Dica de Gramática: Third Conditional

Tempos atrás escrevi sobre os tais Conditionals em inglês. Caso você não tenha lido, ou ainda não faça ideia do que é isso, recomendo que leia as dicas ‘Dica de Gramática: First Conditional‘ e ‘Dica de Gramática: Second Conditional‘. Hoje vou falar sobre o Third Conditional, que estava faltando para quase completar a série.

Vale lembrar que não sou muito fã de regras gramaticais e coisas do tipo. Estudos na área de Second Language Acquisition mostram que estudantes aprendem muito mais rápido e de modo muito mais eficiente quando não são apresentados a eles os tecnicismos da gramática. Ou seja, a melhor forma de aprender algo como os Conditionals em inglês é através da Gramática de Uso (o jeito como os falantes nativos realmente aprendem ao longo da vida).

Dito isso vamos ao Third Conditional. Porém, para que tudo fique muito mais claro e, portanto, fácil de entender veja as sentenças abaixo:

  1. Se você tivesse me falado, eu teria feito alguma coisa.
  2. Se eu tivesse estudado um pouco mais, eu não teria levado bomba.
  3. Se a gente tivesse economizado dinheiro, a gente teria comprado um computador novo.
  4. Se ela tivesse me visto, ela teria tido um ataque de raiva.

Dica de Gramática: Third Conditional

Antes de pensar em dizer isso em inglês, pense um pouco em português. Em que momento (situação) você diria uma dessas sentenças? Os fatos mencionados aconteceram ou a pessoa está apenas imaginando? Na sentença 2, você estudou ou não? Qual foi a consequência (o resultado)? Enfim, pense um pouco sobre as circunstâncias que levaram cada pessoa a dizer as sentenças acima.

Se você levou em conta as perguntas acima, saiba que ficará mais fácil compreender o uso do tal Third Conditional em inglês. Pois, de modo bem básico, a construção das sentenças acima em inglês é muito parecida com o português. Tudo o que você precisa fazer é traduzir as sentenças. Veja:

  • If you had told me, I would have done something.
  • If I had studied a bit harder, I wouldn’t have flunked.
  • If we had saved some money, we would have bought a new computer.
  • If she had seen me, she would have had a fit.

Se você comparar as sentenças em português com suas equivalências em inglês, você logo notará que elas são praticamente idênticas em estrutura. Tudo o que você precisa é lembrar do seguinte:

  1. had‘ é a palavra que significa ‘tivesse‘, ‘tivéssemos‘ e ‘tivessem‘ nesse caso. Podemos ainda dizer ‘had not‘ ou ‘hadn’t‘ para ‘não tivesse‘, ‘não tivéssemos‘ e ‘não tivessem‘;
  2. would have‘, ou ‘would’ve‘, equivale a ‘teria‘, ‘teríamos‘, ‘teriam‘;
  3. a palavra (verbo) que for usado após ‘had‘ e ‘would have‘ deve estar no past participle (saiba mais sobre o past participle lendo a dica ‘O que é o past participle?‘)

Lembrando-se dessas três coisas, você aprenderá de modo muito mais natural o Third Conditional. Sem contar que será capaz de lembrar a respeito deles mesmo sem saber toda a teoria gramatical (Gramática Normativa) que envolve esse aspecto da língua inglesa. Você ainda tem um tempinho? Então que tal traduzir as sentenças abaixo para o inglês? Utilize a área de comentários para deixar suas respostas, ok?

  1. Se eu não tivesse falado com você, não teria feito desse jeito.
  2. Se ele não tivesse ido comigo, eu teria brigado com todo mundo.
  3. Se nós tivéssemos tido mais tempo, nós teríamos feito algo melhor.
  4. Se eles tivessem feito a coisa certa, eles não teriam que gastar dinheiro agora.
  5. Se eu tivesse ido lá, elas teriam sabido.
Artigos Relacionados
Comentários