted of only five members. (A célula do grupo secreto era formado por apenas cinco pessoas.)
  • I won’t sell my car. (Eu não vou vender o meu carro.)

die – dye

O sentido mais conhecido de “die” é “morrer”, “falecer”; mas “die” também significa “reduzir”, “diminuir”, “dado”, “cunho”, “cassonete”. “Dye”, por sua vez quer significa “pintar”, “mudar a cor de algo” (cabelo, por exemplo) e também “tintura”.

  • If you don’t stop doing that, you may die soon. (Se você não parar de fazer isso, você poderá morrer cedo.)
  • I wish the wind would die down so I can rake these leaves. (Quem dera se o vento diminuísse para eu poder tirar essas folhas.)
  • Why did you dye your hair? (Por que você mudou a cor dos cabelos?)
  • She needs some red dye. (Ela precisa de tintura vermelha.)

find – fined

“Find” é “descobrir”, “encontrar”, “achar”; mas, “fined” é “multado”.

  • I can’t find the car key.  (Não consigo achar a chave do carro.)
  • We gotta find a solution to this. (Temos de achar uma solução para isso.)
  • He was fined fifty dollars for parking illegally. (Ele foi multado em 50 dólares por estacionar em local proibido.)

guessed – guest

A grafia de “guess” (adivinhar) é “guessed”. Já o termo “guest” refere-se a “convidado” ou “hóspede”.

  • The student guessed the answer and was correct.  (O aluno adivinhou a resposta e estava certa.)
  • What about your guests? (E os seus convidados?)
  • Every guest at the hotel was invited to the ball. (Todos os convidados do hotel foram convidados para o baile.)

read – red

A pronúncia do verbo “read” (ler) no passado é a mesma pronúncia da palavra “red” (vermelho)

  • I read her red book last month.  (Eu li o livro vermelho dela no mês passado.)

Pronto! Por enquanto essas são algumas palavras homófonas em inglês para você ir aprendendo. Em breve a gente volta com outra lista para complementar essa e ir ajudando você a melhorar o seu vocabulário em inglês.

O que é o get passive?

Se você está ou já passou do nível intermediário em seus estudos de inglês, certamente já ouviu falar do get passive, não é mesmo? Esse tal de get passive é também conhecido como “the passive with get” ou “the passive voice with get”. Mas, afinal o que o get passive? Continue lendo para aprender!

Para ficar tudo mais fácil, leia as sentenças abaixo. Observe a parte em destaque e compare com a tradução em português:

  • He got fired. (Ele foi demitido.)
  • They got robbed. (Eles foram assaltados.)
  • I got hired by the company in 2005. (Eu fui contrato pela empresa em 2005.)
  • My bike got stolen. (Minha bicicleta foi roubado.)
  • I got invited to the party as well. (Eu também fui convidado para a festa.)
  • Our car gets cleaned every two weeks. (Nosso carro é lavado de quinze em quinze dias)

Note que nas sentenças acima o verbo get (got) pode ser substituído pelo verbo be (am, is, are, was, were):

  • He was fired.
  • They were robbed.
  • I was hired by the company in 2005.
  • My bike was stolen.
  • I was invited to the school ball as well.
  • Our car is cleaned every two weeks.

GET PASSIVEComo você deve saber, a Voz Passiva em Inglês, de acordo com as regras gramaticais, é sempre formada com o verbo be. No entanto, no uso informal da língua – o modo como as pessoas falam informalmente no dia a dia – o verbo be, em alguns casos, pode ser trocado pelo verbo get. Esse “fenômeno” é conhecido como get passive (ou passive with get).

No parágrafo anterior foi dito que essa substituição de be por get ocorre em alguns casos. Isso significa que há momentos em que não dá para usar o get passive. As sentenças abaixo são exemplos de casos em que substituição não é possível.

  • Nothing is known about his whereabouts. (Nada se sabe sobre o paradeiro dele.)
  • Humans are thought to have originated in the east of Africa. (Acredita-se que a raça humana teve origem na África.)
  • Charles Chaplin’s movies are loved all over the world. (Os filmes do Charles Chaplin são adorados em todo mundo.)
  • The company says that 300 new employees are needed. (A empresa afirma que serão necessários 300 novos empregados.)

A dica que dou para quem se depara com isso é a seguinte: não se deixe enrolar pelas “regras” de gramática. Não perca tempo querendo saber o porquê de ser assim. Apenas entenda que no inglês informal isso acontece com certa frequência. Você pode aprender essa gramática de uso sem se preocupar com os termos e regras gramaticais. Ou seja, aprenda naturalmente conforme você você for se envolvendo com a língua (escute, leia, fale, escreva, aprenda, use o que aprende, etc.).

