Inglês para Hotelaria: usando modal verbs

Olá, pessoal! Aqui é a prof. Tânia De Chiaro para para falar um pouco mais sobre inglês para fins específicos. No meu primeiro post expliquei brevemente para vocês a diferença entre General English e English for Specific Purposes, que no Brasil também é conhecido como Inglês Instrumental.

Como o Brasil está se preparando para sediar a Copa do Mundo e as Olimpíadas, muito se tem comentado sobre a necessidade de se falar inglês para atendermos bem os turistas estrangeiros.

Assim, que tal aprendermos algo (ou, se você já sabe, revisarmos algo) seguindo a abordagem do inglês para fins específicos? Nesta dica, vamos falar de modal verbs SEM falar diretamente dos modal verbs. Como assim? Se quiser saber mais, continue lendo! [Leia também » O que são Modal Verbs?]

Vamos empregar uma pergunta: “PARA QUÊ?”, que vai nos ajudar a associar aquilo que estamos aprendendo ao seu contexto e USO. Vamos a alguns exemplos.

Se soubermos que “May I…?” serve para pedir permissão, podemos usá-lo para prestar muitos serviços. Veja:

  • Um recepcionista pode tomar a iniciativa de ajudar o hóspede: May I help you?
  • Um mensageiro precisa entrar no quarto do hóspede: May I come in?
  • Uma camareira precisa limpar o quarto do hóspede: May I clean your room?
  • Um garçom quer recomendar um vinho: May I recommend a wine?

Inglês Para Hotelaria: Modal VerbsQuando sabemos que “Can I…?” também serve para pedir permissão, porém em um nível menos formal, podemos usá-lo para prestar os mesmos serviços em locais de trabalho que não demandem essa formalidade ou com pessoas mais descontraídas, certo? Por exemplo, o garçom ao final de uma refeição, poderia dizer: Can I bring you some coffee?

[Leia também » Modal Verbs: Can e May]

Sabemos que “Would you like…?” é usado para oferecer algo, então:

  • Um garçom pode oferecer uma bebida: Would you like a drink?
  • Um mensageiro pode oferecer o jornal ao hóspede: Would you like today’s newspaper?
  • Uma camareira pode oferecer toalhas limpas: Would you like fresh towels?

Quando queremos verificar se o hóspede quer fazer algo:

  • Um garçom pode verificar se o hóspede quer ver a carta de vinhos: Would you like to see the wine list?
  • Um garçom pode convidar o hóspede para visitar a adega do restaurante: Would you like to visit our wine cellar?

Quando queremos nos oferecer para fazer algo para o hóspede:

  • Um mensageiro ao levar as malas do hóspede, oferece-se para abrir a porta da varanda: Would you like ME to open the door to the verandah?
  • Um mordomo (Sim! Hotéis sofisticados têm mordomos) oferece-se para desfazer as malas do hóspede: Would you like ME to unpack your bags?

E então? Aposto que lendo estes exemplos, conseguiu pensar em outros tantos relacionados ao seu dia a dia. A ideia é simples pense em PARA QUÊ aquela estrutura vai servir e associe-a ao contexto em que quer se comunicar.

Se você tem interesse em aprender inglês específico para os setores de hospitalidade e alimentação, venha curtir as páginas do Facebook: Inglês para Hotelaria e Inglês para Restaurantes! Esperamos vocês! [Leia também » Inglês para Taxistas]

________
Tânia Regina Peccinini De Chiaro é graduada em Letras pela FFLCH-USP e tem mestrado na área de linguagem e educação pela Faculdade de Educação da USP. Trabalha na área de ensino de idiomas há mais de 30 anos e há mais de 20, é diretora da Link English Projects, onde desenvolve projetos corporativos de capacitação profissional para o atendimento de clientes estrangeiros em inglês e cuida da capacitação de professores. Tânia é autora de Inglês para restaurantes e Inglês para hotelaria pela Disal Editora. E-mail: tania arroba linkenglish.com.br

Artigos Relacionados
Comentários