O que significa em português?

O que significa “eager beaver”?

Será que você tem um amigo que é um verdadeiro “eager beaver”? Pior ainda, será que você é um “eager beaver”? Não faz a menor ideia do que é e como age um “eager beaver”? Então, continue lendo a dica de hoje para descobrir se há “eager beavers” perto de você.

Eager beaver” é uma pessoa extremamente entusiasmada e que adora trabalhar muito. Mas, não pense que é algo vantajoso ser um “eager beaver”. Há por trás do significado dessa expressão algo um pouco pior do que você possa imaginar.
As pessoas que infelizmente convivem com um “eager beaver” o consideram um ser muitíssimo irritante, chato, importuno, desagradável, etc. Isso acontece por que um sujeito “eager beaver” quer sempre aparecer e mostrar serviço. A intenção dele é sempre impressionar os superiores (chefes, por exemplo). O “eager beaver”passa dos limites e acha isso normal. Afinal, ele é diferente dos (melhor que os) outros.

O que significa eager beaver?O pior do “eager beaver” é que ele conta com a simpatia do chefe. Não por ele ser competente (pois geralmente ele não é), mas por ser o cara que quer fazer tudo e que tem todas as ideias (as ideias dos outros acabando se tornando ideias dele na maioria das vezes). Claro que ele raramente consegue fazer tudo, aí acaba sobrando para os colegas de trabalho (workmates). E aí que o “eager beaver” vai acabar te pedindo um favorzinho. Não se iluda! Afinal, um bom “eager beaver” sempre mostrará que ele está certo (mesmo estando errado) e que é sua obrigação fazer as coisas que ele deveria fazer.

O legal é que o chefe acha que o “eager beaver” é “hyperactive” (hiperativo). Aliás, o próprio “eager beaver” se acha “hiperativo”. O problema é que ser um “eager beaver” nada tem a ver com “hyperactivity” (hiperatividade). Em inglês, o “eager beaver” é também chamado de “overactive”, algo que os dicionários definem como “ativo além do normal”, “que causa danos por ser muito ativo”, etc.Portanto, anote aí “eager beaver” e “overactive” são prejudiciais ao ambiente de trabalho e à convivência social. Já o “hyperactive” pode, de certa forma, ser prejudicial a ele mesmo. Diz a maioria que o “hyperactive” está mais ligado ao que muitos chamam de “attention deficit disorder” (distúrbio de déficit de atenção – DDA). E complementam dizneod que DDA não faz parte do comportamento de um “eager beaver”. Na verdade, o “eager beaver” é uma forma disfarçada de “puxa saco” (saiba como dizer isso em inglês clicando aqui).

E aí!? Será que você conhece alguém que seja um “eager beaver”? Como você lida com “eager beavers” no seu ambiente de trabalho? Será que os “eager beavers” têm cura?

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar