Gramática da Língua Inglesa

    Already, Still e Yet com o Present Perfect

    Muitos estudantes de inglês fazem uma grande confusão com o uso de already, still e yet com o Present Perfect. Na maioria das vezes, a confusão se dá pelo simples fato de se apegarem muito às regras gramaticais. Saiba que o segredo para aprender isso está apenas no uso natural da língua. Portanto, leia esta dica para aprender quando usar corretamente as palavras already, still e yet com o Present Perfect.

    Ah! Se quiser aprender mais sobre o Present Perfect e entenda-lo de uma vez por todas, considere adquirir o ebook PRESENT PERFECT: desvendando os segredos (com áudio). Saiba mais, clicando aqui.

    Ok! Vamos agora aprender sobre essa coisa de already, still e yet com o Present Perfect. Mas, para ficar tudo bem fácil, imagine que alguém faça a seguinte pergunta para você:

    Have you seen The Martian yet?

    Already, still e yet com o present perfectVeja que temos aí o Present Perfect na interrogativa e a palavra yet no final. Nesse caso, a pessoa que faz a pergunta supõe que você está planejando ver o filme (tem a intenção de assití-lo) em algum momento. Se ela perguntar com um simples “Have you seen The Martian?”, ela quer apenas um sim ou não como resposta. No entanto, ao colocar yet no final, ela demonstra que quer puxar mais conversa.

    Diante da pergunta, você poderá responder de três maneiras distintas. Cada uma dessas maneiras expressa uma ideia um tanto quanto diferente. Então, vamos por partes!

    A primeira resposta poderá a que segue:

    Yes, I’ve already seen it.

    Aqui você informa que já viu o filme. Portanto, você e a outra pessoa (caso ela tenha assistido) poderão falar sobre o filme sem se preocupar comem estragar a história um para o outro. Poderão dizer o que gostaram e o que não gostaram no filme. Caso a outra não tenha visto, ela certamente falará que ainda não viu. Aí, o rumo da conversa será outro. Antes que eu me esqueça, saiba que você também pode falar assim: “Yes, I’ve seen it already”. Note a posição de “already” no final.

    » Leia também: Quando usar ever ou already?

    Você pode ainda dar a seguinte resposta à pergunta:

    No, I haven’t seen it yet.

    Ao falar assim, você deixa claro que ainda não viu o filme, mas planeja vê-lo. A palavra yet é usada aí para passar a ideia de ainda não. Aliás, uma informação extra: yet em 83% de seus usos no inglês falado ocorre em sentenças negativas e apenas 17% em sentenças interrogativas. Logo, você a ouvirá muito mais em sentenças negativas.

    » Leia também: Qual a diferença entre already, yet e ever?

    A terceira resposta que você pode dar é a seguinte:

    No, I still haven’t seen it.

    Agora a ideia que você passa para quem pergunta é que você já se planejou para ver o filme, mas algo sempre acontece e impede a sua ida ao cinema. Ou seja, faz dias que você quer ir ver o filme, mas por algum acaso ainda não conseguiu. a palavra still em sentenças negativas ocorre com muita frequência nesse caso e a ideia é justamente de dizer que você já planejou algo, mas ainda não conseguir realizar o que queria. Isso, claro, sempre com o Present Perfect.

    » Leia também: O uso de STILL em sentenças negativas

    Acima, eu usei o contexto de cinema. No entanto, saiba que essas observações servem para qualquer contexto no qual você tenha de usar already, still e yet com o Present Perfect. Veja:

    • Have you talked to him yet? [acredito que você queira e talvez esteja planejando isso]
    • I’ve already talked to him. | I’ve talked to him already. [já falei e está tudo certo]
    • I haven’t talked to him yet. [ainda não falei, mas planejo falar em breve]
    • I still haven’t talked to him. [já planejei tudo aqui, mas ainda não tive a oportunidade para isso]

    E outra situação:

    • Have you bought the car yet? [acredito que você queira e talvez esteja se planejando para comprar o carro]
    • I’ve already bought the car. | I’ve bought the car already. [já comprei e ele está guardadinho ali na garagem]
    • I haven’t bought the car yet. [ainda não comprei, mas planejo comprar em breve só falta juntar mais uma graninha aqui]
    • I still haven’t bought the car. [já tenho a grana, já está quase tudo certo, mas como não estou com pressa ainda não fechei o negócio]

    Sei que isso pode parecer algo bem esquisito! Mas, saiba que o uso das palavras e das estruturas gramaticais em inglês sempre expressam algo a mais do que aquilo que os livros de regras gramaticais dizem. Em outras palavras, nem sempre as coisas são como os livros dizem ser.

    Gramatica de Uso da Lingua InglesaNo geral, esse é o tipo de coisa que você aprende se envolvendo com a língua inglesa. Portanto, o melhor a fazer é tirar a cara dos livros de regras gramaticais e partir para o uso da língua propriamente dito. Ou se preferir, tenha o livro Gramática de Uso da Língua Inglesa e aprenda a gramática do inglês sem as regras complicadas.

    Esse livro está à venda em todo Brasil (basta pedir por ele em uma livraria em sua cidade) ou adquiri-lo em sites de vendas de livro como o Submarino. Aliás, se quiser verificar os preços e condições no Submarino, clique aqui.

    That’s all for now, guys! Lembre-se: aprender o uso de already, still e yet com o Present Perfect exige tempo e paciência. Então, vá com calma! 😉

    Etiquetas
    gramática de uso da língua inglesa tempos verbais em inglês uso das palavras em inglês usos dos present perfect

    7 Comentários

    1. É errado usar “already” em frases interrogativas,em vez de “yet”. “Have you already seen the movie’?

