Qual a diferença entre “human” e “humane”?

A dica de hoje foi inspirada na pergunta enviada por uma leitora assídua do blog e também fã de carteirinha da fanpage no Facebook. Ela quer saber quando usar as palavras “human” e “humane” (clique nas palavras para ouvir a pronúncia).

Portanto, “human” e “humane”: qual a diferença? De modo bem preguiçoso, essas duas palavras podem ser traduzidas por “humano”. No entanto, é bom saber o uso de cada uma delas e assim pensar em outros significados (sinônimos).

Assim, “human” refere-se às pessoas, aos seres humanos propriamente ditos. Contudo, soa estranho traduzir o tempo todo por “humano”, logo é aconselhável que você também traduza por “homem” (seres humanos em geral) ou “pessoas”. Veja os exemplos abaixo:

  • We’re humans, so we’re not perfect. (Somos pessoas, logo não somos perfeitos.)
  • Humans are humans, machines are machines. (Pessoas são pessoas, máquinas são máquinas.)
  • Certain foods that cause no harm to humans can be lethal to canines. (Alguns alimentos que não causam mal algum ao homem podem ser fatais para cães.)
Como você pode observar, “human” refere-se às pessoas de carne e osso. Já a palavra “humane” pode ser interpretada como “humano”, mas referindo a tratamentos, condições, métodos, etc. Portanto, em alguns contextos, podemos traduzi-la como “humanitário” ou outras palavras semelhantes. Veja os exemplos a seguir:
  • They do need more humane conditions. (Eles realmente precisam de condições mais humanitárias.)
  • They write letters demanding humane treatment of prisoners. (Eles escrevem cartas exigindo tratamento humanitário – digno – dos prisioneiros.)
  • We’re definitely moving toward a more humane world. (Nós certamente estamos caminhando em direção a um mundo mais complacente|digno|humano|benévolo|compassivo.)
Para encerrar essa dica, vou repetir uma sentença que li em um livro certa vez e que me ajudou a nunca esquecer a diferença entre essas duas palavras: “the human world is not always the humane world that we want it to be”. Ou seja, “o mundo das pessoas (dos seres humanos) nem sempre é o mundo benévolo (humanitário, compassivo) que nós queremos que seja”.

A última dica para você é a seguinte: preste atenção nas combinações de palavras usadas com “human” e “humane”. Você perceberá as diferenças de uso dessa maneira também.

That’s it for today. Take care, you all! Ah sim! Ainda há algumas vagas para o curso “Aprender Inglês Lexicalmente”. Não fique de fora desse curso que certamente mudará o modo como você aprende inglês em apenas duas semanas. Acesse www.denilsodelima.com/aprenderingles para saber mais a respeito do curso e para fazer a sua inscrição.

Artigos Relacionados
Comentários