Como aprender as preposições da Língua Inglesa?

Certa vez perguntei a um americano sobre as preposições em inglês. Entrei em desespero ao ouvir que ele não era capaz de me explicar o uso delas. Como assim!? Se o cara é americano, como é que ele não sabe me explicar isto?

Pense bem! Você sabe quais são as regras para usarmos as preposições em português? Você já parou para pensar nisto!? Eu também não! Nem sei se há regras!

Isto nos leva a concluir que preposições em inglês têm de ser aprendidas naturalmente. Não há regras que consigam explicar o uso delas. No entanto, Em alguns momentos é fácil saber que preposição usar:

  • on” antes dos dias da semana – Sunday, Monday, Tuesday, etc;
  • in” antes dos meses – January, February, March, April, etc;
  • at” antes de horas – 7:30, 5:40, 10:00, etc.

Antes de continuar lendo sabia que você pode aprender mais sobre as preposições lendo os seguintes posts:

Infelizmente, na maioria das vezes é simplesmente impossível tentar encontrar uma lógica: em português dizemos “depender de”; em inglês nada de dizer “depend of”, o correto é “depend on”; “sonhar com”, “dream about” ou, dependendo do caso, “dream of”. Em outros casos nós usamos preposições e eles não: “estou com medo”, “I’m afraid”; “gosto de…”, “I like…” Ou vice versa, “ouvir”, “listen to”.

Eles ainda costumam usar preposições apenas para dar certa expressividade no modo de falar. Ou seja, não há nada de errado em “come to my house some time” (venha à minha casa um dia destes ), porém para ficar mais natural é melhor dizer “come on over to my house”.

Isto a gente só aprende com o tempo, com a vida, usando a língua. Não adianta querer decorar! Simplesmente, temos de ouvir e ler muito. Você jamais encontrará todas as informações em um livro! Algumas preposições podem ser aprendidas por meio de certas regras e peculiaridades; entretanto, o ideal é que ao encontrar uma preposição em um texto você veja como ela está sendo usada. Observe se há algo de especial no seu uso. Caso você perceba algo curioso e interessante, anote em seu caderno e procure fazer uso do que você aprendeu.

Um exemplo disto é o seguinte: “get on the bus” e “get in the taxi”, “entrar em um ônibus” e “entrar em um táxi”, respectivamente. Observe que com ônibus diz-se “get on”; com táxi, “get in”. Cada meio de transporte exige uma preposição diferente: “on” ou “in”. É a isto que você deve prestar atenção. Não adianta ficar querendo saber o porquê de ser assim e não assado. O negócio é colocar isto – a expressão inteira, a combinação de palavras – na memória, usar e pronto. Aprenda que é get on the bus” e “get in the taxi”.

That’s all for now, guys! Take care!

Artigos Relacionados
Comentários