Auld Lang Syne: o que é isso?

Auld Lang Syne é uma canção tradicional nas festas de fim de ano nos países de língua inglesa. Portanto, nada melhor do que aproveitar o momento para aprender sobre essa canção e sua influência nos países que falam inglês. Além de aprender um pouco da história da canção, você também encontrará aqui a letra e um vídeo para já ir se preparando para a próxima virada de ano.

Auld Lang Syne é uma frase do dialeto escocês que, significa algo como “muito tempo atrás“, “nos bons e velhos tempos“, “velhos tempos“. Tratava-se de um poema escrito por Robert Burns no ano de 1788 que foi logo adaptado ao ritmo de uma tradicional canção escocesa. Muita gente conhece Auld Lang Syne pelo nome de “The Song Nobody Knows” (A Canção que Ninguém Sabe). Esse “título” se deve ao fato de ninguém saber toda a letra da canção.

Originalmente, somente os escocRobert Burnseses a cantavam na virada do ano. No entanto, com o tempo, tornou-se popular nos demais países que formam o Reino Unido e então para outros países de língua inglesa e o mundo como um todo. Curiosamente, Paquistão, Índia e Singapura também cantam os versos de Auld Lang Syne na virada de ano. Em Hong Kong também é tradição entoar Auld Lang Syne.

Além de entoarem a canção é também parte da tradição as pessoas cruzarem os braços em frente ao corpo e darem as mãos uma às outras. Caso não esteja conseguindo visualizar isso (minha explicação está péssima!), clique aqui e assista a um vídeo no qual você perceberá mais facilmente o que tento descrever.

O poema (música) completo fala sobre amizade, companheirismo, os velhos tempos que deixam saudades e devem ser lembrado. Portanto, é usada justamente para representar o fim de um ciclo e o início de um novo. Apesar de ser muito conhecida como uma canção típica de fim de ano, ela é também entoada em funerais, festas de formaturas, festas de despedidas e comemorações que marcam o encerramento de algo.

Chega de papo, né? Abaixo você encontra um vídeo com a canção e também a letra. Para deixar tudo em ritmo de festa escolhi uma versão bem animadinha. Trata-se da versão na voz de Mariah Carey. No Youtube você encontra várias outras versões, portanto, sinta-se à vontade para encontrar uma que mais agrade os seus ouvidos. Lembre-se: a canção faz parte dos costumes e tradições de fim de ano dos países de língua inglesa; então, é bom saber um pouco sobre ela. (OBS.: Há várias traduções para a letra da canção, abaixo compartilho uma que ajudará você a entender o espírito dela.)

Should auld acquaintance be forgot,
(Deve um antigo conhecido ser esquecido)
And never brought to mind?
(E nunca mais ser lembrado?)
Should auld acquaintance be forgot,
(Deve um antigo conhecido ser esquecido)
And auld lang syne!
(nos bons e velhos tempos)

For auld lang syne, my dear,
(Pelos bons e velhos tempos, meu querido)
For auld lang syne.
(Pelos bons e velhos tempos)
We’ll take a cup o’ kindness yet,
(Nós beberemos do copo da bondade novamente)
For auld lang syne.
(Pelos bons e velhos tempos)

For auld lang syne.
(Pelos bons e velhos tempos)

10, 9, 8, 7, 6, 5, 4, 3, 2, 1.

Should auld acquaintance be forgot,
And never brought to mind?
Should auld acquaintance be forgot,
And auld lang syne!

For auld lang syne, my dear,
For auld lang syne.
We’ll take a cup o’ kindness yet,
For auld lang syne.

For auld lang syne, my dear,
For auld lang syne.
We’ll take a cup o’ kindness yet,
For auld lang syne.

Eh…

Happy New Year, baby

Should auld acquaintance be forgot,
And never brought to mind?
Should auld acquaintance be forgot,
And auld lang syne!

Happy New Year, baby
Happy New Year, baby

Should auld acquaintance be forgot,
And never brought to mind?
Should auld acquaintance be forgot,
And auld lang syne

Artigos Relacionados
Comentários