Dicas Para Aprender Inglês

    Aprender Inglês com Filmes

    Vira e mexe, eu escrevo aqui que aprender inglês com filmas é uma forma interessante de desenvolver seus conhecimentos na língua. No entanto, o grande problema da maioria é como fazer isso. Ou seja, como tirar proveito de filmes para desenvolver o seu inglês? É sobre isso que quero falar na dica de hoje. Embora o texto pareça longo, não deixe de ler até o fim. Afinal, você vai aprender um jeito bem legal de aprender inglês com filmes, seriados e desenhos animados.

    Antes das dicas, entenda que há alguns pontos a serem levados em consideração em se tratando de aprender inglês com filmes. Primeiro, tenha sempre em mente que os filmes são escritos e produzidos pensando no público que fala inglês fluentemente. As trocas de diálogos são “reais”. O uso das palavras, expressões, gírias, phrasal verbs, trocadilhos, etc., acontecem de modo “real”. Logo, se você não tem um bom nível de inglês (upper-intermediate para cima) é bem provável que não aproveitará muita coisa. Pelo contrário! Poderá se frustrar e achar que esse negócio de aprender inglês não é para você. Vá com calma!

    Outro ponto que muita gente esquece é que filmes são longos. A maioria deles dura mais de 90 minutos. Portanto, não dá para ficar pausando o filme e anotar palavras e analisar a gramática. Isso pode complicar tudo e desmotivar você. Como as interações nos filmes são “reais”, você deve estar preparado para entender quase tudo de uma só vez.

    Mas, e aí!? Como tirar proveito de filmes, seriados, desenhos animados e produções do tipo? Como aprender inglês com essas mídias? Será que tem como? Será que um estudante de nível básico ao intermediário não poderá aproveitar a oportunidade dessas ferramentas? Deixe-me dar algumas dicas para ajudar você que é cinéfilo a aprender inglês com filmes.

    A primeira coisa a fazer é escolher um pequeno trecho de um filme (seriado, desenho). Por pequeno trecho, estou me referindo a algo que não passe de 3 ou 5 minutos. Escolha também um trecho onde há alguma troca de diálogos (ou um monólogo). Escolha algo que seja fácil de acompanhar. Com o tempo você pode aumentar o nível desses diálogos, por assim dizer.

    Aprender Inglês Com Filmes

    Depois de escolher o trecho, procure entender o que é dito. Caso você tenha a possibilidade de ler as legendas em inglês, copie o diálogo do trecho escolhido para um caderno. Leia o diálogo. Estude o vocabulário. Leia a tradução (caso você não entenda tudo). Escute o diálogo em inglês e leia o diálogo no papel. Escute quantas vezes quiser. Eu sei que estou bom quando começo a ouvir o diálogo sem ter de acompanhar o texto (presto atenção apenas na cena). Além disso, eu também começo a visualizar as palavras (sentenças) escritas em minha mente.

    Pronto! É isso! Você não precisa aprender todo o filme em inglês (a não ser que queira, claro!). Você pode simplesmente aprender pequenos trechos e divertir-se com isso. Pode até repetir o diálogo ao mesmo tempo que as personagens do filme, seriado ou desenho naquele trecho que você estudou. Isso é o que chamo de voice-over (em breve escreverei sobre isso aqui).

    Para não ficar só na teoria, vamos ver como é isso na prática. Entrei no Youtube e fiz a busca por um filme – The Avengers (Os Vingadores). Na busca escrevi “the avengers movie scene” (você pode tentar algo parecido). Encontrei o trecho de 1m45seg mostrado no final desta dica.

    Assisti à cena para me ambientar com ela. Entender o contexto para não interpretar nada errado. Caso eu estivesse assistindo ao filme seria muito mais fácil. Depois de assistir à cena, foquei nas trocas de diálogo entre as personagens. [Uma dica extra para você: quando quiser encontrar as legendas para um filme, entre no Google e faça uma busca assim “nome do filme em ingles subtitle txt”; por exemplo, “the avengers subtitles txt”. Isso resultará em sites nos quais você poderá fazer o download do arquivo de legendas e abrir em seu computador com se fosse um arquivo de texto.]

    Copie o diálogo da cena que você escolheu em uma folha de papel e estude. Preste atenção no vocabulário, expressões, gírias, sentenças completas, etc. Traduza tudo se for o caso (conforme se acostumar com o significado de tudo, apague a tradução). Da cena que você vai ver abaixo o diálogo é o que segue:

    – So, this all seems horrible.
    – I’ve seen worse.
    – Sorry.
    – No, we could use a little worse.
    – Stark, we got him.
    – Banner?
    – Just like you said.
    – Then, tell him to suit up. I’m bringing the party to you.
    – I don’t see how that’s a party.
    – Dr. Banner. Now might be a really good time for you to get angry.
    – That’s my secret, Captain. I’m always angry.
    – Hold on!

    Evite aprender palavras isoladas. Aprenda as palavras isoladas apenas quando for realmente necessário! No mais, aprenda as sentenças completas e tente pronunciá-las o mais rápido que puder. No caso acima, você pode praticar as sentenças abaixo:

    • This all seems horrible. (A coisa parece feia.)
    • I’ve seen worse. (Já vi pior.)
    • We could use a little worse. (O “pior” seria útil.)
    • Just like you said. (Bem como você disse.)
    • I’m bringing the party to you. (Estou levando a festa até vocês.)
    • Now might be a good time for you to get angry. (Agora seria uma boa hora para ficar com raiva.)
    • That’s my secret. (Esse é o meu segredo.)
    • Hold on! (Aguenta firme!)