No caso do get passive, o que você pode fazer é anotar as “expressões” em um caderno de vocabulário e ir criando novas sentenças:

» GET FIRED (GETS FIRED, GOT FIRED)

  • He got fired last month. (Ele foi demitido mês passado.)
  • What are we going to do if I get fired? (O que a gente vai fazer se eu for mandado embora?)
  • She does everything possible not to get fired. (Ela faz o possível e o impossível para não ser demitida.)

» GET CLEANED (GETS CLEANED, GOT CLEANED)

  • My room gets cleaned everyday. (Meu quarto é limpo todos os dias.)
  • Her kitchen finally got cleaned. (A cozinha dela foi finalmente limpa.)
  • I don’t know why this class is always so dirty. It gets cleaned every day. (Não sei porque essa sala está sempre tão suja. Ela é limpa todos os dias.)

Caso você queira saber mais sobre como aprender a gramática da língua inglesa de modo natural, tenha como referência o livro Gramática de Uso da Língua.

Até a próxima! 🙂

A Diferença entre Instead of e Rather than

Instead of e Rather than são duas maneiras diferentes de dizermos “ao invés de” e “em vez de” em inglês. Mas, qual a diferença entre instead of e rather than? Quando usar uma ou outra? É exatamente isso que você aprenderá nesta dica.

De modo geral, os livros informam que instead of e rather than são intercambiáveis. Ou seja, tanto faz usar uma quanto a outra. No entanto, dizem que “rather than” tem um ar mais formal que “instead of”. Veja alguns exemplos.

  • She wants to buy a house instead of a car.
  • She wants to buy a house rather than a car.
  • I used familiar English names instead of scientific Latin ones.
  • I used familiar English names rather than scientific Latin ones.
  • If you want to have your meal at 7 o’clock instead of 5, you can.
  • If you want to have your meal at 7 o’clock rather than 5, you can.

Em termos de significado, não há muita diferença entre elas. Saber que uma – rather than – é usada em contextos mais formais que a outra – instead of –, ajuda a saber quando usar cada uma delas.

Instead of e Rather thanNo entanto, é preciso observar algumas coisas no modo como a sentença deve ser organizada quando usamos instead of e rather that. Para isso, veja os seguintes exemplos:

  • Instead of waiting, I decided to go home by taxi.
  • Rather than wait, I decided to go home by taxi.
  • You could always write this instead of using your word processor.
  • You could always write this rather than use your word processor.

Note que o verbo após “instead of” foi escrito com -ing: “instead of waiting”, “instead of using”. Já o verbo após “rather than” foi escrito sem nada acrescentar: “rather than wait” (poderia ser também “rather than to wait”), “rather than use”.

Não é nada tão complicado aprender usar instead of e rather than em inglês. Tudo o que você precisa fazer é observar quando cada uma delas está sendo usada e notar o contexto. Informalmente, instead of é muito mais usada que rather than. Logo, esse é o início para saber quando usar uma ou outra. Para continuar aprendendo, leia também a dica “O que significa rather than?“.

That’s all for now! Take care!

Few Things ou Little Things?

Uma leitora dias atrás perguntou em nossa página no Facebook sobre a diferença entre dizer few things ou little things.

Para ela, o correto deveria ser few things. Pois, things (plural) é contável; logo, de acordo com as regras gramaticais, devemos usar “few”. O curioso é que ela também havia visto little things; portanto, ficou em dúvida. Afinal, o certo é few things ou little things? Qual a diferença entre as duas?

Esse tipo de dúvida é comum entre estudantes de inglês. É comum nós sempre pensarmos na língua – seja a inglesa ou a portuguesa – sempre de modo gramatical. Isto é, nós queremos que as regras gramaticais se encaixem sempre do modo que deve ser. Mas, a verdade é que no uso da língua as regras gramaticais podem nos enganar.

Leia também: Gramática: Countable and Uncountable Nouns

Esse é o caso de usarmos few things ou little things em inglês. Veja as duas sentenças abaixo:

  • I have few things to do today.
  • I have little things to do today.

Few Things ou Little Things?As duas sentenças estão corretíssimas em inglês; tanto na gramática quanto no significado.

