Como dizer indústria de móveis em inglês?

Não há nenhum segredo para dizer indústria de móveis em inglês. A combinação usada é furniture industry. A Enciclopédia Britânica define assim essa combinação:

Furniture industry: all the companies and activities involved in the design, manufacture, distribution, and sale of functional and decorative objects of household equipment.

Portanto, está aí sua resposta. Nada muito complicado. Seguem alguns exemplos para você notar o uso dessa combinação em contextos reais.

  • How does the economy affect the furniture industry? (Como a economia afeta a indústria de móveis?)
  • I can assure you that the furniture industry is slowly recovering. (Posso assegurar que a indústria de móveis está se recuperando aos poucos.)
  • The furniture industry is not dying. (a indústria de móveis não está morrendo.)
  • The furniture industry has been facing many challenges lately. (A indústria de móveis tem enfrentado muitos desafios ultimamente.)

Indústria de Móveis em InglêsPara não pararmos por aqui, seguem abaixo mais algumas combinações comuns em inglês com a palavra furniture (móveis):

» furniture factory – fábrica de móveis
» antique furniture – móveis antigo
» modern furniture – móveis modernos
» customized furniture – móveis planejados
» cheap furniture – móveis baratos (e de qualidade inferior)
» second-hand furniture – móveis usados, móveis de segunda mão
» office furniture – móveis para/de escritório
» bedroom furniture – móveis para/de quarto
» wooden furniture – móveis de madeira
» arrange the furniture – arrumar os móveis (colocar no lugar)
» move the furniture around – mudar os móveis de lugar
» rearrange the furniture – reorganizar os móveis, mudar os móveis de lugar
» street furniture – mobiliário urbano (lixeiras, cabines telefônicas, sinalizações, etc., instaladas nas ruas)

Lembre-se que furniture é, em inglês, um uncountable nouns. Isso significa que não há plural para essa palavra. Assim, em português dizemos móveis (plural) e em inglês dizemos furniture (singular). Se a ideia é dizer apenas móvel (singular) em inglês diga a piece of furniture (singular) ou an item of furniture (singular). Veja os exemplos:

  • I helped him choose the furniture for his house. (Eu o ajudei a escolher os móveis para sua casa.)
  • I can’t think of a single piece of furniture in my house that I bought new. (Não consigo pensar em um único móvel da minha casa que comprei novinho.)
  • They have a lot of antique furniture. (Eles têm um monte de móveis antigos.)
  • The only item of furniture he has in his bedroom is a bed. (O único móvel que ele tem no quarto é uma cama.)

[Leia também: Gramática: Countable and Uncountable Nouns]

Para encerrar a dica, anote aí a expressão “part of the furniture”. Ela é usada para dizer que alguém já está tanto tempo morando ou trabalhando em um local que já até faz parte do patrimônio da empresa ou da mobília da casa. Pode ser usada ainda em outras situações, veja:

  • João has been waiting in the doctor’s waiting room so long that he’s beginning to feel that he’s now part of the furniture. (Faz tanto tempo que o João está na sala de espera do médico que ele já está começando a se sentir parte da mobília.)
  • I’ve been here for so long that I’m feeling part of the furniture. (Faz tanto tempo que estou aqui que estou me sentido como parte dos móveis.)
  • He’s been working there for years. He’s certainly part of the furniture. (Ele está traballhando lá há anos. Ele sem dúvidas faz parte do patrimônio da empresa.)

That’s it, guys! Agora você já sabe como dizer indústria de móveis em inglês e também mais algumas coisas mais com a palavra furniture.

Se gostou de aprender combinações de palavras, você certamente gostará de participar do curso online sobre collocations. Caso ainda não esteja inscrito, inscreva-se! Restam poucas vagas e o curso começa na semana que vem (13.07.2015). Saiba como participar clicando aqui.

O que significa ballpark?

A palavra ballpark é geralmente usada com o sentido de estimativa, quantidade aproximada, valor aproximado, número aproximado. É bom aprender a usar essa palavra com suas combinações (collocations) de modo correto e também seus diferentes usos. Afinal, trata-se de uma palavra comumente usada em situações corriqueiras. Então, vamos lá!

Apenas a palavra ballpark (algumas pessoas também escrevem ball park ou ball-park) é geralmente usada para expressar um número ou quantia aproximada. Portanto, pode ser traduzida como aproximadamente, por volta de, em torno de e expressões sinônimas. Veja os exemplos:

  • I can give you a ballpark figure of US$500.00. (Posso te dar um valor aproximado de US$500,00.)
  • He said R$5,000 but it’s just a ballpark figure. (Ele disse R$5.000 max é apenas uma estimativa.)
  • Ballpark estimates indicate a price tag of $90 million a month. (As estimativas indicam um valor de $90 milhões por mês.)

O que significa BALLPARK?Ballpark com o sentido visto acima é geralmente acompanhada das palavras figure, price, estimates, amount e outras:

  • ballpark figure (número aproximado)
  • ballpark price (preço aproximado)
  • ballpark amount (quantia aproximada)
  • ballpark estimates (estimativas)

Além das combinações acima também temos expressões como in the ballpark e out of the ballpark:

  • My first guess wasn’t even in the ballpark. (Meu primeiro chute não chegou nem perto da estimativa.)
  • It’s in the ballpark of 3,5 miles. (São cerca de 5 quilômetros.)
  • An offer of $5,000 is in the right ballpark for this car. (Uma oferta de $5.000 está mais que apropriada por este carro.)
  • The number she gave us are out of the ballpark. (Os números que ela nos deu estão fora da estimativa.)
  • Your estimate is completely out of the ballpark. (Sua estimativa está bem fora da realidade.)

Como você deve ter notado, às vezes temos de encontrar modos melhores para traduzir as sentenças. Portanto, se você está na área de tradução tome cuidado com esta palavrinha.

Lembre-se ainda que ballpark originalmente significava (e ainda significa) estádio de beisebol. A origem está em baseball park. Sendo que ball é a forma curta de baseball e park tem o sentido de área de recreação para o público. Foi daí que a palavra ballpark passou a ser usada em outros contextos e ganhou os sentidos que você acima.

Vale ainda anotar aí no seu caderno de vocabulário que há também a expressão “That’s a whole new ballpark for me” cujo significado é “Essa é uma situação totalmente nova para mim“. Nesse caso, ballpark refere-se a uma situação que envolve fatos novos e inesperados.

Gostou da dica? Veja que aprender uma palavra nova vai sempre além de aprender um significado apenas. É sempre bom aprender como a palavra é usada e o que mais ela tem de informação interessante para quem está aprendendo inglês. Fica aí a dica! 😉

O que significa stand a chance?

O que significa stand a chance? Se você ainda não faz ideia do significado dessa combinação (collocations), continue lendo esta dica para aprender.
O problema para entender combinações como esta acontece quando as pessoas tentam interpretar as palavras literalmente. Isso gera muita confusão. Afinal, isoladamente “stand” pode significar coisas bem diferentes.
No entanto, quando junta com a palavra “chance” na combinação stand a chance o significado será “ter chance” ou, para deixar do jeito como realmente dizemos, “ter a menor chance”. Veja os exemplos a seguir:
  • He doesn’t stand a chance of winning the tournament. (Ele não tem a menor chance de ganhar o torneio.)
  • The Clarks knew they wouldn’t stand a chance in court. (Os Clarks sabiam que não teriam a menor chance no tribunal.)
  • Who says we don’t stand a chance? (Quem disse que a gente não tem chances?)
  • You dont stand a chance, man. Give up! (Você não tem a menor chance, meu. Desista!)
  • So, do you think I stand a chance? (E aí!? Você acha que eu tenho chance?)
Em inglês, você também pode dizer have a chance, que no inglês falado (spoken English) é muito mais comum que stand a chance. Além disso é bom também você saber algumas outras palavras usadas com “stand a chance” ou “have a chance”.
  • They have an outside chance of qualifying for the World Cup. (Eles tem uma chance bem remota de se qualificarem para a Copa do Mundo.)
  • She has a sporting chance of getting the promotion. (Ela tem uma boa chance de conseguir a promoção.)
  • If I go there, I’ll stand a much better chance of making more money. (Se eu for lá, terei chances muito melhores de fazer mais dinheiro.)
  • We still have a fighting chance if we get more involved. (Nós ainda temos uma chance muito boa se  nos envolvermos mais.)

