SAVE THE DATE: o que é isso e o que significa?

SAVE THE DATE: o que é isso e o que significa? Se pensarmos na expressão em si, a resposta a esta pergunta será um simples “marque a data”, “guarde bem esta data”, “marque em sua agenda”, “reserve esta data”  ou algo do tipo.

Mas, no mundo moderno, as coisas nem sempre são assim tão simples. Embora pareça algo simples, essa expressão também se refere a algo mais cultural. Portanto, continue lendo para entender melhor.

Save the date: algo cultural

Um casal, após anos de namoro, decidiu se casar. Eles planejam a festa e, claro, marcam a data do evento. Como parte da tradição, eles devem enviar convites às pessoas que eles querem presentes na cerimônia. Mas, antes de enviar o convite oficial, eles podem mandar uma espécie de pré-convite.

Esse pré-convite é chamado em inglês de SAVE THE DATE. Nele vão apenas as informações mais básicas sobre o acontecimento: motivo do evento (casamento), nome(s) de quem convida, o dia do evento e o local (cidade).

A função desse pré-convite é apenas para que os convidados não marquem nenhum outro compromisso para aquela data. Pois, quem convida conta com a presença dos convidados. Como a função é avisar as pessoas para que “marquem a data na agenda”, “guarde bem a data do evento”, o nome dado ao pré-convite é SAVE THE DATE.

O que significa SAVE THE DATE?

» Leia também: Vocabulário de Casamento em Inglês

Por que um save the date?

 Aí você deve estar se perguntando qual a razão de enviar um pré-convite sendo que o convite oficial será enviado depois?

O SAVE THE DATE serve para ajudar os convidados a ser oganizarem para o evento. Caso eles tenham de comprar passagens, reservar hotel, alugar um carro, etc., o SAVE THE DATE serve para que eles comecem a se programar.

Save the DateClaro que você pode enviar o convite oficial e deixar por isso mesmo. Mas, no mundo dos eventos, eles acabam sempre inventando algo a mais. Foi assim que inventaram o tal SAVE THE DATE como um pré-convite.

Enfim, tem gente que usa; tem gente que não usa.

» Leia também: Cerimônia de Casamento em Inglês

O save the date serve para qualquer evento?

 De modo geral, o SAVE THE DATE é muito mais comum no mundos dos casamentos. Afinal, foi onde essa moda começou.

Contudo, ele também pode ser usado quando o evento for marcante na vida de uma pessoa ou casal: formatura, festa de aniversário (principalmente aquelas que celebram 50, 60, 70, 80 anos de vida ou mais da pessoa), aniversários de casamento (bodas de prata, ouro, diamante, etc.). Tem ainda lojas que enviam um SAVE THE DATE para informar seus clientes sobre uma super promoção, abertura de uma nova loja, chegada de uma nova coleção e por aí vai.

Enfim, o SAVE THE DATE é algo muito comum na cultura americana. Aqui no Brasil, essa ideia está engatinhando. Você certamente não verá isso ainda com muita frequência por aqui. Entretanto, quando começar a ver, você já saberá do que se trata.

That’s all for now, guys! So, bye bye, take care, and keep learning.

O que significa Halloween?

O que significa halloween? De onde surgiu essa palavra? Se você tem essa curiosidade, continue lendo esta dica escrita pela prof. Lilian de Oliveira Rosário para aprender. Leia tudo, pois você vai aprender até sobre o vamos  “trick or treat?”.

Existem muitas dúvidas sobre o Halloween e uma delas é justamente sobre o que significa Halloween. Muitas pessoas acreditam não haver tradução ou entendem apenas como Dia das Bruxas. Mas, será que é isso mesmo?

O que significa halloween?

Para saber o que significa Halloween, temos que entender um pouco sobre a origem dessa tradição. Então, vamos lá!

No ano 609, a Igreja Católica incorporou em suas comemorações um festival romano chamado LEMURIA – celebrado inicialmente no dia 13 de maio. Originalmente esse festival tinha por objetivo apaziguar os espíritos dos mortos que rondavam pelas casas. Como a ideia era dar um tom mais cristão ao festival da lemúria, o nome foi alterado para ALL HALLOWS DAY, Dia de Todos os Santos.

O que significa Halloween?Com o passar do tempo, a data desse festival foi transferida para o dia 1º de novembro, um dia após o festival pagão conhecido até então como SAMHAIM, cujo objetivo era celebrar o fim do verão.

Com a mudança de data do festival “ALL HALLOWS DAY”, o festival pagão samhaim – celebrado no dia 31 de outubro – passou a ser associado ao feriado cristão e, para evitar confusão, recebeu o nome de ALL HALLOWS EVENING (NOITE DE TODOS OS SANTOS).

E foi aí que de ALL HALLOWS EVEN, o nome foi encurtardo para HALLOWE’EN e finalmente para HALLOWEEN. Vale ainda dizer que HALLOWEEN pode ser interpretado também como “VÉSPERA DO DIA DE TODOS OS SANTOS”.

Só para você aprender um pouco mais, saiba que HALLOW pode ser um verbo cujo significado é “santificar” ou um substantivo, e aí seu significado é “halo” (aquela espécie de círculo, aura que aparece na cabeça dos santos representados em pinturas).

Trick or treat?

Trick or treat?Agora que que você sabe o que significa HALLOWEEN, vamos falar sobre “TRICK OR TREAT”.

A tradução literal dessa expressão é “TRAVESSURA OU GOSTOSURA”, um costume muito comum nos Estados Unidos durante o Halloween, onde crianças (e porque não adultos?) vão de casa em casa, pedindo doces através da pergunta “TRICK OR TREAT?”.

Se as pessoas responderem “TREAT” as crianças recebem doces. Mas, se disserem “TRICK” as crianças assustam-nas com máscaras ou fazem travessuras como encher a frente da casa com papel higiênico ou spray de espuma colorido.

Essas duas palavras – “TRICK” e “TREAT” – podem ser usadas em outros contextos separadamente, com outros significados e aplicações. De forma a entender o uso correto desses termos e suas variações, vamos ver alguns exemplos, primeiramente relacionados à palavra TRICK:

  • Does this test have trick questions? – Essa prova tem pegadinhas?
  • He took a rabbit out of his hat. What is the trick? – Ele tirou um coelho da cartola. Qual é o truque?
  • Fraud is an act or intent to cheat, trick, steal, deceive, or lie – Fraude é o ato ou a intenção de burlar, enganar, roubar ou mentir.

No geral a palavra TRICK está relacionada à arte de enganar, deu para perceber essa ideia nos exemplos anteriores, certo? Então, vamos agora aprender um pouco sobre TREAT.

Além de ter o significado já citado anteriormente – doces –, treat pode aparecer com outros sentidos de acordo com os exemplos abaixo:

  • We give a treat for the kids after the dinner – Nós damos um agrado para as crianças após o jantar.
  • I give a treat to my cat if he obeys me. – Eu dou um petisco para meu gato se ele me obedecer.
  • My parents always give me a treat when I get good grades – Meus pais sempre me dão uma recompensa quando eu tiro boas notas.

E aí, deu pra ter uma breve ideia do uso das duas palavras em outros contextos? Pra encerrar, vamos ver uma frase utilizando as duas palavras:

  • They gave the dog one of his treats for performing the trick – Eles deram ao cachorro um petisco após ele ter feito o truque.

Agora que você já aprendeu a origem da palavra Halloween, o significado da expressão “Trick or Treat” e o uso dessas palavras em contextos diferentes, que tal colocar tudo em prática?

Coloque o seu chapéu de bruxa ou a sua máscara de monstro e saia pela vizinhança pedindo seu “Treat” no Halloween, mas não vá fazer muitos “tricks” pelo seu bairro, ok?

___
Lilian RosárioEscrito por Lilian de Oliveira Rosário  – Professora de Inglês com especialização em English for Conversation pela Harvard University e Pós Graduação em Docência no Ensino Superior e Direito Educacional. Leciona inglês há quase 10 anos em escolas públicas e particulares, institutos de idiomas, In Company English e aulas particulares. Atualmente é professora de inglês em escolas de ensino Infantil e Fundamental I pela Prefeitura de Bragança Paulista e dá aula de inglês In Company pela escola de inglês Be! School.

Texto em Inglês: Thanksgiving

Nossa dica hoje é uma colaboração da nossa amiga Kimberly Nentwich, professora de inglês na cidade de São Paulo e que abrilhantará o Inglês na Ponta da Língua com suas dicas por aqui. Para começar, ela escreveu um pouco sobre um dos mais importantes feriados americanos: o Dia de Ação de Graças, ou Thanksgiving Day. O texto está em inglês. Um oportunidade para você praticar o que sabe e aprender coisas novas. Vamos ao texto!

Thanksgiving

Thanksgiving is an American holiday that points back to the days of the pioneers and the colonization of the new country called the United States of America.

History

Thanksgiving IIn the 1700s when the pioneers first arrived to the New World they were overwhelmed by disease, lack of food and shelter, and conflict with Native Americans. However, after a period of time they grew accustomed to these challenges and even managed to create a friendly relationship with the natives. There came a point where certain Native American groups helped the new Americans plant crops, raise animals, and build shelter.

The first Thanksgiving was a day during harvest time when the pioneers and the Native Americans joined together to enjoy a feast of the grains, vegetables, and meats that they had raised. It was a time of celebration for their survival up until that point as well as a bright future that lay ahead of them.

