EU VOU em inglês: não faça confusão ao dizer isso

Por incrível que pareça, muitos estudantes de inglês costumam fazer uma certa confusão na hora de dizer EU VOU em inglês. Muitos nem percebem que fazem tal confusão e acabam cometendo “erros” sem nem saber que estão “errando”. Portanto, leia esta dica para entender melhor.

Eu vou: o problema

O grande problema do EU VOU – ou do verbo ir de modo geral – é que em português ele é usado em duas situações diferentes.

A primeira é como verbo de movimento. Ou seja, trata-se do ato de ir para algum local ou evento:

  • Eu vou para a igreja todos os domingos.
  • Eu vou à casa de meus avós toda sexta-feira.
  • Ela vai para a faculdade somente nas quintas.
  • Nós vamos àquele restaurante todos os sábados.
  • Eu vou ao shopping todas quartas.

Como dizer EU VOU em inglês?Note que em todo os exemplos acima, as frases se referem ao ato da pessoa se locomover a um local ou evento. Temos aí, portanto, o verbo ir em seu sentido principal.

A segunda situação na qual usamos o verbo ir em português é para nos referirmos à ações futuras. Ou seja, nesse caso, o nosso ir acaba se tornando um verbo que remete a algo que acontecerá, que será feito, etc. Veja os exemplos:

  • Eu vou falar com a chefe amanhã cedo. (Eu falarei com a chefe amanhã cedo)
  • Eu vou viajar aos Estados Unidos ano que vem. (Eu viajarei aos Estados Unidos ano que vem.)
  • Eu vou assistir a um filme com meus amigos hoje à noite. (Eu assistirei a um filme com meus amigos hoje à noite.)
  • Ele vai fazer uma festa de aniversário para a irmã. (Ele fará uma festa de aniversário para a irmã.)
  • Nós vamos vencer essa batalha. (Nós venceremos essa batalha.)
  • Eles vão arrumar uma bela de uma confusão. (Eles arrumarão uma bela de uma confusão.)

Observe que acima o verbo ir está servindo para indicar uma ação futura e não que alguém se locomoverá a algum lugar. Caso não tenha notado a diferença, compare os exemplos abaixo:

  • Eu vou para a igreja todos os domingos. (movimento)
  • Eu vou falar com a chefe amanhã cedo. (ação futura)

Dizer EU VOU em inglês

Se você notou as diferenças no uso do verbo ir acima, fica muito mais fácil aprender como dizer EU VOU em inglês.

Se a ideia for de movimento – ir a um local ou evento –, então você terá de usar o verbo GO. Assim, os exemplos do primeiro bloco acima ficarão assim em inglês:

  • I go to church every Sunday.
  • I go to my grandpa’s every Friday.
  • She goes to college only on Thursdays.
  • We go to that restaurant every Saturday.
  • I go to the mall every Wednesdays.

Observe a ideia de movimento nos casos acima. A pessoa vai a um local ou evento. Portanto, nesses caso, é natural usarmos o verbo GO.

Como dito acima o nosso verbo ir – em português – serve também para indicar uma ação futura. Logo, temos de entender aí que o EU VOU em inglês será diferente. Pois, teremos de usar palavras diferentes para expressar a ideia de futuro. As mais comuns em inglês são: WILL e BE GOING TO.

Logo, os exemplos dados acima com o verbo ir expressando a ideia de futuro ficarão assim em inglês:

  • I’ll talk to the boss tomorrow morning.
  • I’m going to talk to the boss tomorrow morning.
  • I’ll travel to the USA next year.
  • I’m going to travel to the USA next year.
  • I’ll watch a movie with my friends tonight.
  • I’m going to watch a movie with my friends tonight.
  • He’ll throw a birthday party to his sister.
  • He’s going to throw a bithday party to his sister.
  • We’ll win this battle.
  • We’re going to win this battle.
  • They’ll get into real trouble.
  • They’re going to get into real trouble.

Veja que agora o verbo ir com a ideia de futuro foi traduzido por WILL e BE GOING TO. Fixe bem isso na sua cabeça e assim evitar cometer um erro muito frequente.

» Assista no Youtube: WILL ou GOING TO – qual a diferença?

EU VOU em inglês: o erro frequente

O erro que a maioria dos estudantes de inglês comete é achar que para dizer EU VOU em inglês basta usar o I GO. Ou seja, não notam que há essa diferença em português e ela tem de ser levada em conta na hora de falar ou escrever inglês.

  • Eu vou ao cinema toda segunda-feira. (ação de movimento)
  • Eu vou ter de trabalhar amanhã cedo. (futuro)

Ao passarmos as sentenças acima para o inglês temos de captar (entender) a ideia do EU VOU.

  • I go to the movies on Mondays.
  • I’ll have to go to work tomorrow morning.
  • I’m going to have to go to work tomorrow morning.