Para encerrar, saiba que outside chance (chance remota) é o mesmo que slight chance (chance pequenina). Ao dizermos fighting chance passamos a ideia de que a pessoa precisa se esforçar muito para conseguir o que deseja. Ou seja, uma fighting chance refere-se a uma chance pequeníssima, mas se a pessoa se esforçar, correr atrás do prejuízo, pode ser que consiga o que quer.

That’s all for now, guys. I hope you’ve enjoyed this tip. Lembre-se que você pode continuar aprendendo mais inglês em nosso canal no Youtube. Para isso acesse é só clicar aqui. Take care and keep learning!

O que significa ser collocational competent?

Esta semana foi apresentada no Jornal Nacional uma matéria falando sobre os estrangeiros que vêm trabalhar no Brasil. Para finalizar a matéria mostraram uma estrangeira falando sobre o fato de estar triste com o fim do trabalho dela por aqui.

Essa estrangeira falava português muito bem por sinal: pronúncia, vocabulário, gramática, etc. Tudo estava perfeitamente bem quando no fim ela disse “eu vou voltar, infelizmente, com o coração quebrado”. Pronto! Isso foi o suficiente para desmoronar a ideia do quase uma falante nativa do português. Por quê? O que ela fez de “errado”?

Se você percebeu bem a sentença dela, notou que ela usou uma combinação de palavras não muito comum para nós. Ou seja, um falante da língua portuguesa diria “eu vou voltar com o coração partido”. Afinal, para nós o mais natural e frequente é “coração partido”, não “coração quebrado” como ela disse. O que aconteceu nesse caso?

Como eu disse acima, a estrangeira falava português muito bem. Mas, ela não conhece uma combinação de palavras que para nós soa muito natural. Ela certamente traduziu a expressão do inglês para o português palavra por palavra. Isto é, em inglês eles dizem “broken heart”, que literalmente – palavra por palavra – significa “coração quebrado”. Como ela traduziu palavra por palavra a expressão em inglês, para nós ela – a expressão – soou estranha. Pois, o mais comum é “coração ________” (complete aí, pois você já sabe). O que isso tem a ver com você e seu aprendizado de inglês?

Collocational CompetentMuitas vezes, estudantes de inglês em níveis mesmo avançados cometem esse tipo de “erro”. Nós os chamamos de erros colocacionais; pois, a pessoa não usa as combinações de palavras (collocations) mais naturais da língua alvo. Aqui vale dizer que collocations não é uma coisa, mas sim um fenômeno no qual as palavras se combinam de modo natural. Como assim?

Por exemplo, você quer dizer “fazer uma festa” em inglês e fica se perguntando se o certo é “make a party” ou “do a party”. Você então arrisca dizer “make a party”. No entanto, o mais natural em inglês é dizer “throw a party”. Nada de “make” ou “do” com “party”. A palavra que combina melhor é “throw” (há ainda outras, mas “make” e “do” não estão na lista).

Outro exemplo é “problema cabeludo”, que em inglês não é “hairy problem”. Nada de traduzir ao pé da letra, por favor! Nesse caso, a combinação mais natural é “thorny problem” ou “knotty problem”. Pode ser ainda algo com uma palavra: “lunch”, por exemplo. Se você tiver de dizer “ficar sem almoçar” ou “ficar sem o almoço” o correto em inglês é “skip lunch” e jamais “stay without the lunch”.