Food

Thanksgiving is known by most Americans as “Turkey Day” because this is the most common entree prepared on the holiday. The family gathers in the kitchen early in the morning to first clean the turkey and then stuff it with a mixture of bread and vegetables which is referred to as “stuffing.”

ThanksgivingIt is also common to prepare mashed sweet potatoes with marshmallows, mashed white potatoes, cranberry sauce (a tart jelly made with cranberries), green beans, and just about anything else that the family can manage to prepare by dinner time. For dessert, and there is always dessert, it is common to eat apple pie or pumpkin pie with ice cream on top. There are always leftovers as well so this extravagant meal can be enjoyed for several days after the holiday is over.

Date and Appearance

Thanksgiving always take place on the 4th Thursday of November, a time of year in the US when the leaves are changing color to yellow; orange; and red, and are falling off of the trees. Families generally decorate their homes with pumpkins, dried corn, cornucopia (see picture), and other decorations that reflect the colors of the leaves. It is a time when the homes smell of warm apples and cinnamon and the air smells of crisp leaves and the soon coming of snow and Christmas.

Gostou da dica da Kimberly!? Quer aprender mais sobre o Thanksgiving!? Então, leia as dicas “From Thanksgiving to Black Friday” e “O Que Significa Black Friday?“. Pratique ainda mais sua habilidade de leitura em inglês com nossa coletânea de Textos em Inglês. Conheça o projeto da prof. Kimberly voltado para estudantes avançados de inglês clicando na imagem abaixo.

Step Up Just Talk

Esquisitices do Inglês Americano

Confesso que o título dado a este texto é mesmo esquisito. Afinal, o que será que alguém pretende dizer ao dar um título assim ao seu texto? Se você gosta de curiosidades, continue lendo. Você certamente entenderá a ideia!

» Leia também: O que é inglês britânico?

Recentemente, recebi um email no qual o leitor dizia que ele tem um professor americano de inglês e que esse professor pronuncia o artigo indefinido a como “ei” e não como “ah“, que é o mais comum. O leitor então pergunta se há uma regra para isso. Claro que eu poderia dizer que ao darmos ênfase pronunciamos “ei“, mas esse não era o caso. Pois, o professor americano dele parece pronunciar “ei” o tempo todo.

Essa observação do leitor me fez resgatar um texto que escrevi (mas não publiquei) tempos atrás falando sobre como os americanos dizem “refrigerante“. O texto tinha como base uma imagem que compartilhei em minha página pessoal no Facebook no mês de fevereiro de 2013.

Inglês Americano: refrigerante em inglês

Veja que de acordo com o mapa, há três maneiras de se dizer “refrigerante” no inglês americano: “pop“, “coke” e “soda“. Veja ainda que essas maneiras diferentes são características de cada região. O norte tem preferência pelo termo “pop“. Já o sul prefere “coke“. E o pessoal do oeste pede sempre por “soda“. O mapa acima é de 2003. Será que algo mudou ao longo desses 10 anos? Veja o mapa mais atual abaixo e tire suas conclusões.

Inglês Americano II

O que isso significa? O que isso tem a ver com a pergunta feita pelo leitor?

Isso mostra que não há dentro de um país de língua inglesa uma unidade no que diz respeito ao uso da língua. Ou seja, dentro de um único país a língua usada comumente por seus habitantes pode apresentar inúmeras variantes. Essas variantes podem envolver estruturas gramaticais, pronúncias, nomes dados às coisas, gírias, expressões, etc. Portanto, é totalmente normal que em algumas regiões dos Estados Unidos o artigo indefinido “a” seja pronunciado como “ei” e em outras como “ah“.

» Leia também: Inglês Americano: Forma Padrão

Outros exemplos da diferença de pronúncia está nas imagens abaixo. Na primeira vemos que a palavra “mayonnaise” (maionese) é pronunciada de duas maneiras. Na segunda imagem, vemos que há três modos diferentes para pronunciar “been” (forma do verbo be no Past Participle).

Inglês Americano III

Inglês Americano IV

As diferenças regionais também se fazem presentes no mundo do vocabulário (léxico). Na imagem a seguir, você poderá notar que a rotatória (aquela bola/círculo pela qual os carros passam em determinados cruzamentos) tem nomes diferentes ou nome nenhum em certas regiões.

Inglês Americano V

Já na próxima imagem é possível notar como americanos em diferentes regiões dizem “vocês” em inglês.

Inglês Americano VI

No que diz respeito às expressões, a coisa se complica. Afinal, uma expressão (seja ela idiomática ou não) pode ser conhecida em um canto do país e em outro não. Esse é o caso de “How’s your mom’n’em?” (Como está a família?), expressão típica de algumas regiões do sul dos Estados Unidos.