    E assim você aprende algumas sentenças que podem ser usadas em contextos diferentes quando necessário for. Por exemplo,

    • Now might be a good time for you to talk to her.
    • Now might be a good time for you to shut up.
    • Now might be a good time for you to help him.
    • Now might be a good time for you to stay with me.
    • Just like you said.
    • Just like she said.
    • Just like I said.
    • Just like dad said.

    Depois de entender as principais sentenças do diálogo na cena escolhida e praticar a pronúncia delas o quanto puder. Assista ao trecho escolhido quantas vezes quiser e preste atenção às sentenças e contexto. Isso ajudará você a melhorar o seu vocabulário, listening, uso da língua e o que mais der para melhorar.

    Para quem fez o curso Aprender Inglês Lexicalmente essa é uma das maneiras que vocês podem aprender chunks com filmes. Afinal, o que vocês veem aí são os chunks usados em um contexto específico. É só anotar aqueles que acharem mais interessantes e praticar, repetir, criar novos exemplos. Enfim, aprender inglês lexical e naturalmente.

    16 Comentários

    1. Thanks Denilso, adorei a dica. Me parece muito mais trabalhosa, mas o serviço fica completo…
      Eu tenho feito assim: vejo o filme com a legenda em português mesmo e tento relacioná-la ao que eles falam, o ruim é que pauso muito, mas dá pra aprender pronuncia e chunks. Mas achei sua dica mais completa, por isso vou usá-la a partir de agora.
      Once again thank you!!!

    2. Hey Denilso, I'm looking forward to your "voice-ver" post. I'm kinda doing that, you know, and some new ideas would be very much welcome. Anyway, cheers!

    3. Since I started to read my favorite books and watch movies and tv show, my brain has refused to do this in Portuguese when i'm with someone or in a book store (i can ignore when i'm wathing something with someone on my side, but when i'm alone i cannot do that =X), and i only wanna say thanx to myself because i know how hard it was for me to get used to it. There's no price when u can understand 90% of everything that u're reading or listening to. So i say to all people that wanna make this dream come true: we both know that it take us time but NEVER, EVER give it up. Nice post.

    4. Ola Denilso, Otima dica!Mas sabe uma coisa que costumo fazer, quando estou vendo os seriados e filmes,e tem a tradução na legenda, tento imaginar,identificar os diálogos com base na legenda. Como seria a estrutura da sentença em ingles. Confesso que não faço nenhum tipo de anotação.Sei que isso poderia ser um caminho. Já fiz algumas descobertas interessantes,mas percebo que acabo por não fixar aquilo que aprendi. Outra maneira de treinar o “listening” é com musicas que gosto.Se escuto algo que me interessa no radio, baixo a musica e ouço varias vezes, e vou anotando no papel.Depois vou pro Google, ver o que acertei e errei.Queria uma dica sua, de como fixar.Algumas coisas simplesmente parecem que se perdem como fumaça. Obrigada.

    5. No opensubtitles tem legendas pra quem precisar. Geralmente são arquivos .srt mas dá pra abrir no bloco de notas do windows.

    6. Ótima dica Denilso, ótimo pra pegar entonação e rítimo na língua falada, além de todas a vantagens que vc mencionou.

      Mas acho que vc se esqueceu de traduzir ‘suit up’ que se equivale ao nosso aprontar-se… Then… tell him to suit up. ‘Então… diga a ele pra se aprontar.’

    7. Isso aí, Denilso. Foi o meu método de aprendizagem. Só que com séries… E o mais engraçado é que foi involuntário: simplesmente assistia com legendas e, vez ou outra, me pegava traduzindo a fala do personagem sem ver a legenda.

      E hoje, não sinto necessidade de frequentar um curso. Aliás, eu parei de me preocupar com isso desde que soube que o ilustríssimo aí não frequentou nenhum curso e está em um nível Deus no inglês xD

      😀

    8. Mr. Denilso!
      Como sempre, ótimas dicas!
      Sempre na busca de mostrar as idéias de forma mais clara.
      Parabéns pelo belo trabalho.

    9. Estou a gostar de dar uma vista de olhos aos seus artigos antigos, encontrando muitos que são relevantes à minha aprendizagem de português. Gosto de ver filmes brasileiros mas desde que mudei para aprender português europeu, tenho muito dificuldade em comparação a filmes portugueses, principalmente em plena velocidade mas sei que isto é o que acontece quando se concentra num certo sotaque. O meu método é dedicar algum tempo sozinho para ver um filme, vendo e revendo uma cena, com e sem as legendas, até que estou satisfeito, então progredindo à próxima cena.

      1. Olá Ralph, existe uma diferença significativa entre o Português de Portugal (Europeu) e o falado aqui no Brasil. Espero um dia poder falar fluentemente o Inglês, e também entendo que os diversos sotaques (velocidade) da língua cria um pouco de dificuldade quando se estuda a “língua” direto da fonte.

    10. uaua Eu estava pesquisando naturalmente encontrei um bom dicas e resultado de tudo que eu estou precisando ,mt obg o autor deste blog.Que Deus abençoa grandemente

    Botão Voltar ao topo
    Fechar