Saber combinar as palavras correta e naturalmente em inglês é uma forma de mostrar que você é collocational competent (competente colocacional). David Willis, renomado pesquisador na área de ensino da língua inglesa, disse certa vez que uma pessoa pode saber tudo de gramática, pode saber um monte de palavras, pode ter uma pronúncia quase impecável, mas se não tiver competência colocacional poderá causar confusões e estranheza ao se comunicar. Isso é importante?

Claro que sim! Afinal, você pode dizer as coisas com mais clareza em inglês. A mensagem pode ser passada com maior exatidão. Um órgão do governo brasileiro, certa vez, traduziu a combinação “redondamente enganado” por “roundly mistaken” para o inglês. Sendo que o correto seria “very much mistaken” ou “profoundly mistaken”. A tradução “roundly mistaken” soou estranha e ao mesmo tempo cômica. Mas, como se tornar collocational competent?

Esse blog está cheio de dicas para isso. Contudo, a principal dica é: procure sempre aprender combinações de palavras e não palavras isoladas. Isso significa que vale muito mais aprender a dizer “throw a party”, “gatecrash a party” (entrar de penetra em uma festa), “leave the party” (sair da festa), “enjoy the party” (aproveitar a festa), etc., do que aprender apenas “party”. Como aprender isso? Onde encontrar esse tipo de informação?

Combinando Palavras em InglêsNovamente repito que este site está cheio de dicas assim. Além disso, tem o livro “Combinando Palavras em Inglês – seja fluente em inglês aprendendo collocations” com mais de 5000 combinações (collocations) com as palavras mais comuns em inglês, atividades e exercícios, dicas de como aprender mais collocations e muito mais.

O que você achou da ideia de ser collocational competent? O que você pode fazer para se tornar collocational competent? Você tem alguma estratégia? Quais são as dificuldades que você vê nisso? Isso para você é importante ou não faz a menor diferença? Quero ouvir suas opiniões! Portanto, deixe um comentário abaixo.

Como dizer prazo de entrega em inglês?

Essa dica pode ser resolvida de modo muito rápido. Afinal, prazo de entrega em inglês é  deadline. No entanto, você continuaria sem saber muita coisa. Afinal, eu sempre digo que de nada adianta aprender um monte de palavras isoladas e não saber como usá-las corretamente em inglês. Está achando que isso não faz diferença! Então, leia o parágrafo a seguir.

Veja bem! Você aprende que “prazo de entrega“, “prazo” ou “prazo final” em inglês é “deadline“. Você memoriza essa palavra e se dá por satisfeito. No entanto, ao falar inglês com alguém você poderá, quem sabe, ter de falar algo como “cumprir o prazo“, “prazo apertado“, “estabelecer o prazo“, “perder o prazo“, “o prazo expirou“, “o prazo está acabando“, etc. E aí!? O que você diz em um momento desses?

Prazo de Entrega em InglêsNo livro “Combinando Palavras em inglês – seja fluente em inglês aprendendo collocations” eu falo apenas sobre esse assunto: não adianta aprender um monte de palavrinhas soltas; o ideal é aprender também as combinações (collocations) mais frequentes com algumas das palavras mais usadas. Um dos segredos para ser fluente em inglês está justamente em perceber isso o quanto antes no aprendizado de inglês. Por “o quanto antes” eu me refiro ao nível básico (iniciante mesmo).

Como você notou nos parágrafos iniciais é muito simples e fácil aprender uma palavra como “deadline“. O grande momento na verdade está na hora de usar “deadline” com outras palavras. É nessas horas que você percebe como faz muita diferença aprender as palavras que combinam com ela. Ou seja, aprender os “collocations” com a palavra chave.

Portanto, pegue seu caderno de vocabulário e anote as combinações (collocations) mais comuns com a palavra “deadline” em inglês.