Um morador de certas regiões da Pensilvânia poderá dizer “let’s redd-up the room”. Sendo que “redd-up” significa “clean up”. Portanto, “let’s redd-up the room” é o mesmo que “let’s clean up the room”. Em Wisconsin, as pessoas poderão perguntar “How’s by you?” ao invés do clássico “How are you?”. Um texano, ao falar a um turista que ele deve seguir reto por uma rua, poderá dizer “You go up in through there” (fazendo as preposições parecerem mais infernais do que realmente são).

Essas esquisitices regionais tornam uma língua muito mais rica do que ela já é. Não se trata apenas de esquisitices do inglês americano, ma sim de algo relacionado à língua inglesa como um todo. Essas esquisitices são encontradas no inglês britânico, no inglês australiano, no inglês sul-africano, no inglês irlandês, no inglês canadense e todos os outros.

E o que fazer em relação a isso? Que inglês estudar? Como é que um estudante de inglês se vira com essas esquisitices?

A dica é sempre optar pelos padrões. Saiba mais sobre isso lendo as dicas Inglês Americano: Forma Padrão e Mito: O Inglês Britânico é Mais Fácil de Entender. Depois que você estiver bem familiarizado com a forma padrão do seu tipo favorito de inglês, você poderá – se quiser – se aprofundar e estudar essas diferenças regionais.

Claro que nem todo mundo precisa disso. O que a grande maioria das pessoas quer é aprender inglês para se comunicar naturalmente. Essas esquisitices interessam mais os linguistas, professores, autores, pesquisadores etc. Portanto, não entre em desespero.

Você, estudante de inglês, deve apenas estar ciente que as diferenças regionais dentro de um tipo de inglês existem. Elas fazem parte da cultura de cada país. Portanto, quando você encontrar algo esquisito – uma pronúncia, uma palavra, uma estrutura gramatical, seja o que for – não pense em regras, não pense em erro, não pense que você é burro… Nada disso! Pense apenas que você está aprendendo uma língua que possui inúmeras variantes regionais e que isso é muito mais normal do que você imagina.

Até a próxima!

Fontes:

  • American English: history, structure and usage (Julies S. Amberg e Deborah J. Vause)
  • Speaking American: a history of English in the United States (Richard W. Bailey)

Cerimônia de Casamento em Inglês

Já escrevi aqui no site uma dica com o vocabulário básico para falar sobre casamento em inglês. Um leitor recentemente descobriu o texto e sugeriu que eu escrevesse também sobre as frases comumente usadas em uma cerimônia de casamento.

Gostei da sugestão. Fiz uma pesquisa. E agora compartilho com vocês o que descobri. Portanto, continue lendo para aprender o que é dito nas maioria das cerimônias de casamento em inglês. Depois de ler esta dica, leia também como dizer bodas em inglês.

Antes de falarmos das frases usadas em uma cerimônia de casamento em inglês, aprenda que a pessoa que oficializa o casamento é chamada de officiant. Esse pode ser um pastor, padre, ministro, presbítero, etc., devidamente ordenado para realizar cerimônias religiosas. Ou pode ser ainda um juiz de paz ou qualquer outra pessoa legalmente autorizada a realizar o casamento.

Dito isso, saiba que o officiant sempre começa a cerimônia com algumas palavras. O mais comum é que ele diga algo como o que segue abaixo:

Dearly Beloved, we are gathered here today in the presence of these witnesses, to join ______ and ______ in matrimony commended to be honorable among all; and therefore is not to be entered into lightly but reverently, passionately, lovingly and solemnly. Into this – these two persons present now come to be joined. If any person can show just cause why they may not be joined together – let them speak now or forever hold their peace.

Cerimônia de Casamento em InglêsClaro que cada officiant pode falar algo diferente. Mas, no geral a ideia será sempre a mesma. Algumas frases são padrões e permanecem quase inalteradas. Esse é o caso de “let them speak now or forever hold their peace”, equivalente ao nosso “que fale agora ou cale-se para sempre”.

Após tais palavras, segue uma oração e/ou pequeno discurso falando sobre a importância do casamento. O respeito, o amor, as dificuldades que poderão vir, etc., são também abordados. Claro que há variações para isso, mas no geral a mensagem é praticamente a mesmo.

Chega então o momento dos votos – the wedding vows. Esses também são os mais variados. Abaixo segue o mais tradicional:

I, ______, take you ______, to be my wife/husband, to have and to hold from this day forward, for better or for worse, for richer, for poorer, in sickness and in health, to love and to cherish; from this day forward until death do us part.

Às vezes o officiant pode tranformar o voto acima em uma pergunta. Fazendo com que a bride e o groom apenas concordem”. Nesse caso fica assim:

Do you, ______, take this man/woman, ______, to have and to hold from this day forward, for better and for worse, in sickness and in health, to love and to cherish, ’till death do you part?

