Uso das Palavras em Inglês

BELIEVE ou BELIEVE IN: quando usar um ou outro?

Qual devemos dizer BELIEVE ou BELIEVE IN? Afinal, quando devemos usar a preposição in após o verbo believe? Encontre as repostas a essas dúvidas, na dicas dadas abaixo.

Believe ou Believe in?

Em inglês, quando queremos dizer “eu acredito em você” o certo é dizer “I believe you” ou “I believe in you”? E se quisermos pergunta se uma amiga acredita em Deus, nós dizemos “Do you believe God” ou “Do you believe in God”?

Entende isso é muito fácil. Tudo o que você precisa saber para não fazer confusão é lembra que BELIEVE IN tem três usos distintos. Portanto, vamos dar uma olhada em cada um deles.

Believe in (1)

Um dos usos de BELIEVE IN tem a ver com a fé ou a crença em algo. Observe as sentenças a seguir:

  • Do you believe in God? (Você acredita em Deus?)
  • I don’t believe in ghosts at all. (Eu não acredito nem um pouco em fantasmas.)
  • She doesn’t believe in miracles. (Ela não acredita em milagres.)
  • They still believe in Santa Claus. (Eles ainda acreditam no Papai Noel.)

» Leia também: Como dizer AINDA em inglês?

Note que nas sentenças que você acabou de ler, o sentido de BELIEVE IN é o de “acreditar na existência de algo ou alguém”. Assim, nesses casos nós sempre usaremos BELIEVE IN.

Believe in (2)

O uso a seguir tem a ver com o fato de acreditarmos que uma pessoa é boa o suficiente para realizar algo, obter sucesso em algo, etc. Por exemplo,

  • Brazilians don’t believe in their government anymore. (Os brasileiros não confiam mais no governo.)
  • You need to believe in yourself to succeed. (Para atingir o sucesso, você precisa acreditar em você mesmo.)
  • I never thought I would do that, but my parents always believed in me. (Eu nunca achei que fosse capaz disso, mas meus pais sempre acreditaram em mim.)

» Leia também: Os Pronomes Reflexivos em Inglês

Believe ou Believe in?Agora estamos lidando com uma questão de confiança, acreditar na capacidade de alguém.

Believe in (3)

Já o terceiro uso, nos remete ao fato de consideramos algo como bom ou eficiente. Ou seja, trata-se de algo (uma ideia, sistema, por exemplo) que eu apóio, algo no qual acredito nos benefícios e valores.

  • I believe in democracy. (Eu acredito na democracia. | Eu defendo a democracia.)
  • She believed in marital fidelity. (Ela acreditava na fidelidade conjugal.)
  • Do you believe in capital punishment? (Você é a favor da pena de morte? | Você acha que a pena de morte é algo eficiente?)

» Leia também: Termos Jurídicos em Inglês

Quando não usar a preposição?

Como você pode ver, “believe in” possui usos distintos. Nos três casos acima, você sempre terá de fazer uso da preposição in junto com o verbo “believe”.  Mas, quando é que devemos usar apenas “believe” – sem a preposição?

Geralmente, usamos “believe” sozinho quando estamos diante de algo que pode ser verdade ou mentira. Por exemplo, se eu digo “We don’t believe you”, estou dizendo que alguém não é uma pessoa confiável; pois, na maioria das vezes ela mente e o histórico dela não é nada confiável. Veja outros exemplos para facilitar:

  • Don’t believe everything you see on TV. (Não acredite em tudo o que vê na televisão.)
  • He said he was a police officer and they believed him.(Ele disse que era policial e elas acreditaram.)
  • You shouldn’t believe everything you read. (Você não deve acreditar em tudo que lê.)
  • I don’t believe she’s only 25. (Não acredito que ela tem só 25 anos.)
  • I believed him, even though his story sounded unlikely. (Eu acreditei nele, mesmo que a história dele parecesse bem esquisita.)

Espero ter deixado o uso de BELIEVE ou BELIEVE IN bem claro. Caso contrário, deixe um comentário abaixo e assim que der eu respondo.

For now, that’s all I have to say. So, take care and keep learning.