Quando usamos “few” com substantivos contáveis, estamos nos referindo a quantidade. Assim,

  • few cars » poucos carros
  • few things » poucas coisas
  • few pencils » poucos lápis
  • few houses » poucas casas

Já quando usamos “little” com substantivos contáveis, estamos expressando a ideia de tamanho (algo pequeno). Veja,

  • little car(s) » carrinho(s), carro(s) pequeno(s)
  • little thing(s) » coisinha(s), coisa(s) pequena(s)
  • little pencil(s) » lápis pequeno(s)
  • little house(s) » casinha(s), casa(s) pequena(s)

Como você pode ver a diferença não está em uma questão gramatical. A diferença entre dizer few things ou little things está apenas no significado. Aliás, essa diferença de significado estende-se para few e little de modo geral ao serem usadas com substantivos contáveis.

Leia também: Few, A Few, Little, A Little

Dessa maneira, as sentenças em inglês mencionadas acima serão traduzidas assim para o português:

  • Eu tenho poucas coisas para fazer hoje.
  • Eu tenho umas coisinhas para fazer hoje.

Será que ficou clara a diferença entre o uso de few e little nesses casos? Espero que sim! Qualquer coisa, entre em contato e vamos esclarecendo mais ainda. Antes de encerrar, aproveite e leia também a dica Uso de Very, Much, A Lot Of e Lots of. Até a próxima! 🙂

Quando Usar Gone ou Been?

Chega um momento na vida de quem estuda inglês que pinta a dúvida sobre quando usar gone ou been. Portanto, se você já chegou nesse momento (ou não!), esta dica ajudará a não ter mais dúvidas com isso. Vamos lá!

Gone ou Been?

Primeiro, veja as sentenças abaixo e dica se você é capaz de perceber a diferença de significado entre elas. Afinal, é justamente nesses casos que muita gente se complica com essa coisa de quando usar gone ou been.

  • She’s been to Italy.
  • She’s gone to Italy.

As duas podem ser traduzidas como “Ela foi para a Itália”. Logo, qual diferença entre usar gone ou been? Você pode aprender lendo o restante da dica ou assistindo ao vídeo que está logo mais abaixo. Escolha o que for melhor para você. 😊

Quando usar Gone ou Been?

Gone ou Been? Quando usar?Você deve usar “gone to” quando quiser expressar a ideia de que a pessoa se foi para sempre e não volta mais ou ela foi para o lugar mencionado e ainda está lá. Assim, quando dizemos:

  • She’s gone to Italy.

Estamos passando a ideia de que ela foi para a Itália e ainda está lá. O contexto deixará claro que se ela foi para morar para sempre ou foi para passar um tempinho apenas. O fato é que ela ainda está lá e não voltou.

Já na sentença,

  • She’s been to Italy.

A ideia é diferente. Ao usarmos “been to” estamos transmitindo a ideia de que a pessoa foi, mas já voltou. Ou seja, ela foi para o local mencionado, mas já voltou para o local de origem.

Mais exemplos

Será que deu para entender? Aí vão mais alguns exemplos:

  • My father has gone to the hospital. He’s really sick.
  • My father has been to the hospital. Everything’s ok.
  • His sister has gone to London. She’s going to live there from now on.
  • His sister has been to London. She went there on vacation.
  • Michael’s gone to Moscow, he’ll be back next week.
  • Michael’s been to Moscow three times already.

Será que ficou clara essa coisa de quando usar gone  ou been? Espero que sim! Qualquer coisa, deixei sua dúvida na área de comentários abaixo e a gente vai conversando por aqui mesmo. Gostou da dica!? Então, compartilhe-a no Facebook, Twitter e/ou Google+. Se quiser continuar aprendendo sobre o Present Perfect, leia a dica Usos do Present Perfect.

Gone ou Been? (vídeo-aula)

Usar a Palavra Wish em Inglês

Embora vários sites já tenham dado dicas sobre como usar a palavra wish em inglês, resolvi contribuir com o assunto. Atendendo assim ao pedido de vários leitores que enviam emails perguntado sobre o uso de wish em inglês.

Para começar, saiba que wish em inglês pode ser usada como substantivo ou verbo. Nessa função, wish significa basicamente “desejo”, “vontade” ou ainda “pedido”. Veja os exemplos:

  • We have to respect the wish of our clients. (Temos de respeitar a vontade de nossos clientes.)
  • He was buried, according to his wishes, in a private ceremony. (Ele foi enterrado, de acordo com seu desejo, em uma cerimônia fechada.)
  • We are tired of politicians who ignore the public’s wishes. (Cansamos de políticos que ignoram os desejos do público.)
  • Make a wish and then blow out the candles. (Faça um pedido e depois apague as velinhas.)