Após essa pergunta, espera-se ouvir um simples I do. Creio que I don’t não cairá muito bem no momento.

Passa-se então para a troca das alianças – exchange of rings. Esse momento também tem suas frases comuns. A mais conhecida é:

I ______ give you ______ this ring as an eternal symbol of my love and commitment to you.

Às vezes isso aí tudo é encurtado para um simples: “With this ring, I thee wed”.

Após a troca das alianças, o officiant poderá concluir dizendo,

By the power vested in me by the state of ______, I now pronounce you husband and wife. You may (now) kiss the bride.

Essa parte pode ter alterações para ficar de acordo com a ocasião. Assim, ao invés de “I now pronounce you husband and wife”, você poderá ouvir “I now pronounce you married”. Já na parte “you may now kiss the bride” pode ser mudada para “you may now kiss each other”.

Logo após o tradicional beijo, o officiant poderá dirigir-se aos convidados e dizer  “I present to you Mr. and Mrs. ______.” Isso se algum dos noivos decidiu adotar o sobrenome do outro. Caso não tenha sido essa a opção, o officiant terá de dizer “I present to you the newly married couple, ______ and ______.

As fórmulas são geralmente parecidas na maioria das culturas. Muda-se apenas o idioma. Claro que cada grupo religioso, ou cultura possui tradições próprias. Portanto, nestes casos é preciso saber como uma cerimônia de casamento é conduzida em cada um deles. E aí!? Gostou desta dica, então compartilhe-a no Facebook, Twitter e/ou Google+.

That’s all for now! Agora você já tem uma ideia das frases usadas com mais frequência em uma cerimônia de casamento em inglês. I hope you’ve enjoyed this tip. Take care!

The Gettysburg Address: texto em inglês com áudio

The Gettysburg Address é o título de um discurso dado pelo 16º presidente dos Estados Unidos, Abraham Lincoln. Esse discurso é considerado um dos mais belos e profundos discursos da história dos Estados Unidos. Portanto, nesta dica você tem a oportunidade de ler e ouvir esse discurso.

Segue abaixo o texto como foi lido por Abe Lincoln em 19 de novembro de 1863. Além de ler, ouça o texto na voz de Jeff Daniels.

Para facilitar a compreensão, no final do texto coloco  o significado de algumas expressões e palavras. Para ficar bem interessante, tente decorar esse discurso e recitá-lo em voz alta. Essa é uma maneira muito boa de você melhorar a pronúncia. Preste atenção às pausas, entonação, cadência, ritmo, etc. utilizado no áudio. Procure fazer o que chamamos de voice-over: leia o texto junto com o áudio. Isso ajuda você a entrar no ritmo.

Aprenda a ler o texto com autoridade e sinta-se o próprio Abe Lincoln.  😊

The Gettysburg Address

Ouça o áudio abaixo e acompanhe a leitura:

Four score [1] and seven years ago our fathers brought forth [2] on this continent a new nation, conceived in liberty, and dedicated to the proposition [3] that all men are created equal.

The Gettysburg Address

Now we are engaged in [4] a great civil war, testing whether that nation, or any nation, so conceived and so dedicated [5], can long endure [6]. We are met on a great battle-field of that war. We have come to dedicate a portion of that field, as a final resting place [7] for those who here gave their lives that that nation might live. It is altogether [8] fitting [9] and proper [10] that we should do this.

But, in a larger sense [11], we cannot dedicate, we cannot consecrate, we cannot hallow [12] this ground. The brave men, living and dead, who struggled here, have consecrated it, far above [13] our poor power to add or detract. The world will little note, nor long remember what we say here, but it can never forget what they did here. It is for us the living [14], rather [15], to be dedicated here to the unfinished work which they who fought here have thus far so nobly advanced. It is rather for us to be here dedicated to the great task remaining before us — that from these honored dead we take increased devotion to that cause for which they gave the last full measure of devotion [16] — that we here highly resolve that these dead shall not have died in vain — that this nation, under God, shall have a new birth of freedom — and that government of the people, by the people, for the people, shall not perish from the earth.

Vocabulário

[01] score: período de 20 anos (four score = 80 anos) Lembre-se: não se fala mais isso na linguagem do dia a dia.
[02] brought forth: deram origem, deram início
[03] (our fathersdedicated to the proposition: dedicada ao princípio de
[04] (we) are engaged in: estamos empenhado em, estamos envolvidos em
[05] so conceived and so dedicated: assim concebida e assim dedicada
[06] can long endure: pode resistor, consegue resistir
[07] final resting place: o último local de descanso
[08] altogether: perfeitamente, completamente
[09] fitting: conveniente
[10] proper: justo
[11] in a large sense: numa visão mais ampla
[12] hallow: santificar
[13] far above: muito além
[14] It is for us the living: Cabe a nós os vivos
[15] rather: porém, antes
[16] the last full measure of devotion: a última gota de devoção (a ideia é que os que morreram foram devotados até o fim)

O que significa layaway plan?

