O que significa go-getter?

Go-getter é a palavra usada para descrever uma pessoa dinâmica, ativa, enérgica, empreendedora e que faz de tudo para obter sucesso. Um go-getter geralmente dedica-se o máximo que pode para conquistar seus objetivos e está sempre em busca de novos desafios.

Em português, podemos traduzir essa palavra informalmente como “lutador”, “conquistador”, “guerreiro”, “batalhador”. Lembre-se, porém, que ela é sempre usada no sentido de pessoa dinâmica, ativa, enérgica. Enfim, como descrito no parágrafo de abertura desta dica.

Para facilitar um pouco mais, veja alguns exemplos reais de seu uso:

  • We only recruit go-getters who will be actively involved in the company’s development. (Nós só contratamos pessoas empreendedoras que estarão ativamente envolvidas com o desenvolvimento da empresa.)
  • O que significa go-getter?We like go-getters who bring in new customers. (A gente gosta de pessoas batalhadoras que trazem novos clientes.)
  • She has a reputation as a real go-getter. (Ela tem fama de ser uma grande conquistadora.)
  • “Pamella is a go-getter,” her boss said. (“Pamela é uma pessoa bastante empreendedora“, disse a chefe dela.)

Now, let me ask you a few questions. Use a área de comentários abaixo para respondê-las.

  • Would you describe yourself as a go-getter?
  • How would you define the personality of a go-getter?
  • Do you know someone who is a real go-getter?

Pronto! Agora você já sabe o que significa go-getter. Até a próxima.

Mostrar mais

15 Comentários

  1. Yes, I'm really a go-getter.
    A person with a good network contacts is a go getter.
    For sure, I and some frinends are go-getter.

  2. Denilso, conheci seu blog praticamente agora, mas estou achando ótimo! Muito obrigada não só por esclarecer dúvidas a respeito da língua inglesa em si, mas também por conversar muito conosco sobre os mecanismos corretos para o aprendizado. Afinal estudar errado pode ser o fator mais desanimador na vida de um estudante… Muitos dos meus colegas gostam de estudar áudios disponíveis nos materiais didáticos e podcasts específicos para estudantes. Eu também. O problema é que (não sei se é uma loucura da minha cabeça) percebo que, muitas vezes, esse material não reproduz o ritmo normal de conversa entre os nativos da língua. É algo mais pausado, justamente para nos ajudar. Falando didaticamente é ótimo, mas eu vejo muitos que se prenderam a essas mídias e acabaram se comunicando com lentidão, sem jamais desenvolver confiança ou naturalidade ao se expressar. Entende o que eu quero dizer? Muitos diziam até que era díficil assisitr uma CNN porque era "muito rápido". Como eu não sabia o que fazer, continuei usando o material normal, mas comecei a tirar um tempo diário para focar em rádios, telejornais e outros vídeos que me mostrassem o inglês falado normalmente mesmo. Passei a – praticamente – só assistir tv de fora. Eu sempre sonhei em aprender inglês, li a biblioteca inteira do curso logo no primeiro ano. Então, o vocabulário não era exatamente um problema, eu me enrolava mais com a rapidez deles. No começo, achava super estranho, mas, com o tempo, isso tem me ajudado demais e "destravado" minha maneira de falar. Como os vídeos são carregáveis, eu pauso e pratico exaustivamente até passar a mesma confiança do locutor. De acordo com os professores, já estou me saindo como alguém de nível bem mais adiantado. Esse meu jeito de estudar pode me trazer algum prejuízo ou posso continuar com ele? Quero muito fazer a coisa certa porque o investimento (por mais que valha a pena) não é brincadeira. Detalhe: para a escrita, eu tenho feito o mesmo, convivido com textos e (não ria) copiado os benditos. É assim que eu tenho memorizado e aprendido sobre estrutura textual, como as preposições se comportam e as expressões comumente usadas. É uma boa seguir assim? Se puder me responder, te agradeço MUITO.

    1. Laís, obrigado por seu seu comentário. Fico feliz que o meu trabalho tenha causado uma boa primeira impressão. Espero que tudo isso aqui seja uma ferramenta a mais no seu aprendizado.

      Sobre suas perguntas, não tenho muito a dizer aqui. Afinal, tratam-se de coisas que eu já escrevi aqui no blog. Aliás, enquanto você deixava esse comentário aqui eu estava escrevendo a dica Aprender Inglês com Filmes e nele você perceberá que o que você faz é muito parecido com o que eu descrevo. Clique no link abaixo para ler a dica.
      https://www.inglesnapontadalingua.com.br/2012/12/apre

      Sobre a escrita, essa coisa de fazer cópia é algo que eu incentivo muito. Pois como você já deve ter percebido isso ajuda e muito a desenvolver o modo como escrevemos os textos, reconhecer os diferentes tipos de textos, entender o uso da língua na prática. Para continuar lendo sobre como melhorar a escrita leia a dica do link abaixo.
      https://www.inglesnapontadalingua.com.br/2012/03/dica

      Por fim, recomendo que você leia também as dicas sobre o desenvolvimento da fluência em inglês. São várias as dicas para sobre o tema. Para encontrar tais dicas, use a ferramenta de busca do Google que está no início da barra lateral direita aí do blog. Nela digite coisas como, fluência, desenvolver a fluência, melhorar o speaking, ser fluente, etc., e faça a busca para encontrar dicas relacionadas a isso.

      Como você chegou agora ao blog, certamente encontrará muitas dicas interessantes para ajudar você a desenvolver o seu inglês.

      🙂

      1. Ok, obrigada, Denilso. Como não conheço as postagens passadas, realmente perdi seus ensinos, nem sabia deles. Achava que cópia era uma bizarrice minha e já ouvi pessoas me dizendo para ficar só com o material didático do livro, porque aquilo era direcionado a mim e outra coisa só ia atrapalhar. Só não queria sair falando inglês como se estivesse lendo um pedaço de papel, entende? Por isso a dúvida. Vou procurar me atualizar no seu site e sei que aprenderei muito. Agradeço!

  3. Gente, ao ler esta publicação fiquei com uma grande dúvida. Por favor, não tirem sarro, mas sou iniciante nos estudos da língua inglesa, e alguns pontos me confundem muito. Vi um exemplo aqui que dizia assim " We only recruit go-getters who will be actively involved in the company's development", esta palavra "recruit" eu fui procura-la no dicionário e só a encontro com o significado de recruta, mas no sentido da carreira militar. Também posso usa-la, com o sentido de "contratar" em qualquer frase em que eu for formular? abraço e obrigado pela atenção.

  4. 1- Yes, I'd describe myself as a real go-getter, because I love challenges and I'm always looking for new achievements.
    2 – A go-getter is a energetic person who is always in activity, that choose to have a full agenda and love new knowledge.
    3 – Yes! My friend Gio! She's a go-getter and a winner!

    Thank you for all Denilso! That's helping me a lot!!

Botão Voltar ao topo
Fechar