  • cumprir o prazo » meet the deadline, make the deadline
  • estabelecer o prazo » set the deadline, impose the deadline
  • perder o prazo » miss the deadline
  • prazo apertado » strict deadline, tight deadline
  • o prazo expirou » the deadline has expired
  • o prazo está acabando » the deadline is nearing, the deadline is approaching, the dealine is looming
  • trabalhar com um prazo apertado » work to a tight deadline

Claro que há ainda outras combinações com a palavra deadline. Caso você pense em algo diferente, procure em inglês como dizer a combinação inteira e não apenas uma palavrinha ou outra. Afinal, as palavras sozinhas são muito simples!

 

Combinando Palavras em InglêsOutra coisa interessante em aprender as palavras que combinan com outras está no fato de você aprender a palavra certa a ser dita. Por exemplo, quando eu ainda dava aulas uma aluna minha disse “lose the deadline” achando que essa era a maneira certa de dizer “perder o prazo“. Você já percebeu o “erro“, né? Em inglês, eles dizem “miss the deadline“. Depois que mostrei a combinação correta, ela nunca mais “errou“. Por falar nisso, leia também “Quando Usar Miss ou Lose?“.

Pronto! E assim você aprende um pouco a mais sobre a dúvida como dizer prazo de entrega em inglês. Ao invés de ficar apenas no “deadline” você acabou aprendendo muito mais.

Caso queira aprender muito mais sobre collocations e como isso ajuda você a desenvolver a sua fluência naturalmente em inglês, leia o livro “Combinando Palavras em Inglês”, à venda em todas as livrarias do Brasil e também pela internet (clique aqui).

That’s all for today! Take care!

Como dizer pizzaria em inglês?

Nesta dica você aprenderá como se diz pizzaria em inglês. Mas, não é só isso! Você aprenderá também algumas palavras legais para usar junto com a palavra pizza. Afinal, só saber como é pizzaria em inglês não resolve muita coisa, não é mesmo? então, vamos à dica.

pizzaria em inglêsPara começar temos que saber dizer pizzaria. Então, anote aí que em inglês eles dizem pizza parlor, pizza placê ou apenas pizza restaurant. Tem também o termo pizza joint que é um modo informal de se referir a uma pizzaria barata, geralmente aquelas de bairro que parecem não muito confiáveis. Vale ainda dizer que no inglês britânico esles escrevem pizza parlour e não ‘pizza parlor‘. Ah sim! Alguns também preferem dizzer ‘pizzeria‘ ou ‘pizza shop‘.

Agora que você já aprendeu vários termos para dizer pizzaria em inglês, continue lendo para aprender algumas palavras legais a serem usadas com pizza. Assim, você não pagará mico ao pedir uma pizza.

Os tamanhos de uma pizza são fáceis de aprender. Geralmente são ‘small‘, ‘medium, and ‘large‘. O curioso é que para nós o tamanho tem tudo a ver com as fatias [slices], já em inglês muitas pessoas preferem medir o tamanho em inches [polegadas]. Desta forma, eles dizem que uma ‘small pizza‘ tem cerca de 8-10 inches [20,3-25,4 cm], uma ‘medium pizza‘ mede algo em torno de 12-14 inches [30,5-35,5 cm], e, por fim, uma ‘large pizza’ terá por volta de 16 inches [40,6 cm]. Esses são os tamanhos comuns; porém, em uma pizza parlor você poderá encontrar também algo como ‘extra small‘ ou ‘extra large‘. Nos cardápios encontram-se abreviados da seguinte forma: XS [extra small], S [small], M [medium], L [large], XL [extra large].

Se a pizza for para viagem, então diga que você quer uma ‘takeaway pizza‘ [inglês britânico] ou ‘takeout pizza‘ [inglês americano]. Em um supermercado você pode comprar uma ‘frozen pizza‘ [pizza congelada] e preparar a hora que quiser. Os estabelecimentos que entregam pizza em casa são conhecidos como ‘pizza delivery‘.

A ‘massa da pizza‘ é chamada de ‘dough‘, portanto, ‘pizza dough‘. E sobre a ‘pizza dough‘ vai a ‘pizza topping‘, ‘recheio da pizza‘ ou ‘molho da pizza‘. Nos Estados Unidos a ‘pizza topping‘ também é conhecido como ‘pizza sauce‘.