A leitora Patrícia Anstine pediu via Facebook para que eu falasse sobre o termo layaway. De acordo com ela, o tal do  layaway é a sensação lá nos States. Fui atrás de saber exatamente do que se trata e achei interessante. Afinal, é algo que complementa a dica dada dias atrás sobre Compras a Prazo em Inglês.

Phrasal Verb: LAY AWAY

Antes de falar o que isso tem a ver com a ideia de comprar a prazo, vamos entender melhor o que significa o phrasal verb lay away. Os dicionários dão duas possíveis definições:

  1. reserve for the future, save;
  2. put aside and hold for future delivery.

O primeiro significado passa a ideia de economizar, guardar algo para o futuro. Já o segundo nos diz que refere-se ao fato de colocar algo de lado e mantê-lo guardado (ou estocado) para que seja entregue no futuro.

  • Lay away a place for me. (Guarde um lugar para mim. | Reserve um lugar para mim.)
  • They are trying to lay away some money for their holiday next year. (Eles estão tentando guardar uma graninha para as férias do ano que vem.)

O que significa layway plan?Os exemplos acima estão relacionados apenas ao primeiro significado de lay away. Fiz isso propositadamente. Afinal, o segundo uso é o que tem todo a ver com a ideia de compras a prazo. É agora que entra o tal do layaway plan.

O que significa LAYWAY PLAN?

Imagine que seu nome esteja sujo na praça, mas você quer muito comprar uma nova televisão. Como você está com o nome sujo, terá de comprar à vista. O problema é que à vista não dá; fica salgado demais. E aí!? O que fazer?

Os lojistas/comerciantes encontraram uma solução para resolver seu problema e que é também seguro para eles. Criaram a ideia do layaway. Uma espécie de compra programada.

Você vai até a loja e escolhe o produto que deseja. Você acerta a quantidade de parcelas que deseja pagar e o valor. Mas, você não leva o produto para casa, ele fica guardado na loja até que você termine de pagar as prestações e possa finalmente retirá-lo. O produto é colocado de lado e mantido em estoque para ser entregue no futuro. Além do preço do produto, você paga também um pequena taxa por ocupar o estoque da loja com um produto que teoricamente é seu.

Se por um acaso você atrasar as prestações ou desistir do negócio, todo o dinheiro investido é devolvido. Bem! Quase todo! Os lojistas ficam apenas com o valor da taxa extra. Afinal, você utilizou o espaço, o serviço e o tempo deles. Portanto, é justo que eles fiquem com algo.

LAYWAY PLAN é geral!

layaway plan não é usado apenas por quem está com o nome sujo na praça. Ele é a sensação quando você quer presentear alguém. Ou seja, digamos que você queira dar uma geladeira de presente para sua irmã que vai se casar. Você então vai até a loja e pede pelo layaway plan. Paga tudo boitinho e quando chegar a hora certa, você entrega o presente à pessoa. Dessa forma, tudo é mantido em segredo e ninguém fica sabendo o que você dará de presente à ela.

Não creio que temos no Brasil algo parecido. Aqui podemos comprar um produto à prazo e retirá-lo depois. No entanto, não se trata de um plano de pagamento para pessoas que estão negativadas na praça. Você pode ler mais sobre layaway na Wikipedia em inglês.

E então!? O que você achou da ideia do layaway plan? Será que essa moda pode pegar um dia aqui no Brasil assim como a moda da black Friday está pegando? Os lojistas fazem de tudo para vender, essa parece ser uma ideia a mais para garantir a baixa no estoque e o dinheiro no caixa. Se quiser comentar, é só escrever na caixa abaixo. Até a próxima!