Portanto, cuidado para não cometer esse errinho. Entenda bem os usos do verbo ir em português para não fazer confusão na hora de dizer EU VOU em inglês.

EU VOU em inglês: um outro problema

Uma outra confusão que acontece em inglês e também em português é que o verbo ir com o sentido de movimento pode ficar subentendido na sentença. Veja só:

  • Eu vou à festa na sexta.
  • Ele vai ao shopping amanhã à noite.

Veja que a ideia é expressar o ato de ir a um local no futuro. Logo, o verbo ir não precisa ser usado na frase; pois, soa um tanto quanto repetitivo. Ou seja, é raro falarmos isso:

  • Eu vou ir à festa na sexta.
  • Ele vai ir ao shopping amanhã à noite.

Em português, nós evitamos naturalmente o uso do verbo ir nesses casos. Não que seja errado usá-lo. Trata-se apenas do uso natural da língua.

Já em inglês, ocorre a mesma coisa. Isto é, nós podemos deixar o verbo go de fora caso a sentença seja feita com BE GOING TO:

  • I’m going to the party on Friday.
  • She’s going to the mall tomorrow evening.

Nada impede que digamos:

  • I’m going to go to the party on Friday.
  • She’s going to go to the mall tomorrow evening.

Leia mais sobre isso na dica: Podemos Dizer Going To Go em inglês?

Conclusão

Como você deve ter notado, a confusão na hora de dizer EU VOU em inglês acontece justamente pelo modo como usamos o verbo ir em português. Falamos tão naturalmente que não notamos essas diferenças. Mas, ao falarmos inglês é bom ter isso em mente e assim evitar um erro tão simples.

Claro que se você errar, as pessoas entenderão o que você quer dizer. Mas, como você quer estar com o Inglês na Ponta da Língua de modo correto, não vai querer continuar errando, não é mesmo?

That’s all for now, guys! I hope you’ve enjoyed this tip. Bye bye, take care, and keep learning.

I think I will ou I think I am going to?

Recebi um email no qual a leitora pergunta quando ela deve dizer I think I will ou I think I am going to. A dúvida surgiu depois dela ter lido algumas dicas afirmando que o correto é sempre dizer I think I will, mas ela mesma já ouviu e leu muito I think I’m going to. E aí!? Como é que fica!? I think I will ou I think I am going to? Continue lendo para aprender.

Como você bem deve saber will e be going to são duas maneiras usadas para expressar ideias no futuro em inglês:

  • I will meet her next week.
  • I’m going to meet her next week.

Para ajudar a entender a diferença entre will e going to, escrevi a dica O Uso de Will e Going To. Nela falo que uma diferença está no nível de certeza que temos de que o fato futuro acontecerá. Assim, ao dizer “I will meet her next week” a pessoa dá a entender que não tem tanta certeza de que o fato acontecerá. Já ao dizer “I’m going to meet her next week“, ela tem um pouco mais de certeza.

Logo, ao usar I think, a pessoa poderá passar a ideia de que não está tão certa ainda sobre o fato. Dessa maneira, o mais lógico é dizer I think I will. Pensando assim, torna-se quase que ilógico alguém dizer I think I’m going to. Afinal, como podemos ter uma expressão que indica uma dúvida – I think – junto com outra – going to – que indica uma certeza?

Curiosamente, é possível encontrarmos inúmeros exemplos com I think I’m going to:

  • Yeah! No! I think I’m going to change, really.
  • I think I’m going to be sick.
  • I think I’m going to retake the LSAT anyway.
  • I think I’m going to leave now.
  • I think I’m going to be ok.

I think I will ou I think I am going toTodos os exemplos acima são reais. Foram frases ditas por falantes nativos em programas de TV, entrevistas em revistas/jornais e outras mídias [fonte COCA]. Estariam os falantes nativos errados?

Nada disso! Na verdade, afirmar que só se diz I think I will é o grande erro. A língua em uso não se prende a regras. Portanto, temos de entender como a língua é realmente usada e entender que I think I’m going to é algo totalmente correto e aceito no uso da língua.

Para isso, temos de entender bem como usar will e going to de modo mais natural. Agora, recorro a dois livros que serão úteis na explicação: A Teachers’ Grammar (de R. A. Close com comentários de Michael Lewis) e The English Verb (de Michael Lewis).

Em The Teachers’ Grammar, aprendemos que going to é usado quando a pessoa deseja passar a ideia de que um processo que leve à ação ou fato futuro está em desenvolvimento. A pessoa que fala sente que o fator observável contribuirá para que a ação futura aconteça.

É preciso compreender que going to é usado quando há uma decisão, ou uma intenção, ou uma preparação, ou temos um sintoma de que algo acontecerá. Se a ação realmente acontecerá não sabemos, mas o que sentimos/vemos leva a crer que o resultado será aquele que sentimos.