Para encerrar anote aí que se você tiver que perguntar algo como ‘quer ketchup na sua pizza?’, você dirá ‘wanna ketchup on your pizza?‘. Veja que o certo é ‘on your pizza‘. Ou seja, sempre será a preposição ‘on‘. Quer aprender outra expressão comum no Brasil com pizza!? Então, leia a dica “Como dizer acabar em pizza em inglês?“.

That’s all for now! Take care! 🙂

How about organizing a Lexical Notebook?

Other bloggers have already written about having a notebook. You know, a notebook to write the grammar rules you learn, the list of words you may draw up, and so on. Now, let me give you a better idea. Let me tell you about a Lexical Notebook.

Don’t worry! A Lexical Notebook is a kind of personal dictionary that you compile for your own use. On that personal dictionary [your Lexical Notebook], you note down any chunks of language, collocations, idioms, common phrases, phrasal verbs, words, etc you may find interesting. Do not write any grammar rules on it. It’s a Lexical Notebook, not a Grammar Notebook!If you want to have a Lexical Notebook [I really hope you do], you have to learn how to organize it. One way to do so is as it follows.

The very first thing to be done is, of course, buy a small notebook (or a notepad, which is smaller). In my humble opinion, a notepad [caderneta] is way better. The choice is all yours! You can get the one you really like. The most important thing is that you have to feel comfortable with it.

Secondly, organize it in an alphabetical order. Separate 3 to 5 pages to one letter of the alphabet. Some letters – ‘k’, ‘x’, ‘y’ and ‘z’ – don’t deserve too many pages, because there aren’t many chunks or words starting with them [in Portuguese].

 

Organizing a Lexical NotebookThird, start writing some words on your Lexical Notebook. Don’t write the word in English and then its equivalence into your language. Do the opposite! Note down the chunks in your language first and then in English. The example below takes into account speakers of Brazilian Portuguese:

  • Se você não se incomodar – if you don’t mind
  • Você alguma vez já foi a…? – have you (ever) been to…?
  • Na minha humilde opinião, (…) – In my humble opinion, (…)
  • e assim por diante – … and so on.
  • Uma vez na vida outra na morte – once in a blue moon
  • Significar – stand for

All the chunks above should be written in the right place on your Lexical Notebook. I mean, in the right letter: S, V, N, E, U, S. Another tip: write an example or any curiousity about the chunk/word you write down. An example is “significar – stand for“. If I had to write it on my Lexical Notebook, I’d have it like this:

Significar – stand for

      example 1: What does “UN” stand for?
      example 2: UN stands for United Nations.
    curiosity: “stand for” is a phrasal verb and it is usually used as a reference to abbreviations.

This is a wonderful way to improve your vocabulary in English. It’s also a great opportunity to get yourself organized. If you want to know more about organizing the way you learn English and your Lexical Notebook read the book below [click on the picture to get more info about it].

Inglês na Ponta da Língua

 

Quando usar MAKE ou DO em inglês?

Quando usar MAKE ou DO em inglês? Qual a diferença entre MAKE e DO? Se você faz confusão na hora de usar esses dois verbos, leia esta dica para aprender a usar os dois de modo natural e sem se preocupar com regras. Aliás, já adianto aqui que praticamente não há regras para resolver essa dúvida. Então, é hora de aprender algo diferente.

» Leia também: O que significa MAKE DO?

MAKE ou DO: o problema

Quando começamos a aprender inglês, nós aprendemos que MAKE significa “fazer” e DO também significa “fazer”. Isso gera uma certa confusão na hora de usar essas duas palavras; pois, se quisermos dizer “fazer uma reclamação” devemos dizer “make a complaint” ou “do a complaint”? Se a ideia for dizer “fazer uma festa”, devemos dizer “make a party” ou “do a party”?