Usar a Palavra Wish em InglêsComo substantivo, o uso de wish em inglês não é nada complicado. A grande confusão está em seu uso como verbo. Portanto, de agora em diante, leia com atenção e observe os padrões (estruturas) que serão mencionadas e também as equivalência (traduções) em português.

De modo bem simples wish, como verbo, significa “desejar”, querer que algo aconteça. Visto assim, trata-se de uma maneira bem mais formal de dizer want:

  • I wish to see the manager, please. (Desejo ver o gerente, por favor.)
  • If you wish to reserve a table, please call us after 5 o’clock. (Caso queira fazer uma reserva, por favor entre em contato após as 5 horas.)

Mas, se você pensar apenas no significado simples de wish, você poderá se enrolar todo. Tente, por exemplo, traduzir a sentença abaixo para o português levando em conta o significado de wish como “desejar”, “querer”:

  • I wish I were rich.

Fica estranho, não é mesmo? Anote aí que o melhor é traduzir assim:

  • Quem dera se eu fosse rico.
  • Eu gostaria de ser rico.
  • Eu queria ser rico.

Essas são maneiras que nós em português expressamos um desejo, dizemos que gostaríamos que algo fosse verdade, real (mas, não é!). Veja mais exemplos:

  • I wish you were here. (Quem dera se você estivesse aqui. | Eu gostaria que você estivesse aqui.)
  • We wish you went with us. (Nós adoraríamos que você fosse com a gente.)
  • I wish I spoke German. (Quem dera se eu falasse alemão. | Seria legal se eu falasse alemão.)
  • They wish you talked to them about that. (Eles gostariam que você falasse com eles sobre isso.)
  • I wish I knew more about science. (Quem dera se eu soubesse mais sobre ciência.)
  • Don’t you wish we could fly? (Você não adoraria que nós pudéssemos voar?)
  • I wish tomorrow was Friday. (Quem dera se amanhã fosse sexta-feira. | Seria legal se amanhã fosse sexta-feira.)

Se você observou bem, deve ter notado que a estrutura usada acima foi wish + Past Simple. Não se desespere com a gramática! Preocupe-se em entender o significado e o uso da estrutura e você não terá problemas. Sobre o uso de were e was nessa estrutura, leia a dica “Were ou Was?”.

Veja agora as sentenças abaixo:

  • I wish I had never met you.
  • He wishes he had listened more carefully.
  • She wishes she hadn’t said anything.
  • They wish they had gone to university.

Nas sentenças acima, a ideia é falar sobre algo que aconteceu, mas que as pessoas gostariam que não tivessem acontecido. Logo, passa-se aí a ideia de arrependimento. Em português, elas ficam assim:

  • Quem dera se eu nunca tivesse te conhecido. | Seria legal se eu nunca tivesse te conhecido.
  • Ele queria ter prestado mais atenção. | Ele gostaria de ter prestado mais atenção.
  • Ela queria não ter dito nada. | Ela gostaria de não ter dito nada.
  • Eles queriam ter feito faculdade. | Eles gostariam de ter feito faculdade.

Notou que a estrutura agora foi wish + Past Perfect? Releia os exemplos e observe o significado dessa estrutura. Se você procurar entender o significado (a ideia transmitida) e deixar de lado os termos técnicos e regras gramaticais, você entenderá mais rápido.

Uma última estrutura que causa dores de cabeça é wish + would. Nesse caso, a ideia transmitida é de insatisfação por algo não acontecer. Veja,

  • Everybody wishes you would go home. (Todo mundo gostaria que você fosse embora. – Por que você não vai embora?)
  • I wish you would stop doing that noise. (Eu gostaria que você parasse com esse barulho. – Por que você não para com esse barulho?)
  • Don’t you wish that this moment would last forever? (Você não gostaria que este momento durasse para sempre?)
  • I wish you wouldn’t drive so fast. (Eu gostaria que você não dirigisse tão rápido. – Por favor, não dirija tão rápido.)
  • I wish you wouldn’t work on Saturdays. (Eu gostaria que você não trabalhasse aos sábados? – Por que você não para de trabalhar aos sábados?)

Essas são as estruturas que mais causam confusão em relação ao uso de wish em inglês. Se você focar no significado (comparação com o português), terá mais chances de entender melhor como e quando usar cada estrutura. Agora, caso você continue batendo a cabeça com regras gramaticais e termos técnicos, pode demorar.

Se você ainda tiver alguma dúvida sobre o uso de wish em inglês, deixe um comentário abaixo. Assim, a gente vai ajudando você a descomplicar isso. Gostou desta dica? Então, compartilhe-a no Facebook, Twitter e/ou Google+. A gente agradece! 😉

Qual a diferença entre have to e must?