Saying Good-bye: a cultural shock

Hello, you guys! My name is Ludimila Cordeiro and I’m an English teacher. I’m from Londrina-PR but I’m currently based in Curitiba-PR. I’m here today to share with you a piece of a cultural shock that I’ve been through when traveling to an English-speaking country, the USA.
When we learn a foreign language, it is inevitable that we experience other cultures, since language and culture are inseparable. It is mostly through language that you’ll notice curious aspects from the other culture, which may make a strong impact on you. In my case, I had a strange feeling when hearing someone say good-bye in the USA. Sounds funny, right? We all know how to say good-bye. However, the difference relies on how Brazilians and Americans do it.
Saying good-bye in English
We Brazilians usually say a set of sentences when we say good-bye: “Tchauvaleu aíse cuida hein” or “Vai com Deus”, “fica bematé mais” or “Beijos, tudo de bom”, etc. In the USA, people usually stick to only one sentence: “Ok, bye” or “Have a good night” or “Talk to you later” or “Have a good day” or “Take care”, etc. When I heard people saying good-bye like this I felt there was something missing, you know. I thought to myself: “Só isso? Só ‘bye’ e pronto?” I think that the reason is because we, Brazilians, tend to be more affectionate and express our feelings more openly than Americans. They don’t usually say “Bye, kisses” as we do in “Tchau, beijos”.
Another interesting sentence that they say is “Have a good one” or “Have a nice one”. This is a broad sentence that covers all the bases to other sentences, like: “Have a good night”, “Have a good afternoon”, “Have a nice day”, “Have a nice weekend”, etc. It is basically a shortened form of “Have a good (whatever)”. It probably originated out of ‘laziness’ or just because in spoken English people tend to shorten words and phrases and use more informal language.
Important reminder: all that I said previously is more often used in spoken language. There are other sentences that you should use in formal situations, for instance, when applying for a job, sending formal business e-mails or friendly business e-mails. In those situations, you should use: “Looking forward to hearing from you”, “Yours sincerely / Yours faithfully”, “Best wishes”, “Kind regards” or simply “Thank you”.
Well, as I said, learning a language never dissociates from learning another culture. It might feel a bit awkward at first, but eventually you discover so much about yourself and about the world.
Well, that’s all for now! I hope you’ve enjoyed it. Now I want to hear from you. Do you have any interesting experience to share regarding language and culture? Let us know! Click here and share it with us. You can also share your experience on Facebook. Just like our fanpage on facebook.com/inglesnapontadalingua.
Beijos, (that’s my favorite way of saying good-bye! LOL)
Ludimila.
Ludimila Cordeiro graduated in Letras – English Language from Universidade Estadual de Londrina. She’s been teaching for 4 years and has had experience working for private language schools, a public school and as a private teacher. She’s quite interested in learning and teaching English through the Lexical Approach. She’s taken an English course in Salt Lake City-UT-USA in 2009 at Internexus Language Institute and have had experience traveling abroad since then. She absolutely loves speaking and teaching English and wants to help other people become fluent in this amazing language.

O que significa BLACK FRIDAY?

Vocês já devem ter visto vários sites anunciando uma certa “Black Friday”. Isso é um costume bem comum nos Estados Unidos e a moda, claro, chegou ao Brasil já faz algum tempo. Como aqui se tornou comum até demais, muita gente resolveu perguntar o que é essa tal de black Friday e qual a origem dessa expressão.

Antes de qualquer coisa, saiba que “Black Friday” não tem nada a ver com macumba, bruxaria, mau agouro, etc. No caso aqui, é até uma coisa boa. Enfim, boa para quem adora promoções, descontos, preços baixos e coisas assim! Pois, na “Black Friday” grandes lojas vendem produtos com descontos incrivelmente incríveis (desculpe-me, mas usei isso para dar ênfase mesmo!).

Black Friday: o dia certo

Nos Estados Unidos, o Thanksgiving Day (Dia de Ação de Graças) é sempre celebrado na quarta quinta-feira do mês de novembro. Já o dia seguinte ao Thanksgiving Day é chamado de Black Friday. Trata-se do dia no qual, lá nos Estados Unidos, o período de compras natalinas tem início. Portanto, toda sexta-feira após o Thanksgiving Day é o que eles chamam de Black Friday. Aqui no Brasil, já inventaram a tal da black friday até no carnaval. Mas, não se engane, a tradição certa diz esse dia é apenas a sexta-feira após o Thanksgiving Day.

O que significa BLACK FRIDAY?O curioso é que lá nos States, embora não seja um feriado nacional, várias empresas dispensam os funcionários só para que eles aproveitem as promoções e descontos oferecidos. É um negócio de louco. Aqui no Brasil as grandes lojas resolveram adotar o costume americano e fazer o mesmo: oferecer descontos incríveis para dar aquele pontapé no período de compras para o Natal.

Black Friday: origem do termo

Sobre a origem do termo Black Friday há duas teorias.

Leia também: Why is Friday Called Friday?

A primeira diz que as pessoas iam de carro até o centro da cidade de Filadélfia para fazer suas compras. Essa invasão de carros deixava marcas escuras nas ruas do centro da cidade. Os policiais ficavam loucos tentando controlar o trânsito (carros, pedestres, bicicletas, charretes, etc.) e, portanto, eles – os policiais – começaram a chamar essa sexta-feira de “black Friday”.

Outra teoria diz que “Black Friday” está relacionada às cores usadas para registrar as perdas e ganhos nos registros contábeis de um comércio. Assim, a cor vermelha era (e ainda é) usada para representar as perdas. É daí que vem a expressão “estar no vermelho” (be in the red). Já a cor “preta” (black) era usada para indicar os ganhos. Como nesse dia de abertura das compras natalinas, os comerciantes registravam mais ganhos que perdas, eles a chamavam de “Black Friday”.