Se os dois podem ser interpretados – de modo bem básico – como “fazer”, como saber quando devemos usar um ou outro? Será que há uma regra para aprender isso?

Quando usar MAKE ou DO?

Como eu disse no início, não adianta procurar regrinhas para resolver o problema! Já vi várias pessoas dando regras como: “use make quando for para fazer no sentido de criar algo e do com o sentido de executar uma tarefa, fazer uma atividade”. Isso até certo ponto até que faz sentido. Mas, falar uma língua naturalmente e usar as palavras do jeito certo vai além dessas regrinhas.

Então, o que fazer? Como aprender a usar corretamente MAKE ou DO em inglês?

Make ou Do?Vamos usar as duas combinações citadas acima – “fazer uma reclamação” e “fazer uma festa” – para aprender algo mais simples em relação ao uso de MAKE ou DO.

Ao invés de você se desesperar em relação ao uso de MAKE ou DO, preste atenção à outra palavra que você pretende usar com o verbo “fazer”. No caso das combinações acima, foque a atenção nas palavras “reclamação” e “festa”. Você sabe que em inglês dizemos “complaint” e “party” respectivamente. Então, com a ajuda de um bom dicionário de inglês, você procura por essas palavras em inglês.

Ao encontrar a palavra “complaint”, leia a definição e, principalmente, os exemplos que o dicionário trás. No Longman Dictionary of Contemporary English, a gente encontra o seguinte exemplo:

  • If you wish to make a complaint, you should see the manager.

Observe bem qual é o verbo usado com a palavra “complaint”. Você com certeza notou que é o verbo “make”. Portanto, já aprende que para dizer “fazer uma reclamação”, deverá dizer “make a complaint”. Você pode ainda procurar por mais exemplos no Google. Para isso, basta digitar a combinação “make a complaint” (entre aspas mesmo) e anotar mais frases:

  • How do I make a complaint?
  • You can make a complaint about any newspaper or magazine which is regulated by IPSO.
  • See if you can group together and make a complaint.
  • Recent changes to the law now also allow employees to make a complaint to the Ministry of Labour.

Ao invés de se preocupar com MAKE ou DO, você simplesmente focou na outra palavra – complaint – e aprendeu a combinação certa em inglês: make a complaint.

Aprendendo as Diferenças

Se você entender bem essa ideia e colocá-la em prática, você vai notar que às vezes temos de aprender as diferenças existentes entre o inglês e o português. Um exemplo disso está na combinação “fazer uma festa”.

Quando pensamos palavra por palavra, a tendência é querer dizer “make a party” ou “do a party”. Mas, se você seguir a dica dada aqui – pesquisar a palavra party –, você vai aprender que em inglês não dizemos “make a party” ou “do a party”. Em inglês, o mais natural para dizer “fazer uma festa” é “throw a party”, “give a party”, “have a party”. Ou seja, não dizemos “make a party” ou “do a party”.

Isso pode acontecer com várias outras combinações e você deve estar preparado e atento para notar essas diferenças e aprendê-las.

Outras traduções

Muitas vezes MAKE ou DO em português não significam obrigatoriamente “fazer”. Ou seja, às vezes a tradução deverá ser feita de acordo com uma palavra que em português faça mais sentido.

  • make the bed » arrumar a cama, fazer a cama
  • make a decision » tomar uma decisão
  • make a mistake » cometer um erro, fazer um erro
  • do the ironing » passar a roupa
  • do well » dar-se bem

Entenda que para aprender a diferença entre MAKE e DO não há bem uma regrinha que resolverá o problema. O segredo está em aprender as combinações corretas. Ou seja, que verbo – MAKE ou DO – combina corretamente com a palavra que desejo usar.

Essas combinações é o que chamamos de collocations. Se você ainda não faz ideia do que é isso, assista ao vídeo abaixo para aprender o que são collocations [ou clique aqui]. Por ora, isso é tudo! Espero que tenha gostado da dica e dessa nova maneira de aprender o uso de MAKE ou DO em inglês. Até a próxima!