Levando isso em conta, I think I’m going to é algo que pode ser dito sem problemas. Isso vale também para I think you’re going to, I think he’s going to, I think she’s going to, I think it’s going to, I think we’re going to e I think they’re going to.

Podemos ver algo – as nuvens escuras no céu – e diante desse fator prever que vai chover: I think it’s going to rain. Ainda podemos ouvir um amigo se queixar de dor de cabeça e diante de outros fatores observáveis dizer I think you’re going to be sick. O “I think” serve apenas para amenizar a informação. Ou seja, deixá-la mais leve! É minha opinião; você não precisa concordar com ela.

O mesmo livro ensina que will expressa uma certeza própria e uma vontade (ou a mistura dos dois). Ao usar will o falante tem uma certeza ou uma vontade que é só dele. Ele não depende de fatores externos para dizer que algo acontecerá.

  • I think I’ll cancel it.
  • I think I’ll do it when I get home.
  • I think I’ll start thinking about that.
  • I think I’ll wear this tonight.
  • I think I’ll stay here for a while.

Nos casos acima, a pessoa que fala está expressando uma vontade. Ela – e somente ela – possui as razões para ter certeza de que aquilo que ela acha acontecerá. Trata-se de uma intenção dela.

Michael Lewis, em The English Verb, nos ensina que a forma going to é usada quando o falante vê/nota/percebe algo no momento da fala e, portanto, antecede/prevê o possível resultado no futuro. Há elementos/fatores externos que levam a acreditar que o fato/evento ocorrerá. Já no caso do futuro com will, a ênfase está na opinião/julgamento/discernimento/vontade própria de quem fala. Com will não há elementos/fatores externos, trata-se apenas do que o falante acredita/pensa ser possível que aconteça.

Dito tudo isso, notamos que dizer I think I will ou I think I am going to é algo perfeitamente natural e correto. Ao dizer I think I’m going to a pessoa prevê algo no futuro levando em conta o que ela observa no momento da fala. No caso de I think I will, ela estará expressando algo que apenas ela considera ser uma verdade ou uma vontade só dela.

Em resumo, saiba que dizer I think I will ou I think I am going to é uma questão de uso da língua em contexto. Colocar isso na prática pode levar um tempo. No entanto, agora você já sabe que não há nada de errado em dizer I think I’m going to. Para aprender mais, leia também O futuro na Língua Inglesa. 🙂

Futuro Perfeito em Inglês – Future Perfect

Você já ouviu falar do tempo verbal Futuro Perfeito em inglês (Future Perfect)? Aqui no Inglês na Ponta da Língua já falei sobre Present Perfect e Past Perfect. Então, chegou a hora de você conhecer o Future Perfect, ou Futuro Perfeito em inglês.

Antes devo lembrar que ao aprendermo um tempo verbal – seja ele qual for – temos de saber duas coisas: a forma e o uso. Se você ainda não sabe a diferença entre essas duas coisas, sugiro que leia a dica A Diferença entre Uso e Forma. Tenho certeza que ajudará a esclarecer muita coisa.

Depois que ler esta dica, leia também O Futuro na Língua Inglesa.

Futuro Perfeito em Inglês: Forma

Para formar o este tempo verbal, a estrutura é a seguinte:

will have + past participle

Futuro-Perfeito-em-InglesSentenças Afirmativas:

  • She will have spent (She’ll have spent)
  • They will have gone (They’ll have gone)
  • I will have died (I’ll have died)

Sentenças Negativas:

  • She will not (won’t) have approved
  • We will not (won’t) have finished

Sentenças Interrogativas:

  • Will he have talked?
  • Will you have bought?
  • Will they have heard?

Leia também: O que é Past Participle?

Futuro Perfeito em Inglês: Uso

Para entender quando usar o Futuro Perfeito em inglês leia as sentenças abaixo:

  • Eu acho que até sexta-feira eles terão terminado o telhado.
  • Até o fim da semana eu terei gastado todo meu dinheiro.
  • Quando a gente ligar, ele terá saído de casa.
  • Ela terá se formado até 2020.
  • Na quarta, a gente ainda não terá terminado isso.
  • Você acha que terá tido notícia sobre o emprego até amanhã?

Se você quiser dizer as sentenças acima terá de usar o Futuro Perfeito em inglês. Veja que em todas elas a pessoa está dizendo que algo terá (já) terá acontecido ou não no futuro.

  • I guess they’ll have finished the roof by Friday.
  • By the weekend, I’ll have spent all my money.
  • By the time we call, he’ll have left home.
  • She’ll have graduated by 2020.
  • By Wednesday, we won’t have finished that yet.
  • Do you think you’ll have heard about the job by tomorrow?