      1. Errado não é! Mas, de acordo com o uso da língua, o sentido é outro. Lembro-me de ter escrito sobre isso em alguma dica aqui no site, mas não consegui achar (se bem que deve ser uma dica do ebook divulgado no começo do texto). Enfim, a ideia é simples.

        Quando uso “already” eu estou expressando uma surpresa pelo fato da pessoa já ter visto o filme ou feito algo. O contexto é mais ou menos assim:

        Person A – I’m looking forward to see Star Wars – Episode VII.
        Person B – Oh! It’s really awesome! you’re going to enjoy it. I loved it!
        Person A – What you mean? Have you already seen it? How?
        Person B – Have you ever heard about the internet? So, I watched it online. There’s this website that…

        Person A, no diálogo, está dizendo que está louca para ver o filme Star Wars – o despertar da força, que será lançado em 17 de dezembro de 2015. Portanto, não há a menor chance de alguém ainda ter visto o filme. No entanto, a Person B diz que ela gostou do filme; portanto, ela já assistiu de alguma forma. Então, a Person A surpresa com o fato faz a pergunta em tom, claro, de surpresa e admiração “Como assim? Você JÁ assistiu? Como?”. E aí a Person B passa a falar de um site de pirataria online onde o filme está disponível de alguma forma e a conversa segue.

        Agora, digamos que o filme já foi lançado. No caso, o filme Perdido em Marte (The Martian) já está nos cinemas (e até saindo de cartaz); eu quero perguntar à minha amiga se ela viu o filme. Trata-se de uma pergunta natural, sem surpresa e nada mais. Perguntou para confirmar se a pessoa assistiu ao filme. Aí, o diálogo poderá ser assim:

        Person A – Hey, have you seen The Martian yet?
        Person B – No, I haven’t. Why?
        Person A – I got these two tickets tonight and would like to invite you to come with me. What you say?
        Person B – Cool! Sure! I love Matt Damon and this movies is just the kinda movie I love.

        No geral, Sérgio, essas diferenças são geralmente percebidas em contexto. Assim, ao observarmos o uso da língua dentro de um contexto (diálogo, situação), a diferença de uso salta aos olhos.

        O problema das gramáticas normais é que elas só trazem as regras do certo e do errado e muitas vezes com exemplos totalmente foram de contexto. Muitos autores no Brasil ainda focam apenas nas regras do certo e do errado. Esquecem que hoje em dia as pessoas querem aprender inglês para usar em contexto (na vida real) e não para fazer uma prova de vestibular, concurso, ENEM e coisas do tipo.

        Espero ter ajudado! 🙂

    2. Denilso – você poderia voltar a colocar o conteudo no email em vez de ter que usar o site? Eu odeio ter que ficar descarregando um monte de propaganda no meu celular, que é o meio que eu uso pra ver suas mensagens. Do modo anterior, era rápido, clean, e straight forward. Agora tenho que carregar a pagina do website e com ela vem um monte de junk. Quando nao estou em wifi, vai um monte de data pro lixo…

      1. João, obrigado por seu comentário e permita-me explicar a razão da mudança!

        Recentemente descobrimos que várias dicas publicadas no site e enviadas via feed (email) estavam sendo usadas sem a devida permissão desse que lhe escreve em jornais, revistas institucionais, sites corporativos, sites voltados para jovens e outros. Não estou me referindo a apenas 10 ou 15 dicas. Na verdade, tratam-se de mais de 150 dicas em apenas um desses “jornais”. O envio das dicas por email facilita o famoso ctrl+c ctrl+v. Portanto, decidimos mudar o sistema com o puro objetivo de proteger um pouco mais o conteúdo aqui publicado. Sabemos que isso não será o suficiente para combater essa praga, mas pelo menos tornamos um pouco mais difícil.

        Por fim, temos a mais plena certeza que tal decisão – por mais difícil que tenha sido para nós – não atrapalhará o aprendizado daqueles que realmente querem aprender inglês e contam com as dicas e orientações publicadas no Inglês na Ponta da Língua. Afinal, as mais de 2100 dicas publicadas ao longo desses 8 anos e as que ainda serão publicadas continuarão disponíveis para todos os estudantes e professores de inglês diretamente no site. Portanto, todos que realmente desejarem ficar com o Inglês na Ponta da Língua entenderão que a nova proposta não atrapalhará o aprendizado de quem realmente deseja aprender inglês. Afinal, as informações continuam disponíveis no site por meio de apenas um clique dentro do email.

        Para facilitar ainda mais o acesso e evitar problemas, todo o site foi reformulado (tanto na plataforma desktop quanto na móvel). Agora está mais navegável, mais rápido, mais leve, mais simples e agradável. Enfim, nos últimos 3 meses temos trabalhado para essa e outras mudanças que visam a proteção do conteúdo e também, acima de tudo, o aprendizado de nossos leitores.

        Sobre as propagandas (anúncios) presentes no site, saiba que eles são extremamente necessários para que o Inglês na Ponta da Língua se mantenha (pagamento de desenvolvedor, manutenção, servidor e outros custos que tenho). O conteúdo é gratuito e esses anúncios são o que permitem isso. Portanto, é praticamente impossível retirá-los. Mas, tentamos deixá-los de uma maneira que não impeça a leitura das dicas e não surjam como janelas pop-ups nos computadores ou nos smartphones.

        Enfim, essa é a causa da mudança e uma pequena palavra sobre o porquês dos anúncios.

        Qualquer coisa, estou por aqui! 😉

    3. Bom dia!
      Em primeiro lugar, obrigado pelos ensinamentos e parabéns pelas aulas. Eu gostaria de saber se você teria as explicações acima em PDF para baixar. Muito obrigado.

    Botão Voltar ao topo
    Fechar