Você já se perguntou sobre a diferença entre have to e must? Já teve dúvidas sobre quando usar um ou outro? Se você tem dúvidas a respeito, leia esta dica e aprenda de uma vez por todas.

Essas duas palavras – have to e must – costumam causar confusão pois são usadas com o sentido de “dever” e “ter de”. O grande problema na verdade é que a maioria das pessoas faz as traduções ao pé da letra e aí acha que a diferença entre have to e must é algo que existe e deve ser observada.

Na verdade, em se tratando de sentenças afirmativas, a diferença entre have to e must praticamente não existe. Ou seja, em inglês você poderá dizer:

  • You must be here at nine o’clock.
  • You have to be here at nine o’clock.
  • You must wear a tie.
  • You have to wear a tie.

Portanto, em  sentenças afirmativas, você pode usar have to ou must sem problemas. Elas são intercambiáveis.

A Diferença Entre Have To e MustAlém disso, have to e must podem ser usadas tanto para expressar uma ideia no presente ou uma ideia no futuro:

  • You must make your bed every day.
  • You have to make your bed every day.
  • You must be here on June 30th.
  • You have to be here on June 30th.

Já para expressar uma ideia no passado, você não pode usar must. Afinal, assim como a maioria dos modal verbs, must não possui uma forma no passado. Portanto, para dizer algo no passado, você tem de usar apenas have to, ou melhor, had to. [Leia: O que são modal verbs?]

  • You had to wear tie.
  • We had to stay there for a while.
  • She had to make her bed before leaving.
  • They didn’t have to call us.

Veja que até aqui falamos apenas de sentenças afirmativas. Espero ter ficado tudo bem claro. Pois agora vamos falar de sentenças negativas.

Em sentenças negativas há diferença. Para perceber a diferença entre have to e must em sentenças negativas, veja as duas sentenças abaixo:

  • You must not do this.
  • You don’t have to do this.

Visto assim fora de contexto, fica bem estranho. Mas, vamos continuar assim mesmo. Quando usamos must not (mustn’t) passamos a ideia de uma obrigação mais enfática. Ou seja, a pessoa não deve fazer aquilo que está sendo dito. Se ela fizer a coisa pode ficar feia para o lado dela.

Já no caso de usarmos not have to, a situação é opcional. Isto é, ela não tem de fazer aquilo, mas se fizer não tem problemas.

Logo, nas duas sentenças que acabamos de ver acima, “you must not do this” passa uma ordem categórica e firme. “You don’t have to do this” passa a ideia de que a pessoa não tem de fazer algo; mas, se ela fizer, não tem problema.

Para ficar mais fácil de perceber isso, vamos contextualizar o assunto. Imagine que seu chefe convoca a equipe com a qual você trabalha e diz o seguinte:

“Rafaela must be here at 8 o’clock tomorrow, ok? The rest of you don’t have to be here until nine.”

[Obs.: no lugar de must ele poderia ter usado has to]

Com isso ele está dizendo que a Rafaela deve estar no escritório às 8 da manhã. Já os demais não precisam chegar antes da 9. Ou seja, a Rafaela tem a obrigação de chegar às 8, os demais podem chegar às 8, às 8:15, às 8:30, às 8:35, às 8:55, etc. O horário de chegada oficial dos demais é a partir das 9, mas se quiserem chegar antes, a opção é de cada um.

Agora, imagine que o chefe diga algo assim:

“Rafaela must be here at 8 o’clock tomorrow, ok? The rest of you mustn’t be here until nine.”

Nesse caso a coisa muda de figura. O chefe quer que a Rafaela chegue às 8. Já os demais não devem chegar antes da 9. A ordem é para que os outros cheguem apenas das 9 em diante. Pois, entre 8 e 9 o chefe quer ficar sozinho com a Rafaela [fazendo o quê não é da nossa conta!].

Gramática de Uso da Língua InglesaPercebeu a diferença entre have to e must em sentenças negativas? Será que ficou claro? Espero que sim! Pois, eu não tenho mais nada a dizer sobre esse assunto! Se você quiser continuar aprendendo a gramática da língua inglesa de um modo bem natural e descomplicado, conheça o livro Gramática de Uso da Língua. Você certamente perceberá que a gramática do inglês não é tão complicada o quanto parece!

Gostou desta dica!? Então, compartilhe-a no Facebook, Twitter e/ou Google+. O Inglês na Ponta da Língua agradece!