Se você observar bem, notará que a ideia em português e em inglês é a mesma, só muda a língua. Portanto, o Futuro Perfeito em inglês não é assim o monstro de sete cabeças como muita gente pensa que é.

Outra coisa interessante de se observar em relação ao uso do Futuro Perfeito em inglês é que sempre usamos a palavra “by” para expressar a ideia de “até”. Veja que nos exemplos acima temos:

  • by Friday = até sexta-feira
  • by the weekend = até o fim de semana
  • by the time = quando (é melhor usar sempre “by the time”, esqueça o “when” nesse caso)
  • by Wednesday = até quarta-feira
  • by tomorrow = até amanhã

Você poderá dizer ainda:

  • by March 1st = até primeiro de março
  • by then = até lá
  • by February = até fevereiro
  • by this time tomorrow = amanhã a esta altura, amanhã a este horário

Leia também: By e Until com o Sentido de Até

Não creio que seja algo tão complicado assim. É apenas uma questão de se acostumar com a forma e o jeito de usar e ponto final. Seguem abaixo mais alguns exemplos:

  • We won’t have solved all our problems by then. (Nós não teremos resolvido todos os nossos problemas até lá.)
  • Will they have had dinner by the time we get there? (Eles já terão jantado quando a gente chegar lá?)
  • I guess I’ll have finished reading this by Saturday. (Eu acho que até sábado terei terminado de ler isto.)
  • By the end of the month we will have finished the course. (Até o fim deste mês nós teremos terminado o curso.)

Acho que é isso o que tenho a dizer sobre o Futuro Perfeito em inglês. Agora é com você. O que achou da dica? Foi fácil ou complicado entender isso?

O Uso de Will e Going To em Inglês

Perguntas sobre a diferença entre will e going to são frequentes. É engraçado como os cursos, livros e professores conseguem complicar algo tão simples! O segredo, como sempre dizemos por aqui, é o seguinte: pare de procurar regras gramaticais em tudo e comece a observar o uso das palavras e estruturas na vida real. Portanto, aprenda o uso de will e going to de modo diferente. Veja como na dica abaixo.

» Assista no canal Inglês na Ponta da Língua no Youtube essa dica em vídeo: Will ou Going To: qual a diferença?

Will” tem vários usos em inglês. Mas, quando comparado com “going to” a dúvida é sobre como usar um outro no futuro em inglês. Para não complicar, vamos ficar apenas com esse caso: o uso das duas palavras para expressar ideias no futuro em inglês.

Uso de Will

Bem, veja só! “Will” quando usado para falar de algo no futuro costuma estar acompanhado de expressões que indicam incerteza. Abaixo você vê algumas dessas expressões:

  • I think… (Eu acho que…)
  • Probably, … (Provavelmente, …)
  • I guess… (Eu acho…)
  • I’m not sure, but I think… (Não tenho certeza, mas acho que…)
  • I don’t know, but I think… (Num sei não, mas acho que…)
  • Maybe… (Talvez…)

will e going toTodas elas são expressões que indicam incerteza em inglês. Claro que há outras, mas com estas aí você já será capaz de dizer muitas coisas. Pois bem! Agora veja as sentenças abaixo:

  • Eu provavelmente vou a Salvador em dezembro.
  • Não sei não, mas acho que não vou à festa no sábado que vem.
  • Talvez nós não estaremos aqui amanhã.

Como as expressões de incerteza estão presentes nas sentenças a palavra que geralmente é usada para expressar o futuro nesses casos é “will”. Assim, teremos:

  • I will probably go to salvador in December.
  • I don’t know! But I think I will not go to the party next Saturday.
  • Maybe we will not be here tomorrow.

Uso de Going To

Agora caso você tenha um pouco mais de certeza do que vai fazer, tem mais ou menos planejado algo então prefira usar o “going to”.

  • I’m going to Salvador this year.
  • I’m not going to the party next Saturday.
  • We’re not going to be here tomorrow.



Veja que nestes últimos exemplos as expressões de incerteza não apareceram. O motivo é simples: você não têm dúvidas do que irá fazer; você sabe que fará aquilo e pronto! Você está se organizando para fazer! Você já está planejando e resolvendo tudo para que aquilo aconteça.

Portanto, lembre-se: quando não tiver certeza do que fará no futuro use o “will” acompanhado de expressões de incerteza. Por outro lado, se você tiver certeza e já está se planejando, então faça uso do “going to”. Aqui no blog, há outras dicas sobre o Futuro em Inglês, faça uso da nossa ferramenta de buscas para encontrar essas dicas e ficar ainda mais com o Inglês na Ponta da Língua.

Você pode ainda assistir a um vídeo publicado recentemente no Youtube no qual eu – Denilso – falo mais sobre a diferença entre will e going to. Portanto, você poderá assisti-lo, clicando aqui ou apertando o play abaixo.