Prontinho! Agora você já sabe por que eles falam “black Friday” e sabe também que é um dia de muitos descontos nas lojas. Portanto, aproveite! Take care, you all! Boas compras!

Como dizer ESQUENTA em inglês?

Como dizer ESQUENTA em inglês? Antes de aprender isso em inglês, deixe-me explicar a que exatamente estou me referindo aqui. Só para começar, o esquenta aqui é algo comum para o pessoal que curte uma balada. Então, vale a pena a explicação.

Muito bem! Imagine que você e um grupo de amigos irão para a balada hoje à noite. O objetivo de vocês é ir para uma danceteria famosa na cidade. No entanto, antes de irem ao local principal, vocês combinam de se encontrar na casa de alguém (ou em um barzinho) para tomarem umas antes do evento principal da noite.Esse encontro antes do evento principal é o que os baladeiros chamam de esquenta.

Às vezes, o esquenta pode ser na rua mesmo (ou em um posto de gasolina). O ritual é sempre o mesmo: beber antes de ir para o objetivo principal da noite (danceteria, show, festa de formatura, festa de casamento, etc.). As sugestões abaixo não são definitivas. Agora que você já sabe do que estou falando, vamos aprender como dizer esquenta em inglês.

» Leia também: O que significa GO DUTCH

Esquenta em Inglês

Warm up

Como dizer ESQUENTA em inglês?

Warm up significa aquecer-se ou (como substantivo) aquecimento. Geralmente é usado para se referir a atividades físicas. Ou seja, você faz um warm up antes de pegar pesado na academia.

Mas, warm up também é usado como uma forma de dizer aquecimento antes de sair para um show, festa, bar, etc. O warm up pode acontecer na casa de alguém ou mesmo em um outro local. Assim, você poderá dizer algo como: “Hey, how about having a warm up before the concert?” (E aí, que tal um esquenta antes do show?).

Portanto, o termo warm up se encaixa bem na ideia de esquenta como apresentada acima. Caso queira aprender um pouco mais, continue lendo esta dica.

Tailgate

Nos Estados Unidos, algo como o esquenta é chamado de tailgate party ou apenas tailgate. Este é um pequeno evento social no qual as pessoas se juntam para beber e comer antes de entrarem em um estádio, show, festa, etc. Nesses eventos, eles abrem a parte traseira do carro (tailgate) e grelham carne, tomam cervejas, conversam sobre vários assuntos (principalmente esportivos) e farreiam tranquilamente. Embora possamos interpretar o tailgate como um esquenta é bom avisar que em termos culturais há diferenças.

Tailgate parties originalmente só aconteciam antes de eventos esportivos (futebol americano, beisebol, basquete, etc). No entanto, atualmente eles ocorrem também antes de shows, entradas em danceterias, festas de casamento, etc. As carnes e demais comidas estão começando a ficar de fora desses encontros; mas, as bebidas alcoólicas não. Nos Estados Unidos as tailgates têm como objetivo evitar a compra de bebidas e comidas dentro dos locais dos eventos, onde os preços são altíssimos. Menores de idade também fazem tailgate parties, pois sabem que dentro do evento não poderão comprar bebidas alcoólicas.

Como você pode ver as tailgate parties são parecidas com os esquentas que acontecem nas ruas. As pessoas encostam os carros em um local, escutam música em volume alto, jogam conversa fora, ingerem bebidas alcoólicas, etc., para então partir para a festa principal. Nesse ponto elas são muito parecidas. Só que as conotações e nuances de uso são diferentes. Aprenda mais sobre tailgate party na Wikipedia.

Pub crawl

Para encerrar, acrescento o termo pub crawl, sugerido por um inglês. Porém, após conversarmos, concluímos que pub crawl e suas variações (gin crawl, beer crawl, etc.) não transmitem a mesma ideia que um “esquenta“. Isso porque pub crawl se refere ao ato de um grupo de amigos ir de bar em bar durante uma única noite e beber aos montes. Em Portugal, pelo que pesquisei, isso é chamado de rally-tascas e no Brasil, em algumas regiões, rastejada (pois as pessoas se rastejam de um bar ao outro após terem enchido a cara). Enfim, o propósito do pub crawl é bem diferente do esquenta.

» Leia também: Como dizer IR PRA BALADA em inglês

Esquenta em Inglês: conclusão

Como você pode ver, warm up é o que chega mais perto na hora de dizer esquenta em inglês. Os outros termos expressam ideias quase semelhantes mas com diferenças culturais. Em todo caso, você já tem aí algumas coisas a mais para dizer às pessoas. Ou seja, você ficou ainda mais com seu Inglês na Ponta da Língua.