» Fontes:

Etiquetas
gramática de uso da língua inglesa preposições em inglês uso das palavras em inglês vocabulário em inglês

21 Comentários

  1. Não JefBlack! Nada a ver esse negócio de afirmativa negativa (seja lá o que for que você quis dizer com isso). Tem a ver com significado, intenção da ideia, propósito de expressar algo."I believe you" (Eu acredito em você)"I don't believe you" (Eu não acredito em você)."They believed him" (Ela acreditaram nele.)"We didn't believe him" (A gente não acreditou nele)Espero estar claro agora que o que conta é a ideia da pessoa ao dizer "believe someone". Esse negócio de afirmativa negativa que você disse parece coisa de quem procura explicação gramatical para o uso da língua.Take care!

  2. Sorry Professor deLima, but I'd like to expose What the Mr. JefBlack's expression "afirmativa negativa" means.Here in Brazil, English Grammar books insist on 3 forms for writing the sentences: Affirmative, Negative & Interrogative forms.Including mine, under some teacher's view, We have just 2 forms, Affirmative & Interrogative, practicing Affirmative Positively & Affirmative Negatively when the word 'NOT' appears; when I say 'Not', I'm Affirming something too,That's my point, submitted, of course, to a best judgement!Tks 4Ya'Att!Martin.

  3. Hey Prof. Martins, thank for your words again.I kinda know what my friend JefBlack meant. Anyway, the use of "believe" and "believe in" is not related to afirmative, negative, interrogative sentences. The examples sorta show that, don't they?I guess the problem is in the examples I gave. most of them have the word "not" on them. So, I believe that was the source of misunderstanding. Anyway, I'm quite sure JefBlack got the picture after my words.=]

  4. Trecho da letra TAKING OVER ME, de Evanescence:I believe IN youI'll give up everything just to find youI have to be with youTo live, to breatheYou're taking over mehttp://letras.terra.com.br/evanescence/68052/traducao.html

    1. gente existe uma coisa chamada licença poética para a música… não sei se é o caso dessa musica mas pfvr, não ache que é porque é uma música escrita por um nativo que vai estar gramaticalmente correta não, até porque nós brasileiros escrevemos muito errado o nosso português, eles também escrevem inglês errado! bem, só acho né… heheheh

      1. É isso aí, Jordana! O pessoal acha que porque o cantor fulano que está na moda cantou de tal jeito aquilo será o CERTO. Infelizmente, essa crença é comum e nós profissionais da área sofremos com isso. Pois nós, não somos gringos! rsrsrsrsrs

    2. pode ser que aqui, o "believe" seja no sentido de que ela acredita na capacidade dele, demonstra confiança como foi colocado anteriormente. E, como é uma música, essa frase pode ser subjetiva e caber, sim, nesse caso!

      1. Sim, para mim nesse caso, o believe pode estar no sentido de acreditar na capacidade de alguém, por isso está I believe IN you.

      2. Na música, o significado assume devoção quase religiosa quando a cantora diz que precisa do parceiro "para viver, para respirar". Portanto, não acho que a letra da música esteja "gramaticalmente incorreta". Acho que o significado que a compositora quis dar a ela vai mais para o campo do "crer no sentido religioso" do que no "acreditar em suas palavras."

    1. Acho que está frase ficou dúbia. Se você entender que a pessoa mentiu que era policial e todo mundo acreditou, a frase está correta. Mas se você entender que as pessoas acreditaram na capacidade dele, pela experiencia dele em ser um policial, o certo seria believed in.

  5. Pergunta muito boa, explicação melhor ainda. A quantidade de exemplos ajudou muito o entendimento. Obrigado!

  6. "Believe in" seria algo como crer, ter confiança sem sombra de dúvidas enquanto "believe" seria acreditar mas sem por a mão no fogo… está correto Denilso?

  7. E se eu não quiser usar o IN para não correr o risco de errar? Nas frases com IN Believe que vocÊ citou, eu poderia usar apenas believe?

  8. Sempre usei (e sempre foi assim que os "gringos" usavam comigo); I believe in you. = "Acredito em você." – I believe you. = "Eu acredito (ou creio) no que vc diz/faz etc..
    Um exemplo: " I believe in you to do the job. – I believe you do the job . As sentenças não expressam a mesma intenção.
    ——————" Eu acredito em você pra fazer o serviço. – Eu acredito que você faz o serviço. (nesse caso é possível também usar: I bet you…)
    Quando me delegavam tarefas ou confiavam em minha capacidade para realiza-las , essas formas eram sempre usadas e não havia problemas em entende-las, ou vice-versa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar