A pronúncia de CAN e CAN’T: qual a diferença?

Espaço Publicitário

Qual a diferença entre a pronúncia de CAN e CAN’T? Será que tem mesmo diferença! Continue lendo ou assista ao vídeo no final do texto para aprender.

CAN e CAN’T: isoladamente

Quando vistas de modo isolado CAN e CAN’T possuem a mesma pronúncia. Para comprovar isso, basta ver a representação fonética das duas em um dicionário de inglês:

  • /kæn/
  • /kænt/

Veja que o som vocálico é o mesmo: æ. Portanto, poderíamos dizer que não há diferença entre a pronúncia de CAN e CAN’T. Mas isso é apenas no inglês americano; já no britânico as pronúncia são diferentes. Veja:

  • /kæn/
  • /kɑːnt/

Agora temos uma diferença! O som vocálico nas duas é diferente: æ e ɑː. Então, não tem como confundir.

» Adquira o eBook Pronúncia Básica do Inglês e aprenda o Alfabeto Fonética de forma simples, clara e direta «

A Pronúncia de CAN e CAN’T: o problema

Pronúncia de Can e Can'tA confusão que muita gente faz na pronúncia de CAN e CAN’T ocorre muito na variante americana do inglês. Por quê?

No inglês americano, o T no final das palavras costuma desaparecer. Assim, “don’t” soa como “don”, “won’t” vai sair como “won” e “can’t” vai sair como “can”, etc. Assim, está feito a confusão; pois, muitos – ao ouvir um americano falando – dizem não saber se a pessoa está dizendo: “I can do it” ou “I can’t do it”.

É aí que surge a grande pergunta: Qual a diferença na pronúncia de CAN e CAN’T?

» Leia também: Regras da Pronúncia em Inglês

A pronúncia de CAN e CAN’T: contexto e entonação

As palavras CAN e CAN’T possuem pronúncias diferentes quando ditas dentro de uma frase. A palavra CAN tem o que chamamos de pronúncia fraca. Assim, essa pronúncia fraca é representada assim: / kən/ ou /kn/

Veja que agora o som vocálico não é o mesmo quando a palavra é vista isoladamente.

Já a palavra CAN’T sempre mantém a pronúncia normal, que chamamos de pronúncia forte: /kænt/. Além disso, no inglês americano, o /t/ praticamente desaparece na pronúncia.

Portanto, podemos resumir assim:

  • CAN » / kən/ ou /kn/
  • CAN’T » /kænʔ/ (não se preocupe com o símbolo ʔ agora)

Para deixar um pouco mais claro, saiba que a pronúncia fraca é quase inaudível na frase. Já a pronúncia forte é feita com certa ênfase. Portanto, a diferença na pronúncia de CAN e CAN’T só é perceptível quando vemos tudo dentro de uma frase. Ou seja, é uma questão de contexto e entonação.

Para ajudar você a entender melhor, assista ao vídeo abaixo para perceber a diferença dentro das frases. Eu tenho certeza que você vai aprender isso e não fará mais confusão. Lembre-se que aprender essa diferença só se faz necessária para o inglês americano, pois no inglês britânico isso é menos comum. Veja o vídeo! Caso não esteja vendo o vídeo abaixo, clique aqui!

Será que agora ficou mais clara, a diferença entre a pronúncia de CAN e CAN’T? Não é nada tão estranho assim! Tudo depende de você se acostumar com o modo como cada palavra é realmente pronunciada em contexto. Portanto, pratique, ouça mais vezes e você logo estará com isso na ponta da língua.

Agora que você já entendeu melhor a diferença na pronúncia de CAN e CAN’T no inglês americano, que tal aprender também os usos do modal verb can no inglês falado? Para isso é só assistir ao vídeo abaixo. 🙂

Artigos Relacionados
Comentários
  • Luiz Felipe Matos

    Show, Denilso! Logo quando vi a dica pensei que não precisaria dela por, de certa forma, já compreender as duas e conseguir diferencia-las. Você deu mais luz a algo que eu já entendia! Obrigado.

    • Cool, Luiz! que bom a dica deu um pouco mais de luz ao assunto e assim você clareou mais as ideias! ☺️