Como se diz CHATO em inglês?

Como se diz chato em inglês? Muita gente vai dizer que chato em inglês é boring. Mas será que é mesmo? Será que apenas boring é a palavra para chato! Continue lendo para aprender.

Uma coisa que você tem de entender é que a palavra chato em português geralmente tem dois usos bastante comuns. Esses usos são:

  1. chato no sentido de maçante, enfadonho, sem-sal, monótono – referindo-se a uma aula, livro, programa de TV, pessoa sem graça, etc.
  2. chato no sentido de irritante, importuno – referindo-se a uma pessoa ou coisa que siplesmente irrita, atrapalha ou perturba a gente (nos causando até mesmo raiva); você quer estudar e a pessoa fica te enchendo o saco e coisas assim; um aparelho que emite um som irritante pode ser chato também, não é?

É sempre bom lebrar disso! Pois para cada um desses sentidos há em inglês uma palavra diferente.

Como dizer chato em inglês?Para se referir ao chato de monótono, enfadonho, maçante etc., o termo em inglês é boring. Por exemplo,

  • This class is so boring! (Esta aula está tão chata [maçante, enfadonha, parada]!)
  • Wow, you friend is so boring! (Nossa, o teu amigo é tão sem-sal [chato, sem-graça]!)
  • That book is really boring! (Esse livro é tão chato [sem-graça, maçante]!)

Já para falar do chato que incomoda, irrita todo mundo, a palavra mais comum é annoying:

  • Man, you’re so annoying! (Cara, tu é muito chato [irritante]!)
  • Her little brother is really annoying, you know. (O irmãozinho dela é muito chato, sabe.)
  • This is so annoying! (Isso é tao irritante [chato]!)

Portanto, não confunda as coisas! Chato em inglês pode ser boring ou annoying. O uso de cada palavra vai depender do tipo de chato ao qual você se refere. Claro que há ainda outras palavras com sentidos parecidos a essas, mas por enquanto essas duas palavrinha já são o suficiente para evitar que você diga uma coisa quando na verdade quer dizer outra.

E aí!? Será que agora você é capaz de me dizer algo que você considera boring e outra que considera annoying? Dê seus exemplos na área de comentários logo ali abaixo.

That’s all for now guys! Bye bye and keep learning!

O Uso de Will e Going To em Inglês

Perguntas sobre a diferença entre will e going to são frequentes. É engraçado como os cursos, livros e professores conseguem complicar algo tão simples! O segredo, como sempre dizemos por aqui, é o seguinte: pare de procurar regras gramaticais em tudo e comece a observar o uso das palavras e estruturas na vida real. Portanto, aprenda o uso de will e going to de modo diferente. Veja como na dica abaixo.

» Assista no canal Inglês na Ponta da Língua no Youtube essa dica em vídeo: Will ou Going To: qual a diferença?

Will” tem vários usos em inglês. Mas, quando comparado com “going to” a dúvida é sobre como usar um outro no futuro em inglês. Para não complicar, vamos ficar apenas com esse caso: o uso das duas palavras para expressar ideias no futuro em inglês.

Uso de Will

Bem, veja só! “Will” quando usado para falar de algo no futuro costuma estar acompanhado de expressões que indicam incerteza. Abaixo você vê algumas dessas expressões:

  • I think… (Eu acho que…)
  • Probably, … (Provavelmente, …)
  • I guess… (Eu acho…)
  • I’m not sure, but I think… (Não tenho certeza, mas acho que…)
  • I don’t know, but I think… (Num sei não, mas acho que…)
  • Maybe… (Talvez…)

will e going toTodas elas são expressões que indicam incerteza em inglês. Claro que há outras, mas com estas aí você já será capaz de dizer muitas coisas. Pois bem! Agora veja as sentenças abaixo:

  • Eu provavelmente vou a Salvador em dezembro.
  • Não sei não, mas acho que não vou à festa no sábado que vem.
  • Talvez nós não estaremos aqui amanhã.

Como as expressões de incerteza estão presentes nas sentenças a palavra que geralmente é usada para expressar o futuro nesses casos é “will”. Assim, teremos:

  • I will probably go to salvador in December.
  • I don’t know! But I think I will not go to the party next Saturday.
  • Maybe we will not be here tomorrow.

Uso de Going To

Agora caso você tenha um pouco mais de certeza do que vai fazer, tem mais ou menos planejado algo então prefira usar o “going to”.

  • I’m going to Salvador this year.
  • I’m not going to the party next Saturday.
  • We’re not going to be here tomorrow.



Veja que nestes últimos exemplos as expressões de incerteza não apareceram. O motivo é simples: você não têm dúvidas do que irá fazer; você sabe que fará aquilo e pronto! Você está se organizando para fazer! Você já está planejando e resolvendo tudo para que aquilo aconteça.

Portanto, lembre-se: quando não tiver certeza do que fará no futuro use o “will” acompanhado de expressões de incerteza. Por outro lado, se você tiver certeza e já está se planejando, então faça uso do “going to”. Aqui no blog, há outras dicas sobre o Futuro em Inglês, faça uso da nossa ferramenta de buscas para encontrar essas dicas e ficar ainda mais com o Inglês na Ponta da Língua.

Você pode ainda assistir a um vídeo publicado recentemente no Youtube no qual eu – Denilso – falo mais sobre a diferença entre will e going to. Portanto, você poderá assisti-lo, clicando aqui ou apertando o play abaixo.

Quando usar MAKE ou DO em inglês?

Quando usar MAKE ou DO em inglês? Qual a diferença entre MAKE e DO? Se você faz confusão na hora de usar esses dois verbos, leia esta dica para aprender a usar os dois de modo natural e sem se preocupar com regras. Aliás, já adianto aqui que praticamente não há regras para resolver essa dúvida. Então, é hora de aprender algo diferente.

» Leia também: O que significa MAKE DO?

MAKE ou DO: o problema

Quando começamos a aprender inglês, nós aprendemos que MAKE significa “fazer” e DO também significa “fazer”. Isso gera uma certa confusão na hora de usar essas duas palavras; pois, se quisermos dizer “fazer uma reclamação” devemos dizer “make a complaint” ou “do a complaint”? Se a ideia for dizer “fazer uma festa”, devemos dizer “make a party” ou “do a party”?

Se os dois podem ser interpretados – de modo bem básico – como “fazer”, como saber quando devemos usar um ou outro? Será que há uma regra para aprender isso?

Quando usar MAKE ou DO?

Como eu disse no início, não adianta procurar regrinhas para resolver o problema! Já vi várias pessoas dando regras como: “use make quando for para fazer no sentido de criar algo e do com o sentido de executar uma tarefa, fazer uma atividade”. Isso até certo ponto até que faz sentido. Mas, falar uma língua naturalmente e usar as palavras do jeito certo vai além dessas regrinhas.

Então, o que fazer? Como aprender a usar corretamente MAKE ou DO em inglês?

Make ou Do?Vamos usar as duas combinações citadas acima – “fazer uma reclamação” e “fazer uma festa” – para aprender algo mais simples em relação ao uso de MAKE ou DO.

Ao invés de você se desesperar em relação ao uso de MAKE ou DO, preste atenção à outra palavra que você pretende usar com o verbo “fazer”. No caso das combinações acima, foque a atenção nas palavras “reclamação” e “festa”. Você sabe que em inglês dizemos “complaint” e “party” respectivamente. Então, com a ajuda de um bom dicionário de inglês, você procura por essas palavras em inglês.

Ao encontrar a palavra “complaint”, leia a definição e, principalmente, os exemplos que o dicionário trás. No Longman Dictionary of Contemporary English, a gente encontra o seguinte exemplo:

  • If you wish to make a complaint, you should see the manager.

Observe bem qual é o verbo usado com a palavra “complaint”. Você com certeza notou que é o verbo “make”. Portanto, já aprende que para dizer “fazer uma reclamação”, deverá dizer “make a complaint”. Você pode ainda procurar por mais exemplos no Google. Para isso, basta digitar a combinação “make a complaint” (entre aspas mesmo) e anotar mais frases:

  • How do I make a complaint?
  • You can make a complaint about any newspaper or magazine which is regulated by IPSO.
  • See if you can group together and make a complaint.
  • Recent changes to the law now also allow employees to make a complaint to the Ministry of Labour.

Ao invés de se preocupar com MAKE ou DO, você simplesmente focou na outra palavra – complaint – e aprendeu a combinação certa em inglês: make a complaint.

Aprendendo as Diferenças

Se você entender bem essa ideia e colocá-la em prática, você vai notar que às vezes temos de aprender as diferenças existentes entre o inglês e o português. Um exemplo disso está na combinação “fazer uma festa”.

Quando pensamos palavra por palavra, a tendência é querer dizer “make a party” ou “do a party”. Mas, se você seguir a dica dada aqui – pesquisar a palavra party –, você vai aprender que em inglês não dizemos “make a party” ou “do a party”. Em inglês, o mais natural para dizer “fazer uma festa” é “throw a party”, “give a party”, “have a party”. Ou seja, não dizemos “make a party” ou “do a party”.

Isso pode acontecer com várias outras combinações e você deve estar preparado e atento para notar essas diferenças e aprendê-las.

Outras traduções

Muitas vezes MAKE ou DO em português não significam obrigatoriamente “fazer”. Ou seja, às vezes a tradução deverá ser feita de acordo com uma palavra que em português faça mais sentido.

  • make the bed » arrumar a cama, fazer a cama
  • make a decision » tomar uma decisão
  • make a mistake » cometer um erro, fazer um erro
  • do the ironing » passar a roupa
  • do well » dar-se bem

Entenda que para aprender a diferença entre MAKE e DO não há bem uma regrinha que resolverá o problema. O segredo está em aprender as combinações corretas. Ou seja, que verbo – MAKE ou DO – combina corretamente com a palavra que desejo usar.

Essas combinações é o que chamamos de collocations. Se você ainda não faz ideia do que é isso, assista ao vídeo abaixo para aprender o que são collocations [ou clique aqui]. Por ora, isso é tudo! Espero que tenha gostado da dica e dessa nova maneira de aprender o uso de MAKE ou DO em inglês. Até a próxima!

EVERYDAY ou EVERY DAY?

Vira e mexe, recebo perguntas de estudantes querendo quando usar EVERYDAY ou EVERY DAY. Pode parecer uma bobagem, mas saiba que há sim uma diferença entre EVERY DAY e EVERY DAY. Portanto, continue lendo para aprender.

EVERYDAY

EVERYDAY, uma só palavra, é um adjetivo. Isso significa que ele será usado supere junto com um substantivo. Em português,  equivale comum, típico, ordinário, rotineiro. Veja os exemplos abaixo e as equivalências em português:

  • everyday activities » atividades rotineiras, atividades normais, atividades corriqueiras
  • everyday conversation » conversa rotineira, conversa corriqueira, conversa cotidiana
  • everyday life » a vida do dia a dia, a vida comum, a vida normal, a vida cotidiana
  • It’s too good for everyday use. » É bom demais para uso diário.
  • It’s just part of everyday life. » Faz parte da vida cotidiana.
  • He painted pictures of everyday objects. » Ele fazia quadros de objetos comuns (do dia a dia).
  • You shouldn’t wear an everyday outfit to the wedding. » Não se deve usar uma roupa do dia a dia em um casamento.

Leia também: Os Adjetivos em Inglês | English Adjectives

EVERY DAY

Everyday ou Every dayA palavra (combinaçãoEVERY DAY, duas palavras, é um advérbio de frequência (que indica tempo). Em português, equivale a todos os dias, diariamente. Veja os exemplos:

  • I go there every day » Eu vou lá todos os dias. | Eu vou lá diariamente.
  • He works every day » Ele trabalha todos os dias.
  • She used to come here every day. » Ela costumava vir aqui todos os dias.
  • My grandfather still reads the news paper every day. » Meu pai ainda lê o jornal todos os dias.
  • I speak to my father on the phone almost every day. » Eu falo com meu pai pelo telefone praticamente todos os dias.

That’s it, guys! Agora você já deve saber quando usar EVERYDAY ou EVERY DAY. Veja que a diferença entre EVERYDAY e EVERY DAY está no significado, função e uso de cada uma delas.

Para ficar com isso na ponta da língua e evitar confusões, você precisa se acostumar com elas. Portanto, minha dica final é que você anote esses e outros exemplos em seu caderno de vocabulário. Leia esses exemplos de vez em quando e tente criar alguns exemplos mentalmente. Assim, você ajudará seu cérebro a saber quando usar EVERYDAY ou EVERY DAY.

Comparativo de Igualdade em Inglês: as … as

Quer aprender o grau comparativo de igualdade em inglês!? Então, continue lendo esta dica.

Antes de falar sobre esse tal grau comparativo igualdade em inglês, vamos ver como é essa ideia em português. Assim, fica mais fácil para você entender melhor a ideia ema inglês. Então, vamos lá!

Veja as sentenças abaixo:

  • João é tão inteligente quanto o Miguel.
  • Karina é tão bonita quanto a Raquel.
  • O meu carro é tão bom quanto o seu.
  • Paulo é tão alto quanto Rafaela.

É assim que nós fazemos comparações de igualdade em português. Ou seja, esse tão … quanto é o nosso Grau Comparativo de Igualdade. Um nome bonito para dizer que uma coisa e outra coisa são iguais, não têm diferença alguma. ao traduzirmos as sentenças acima para o inglês, elas ficam assim:

  • João is as intelligent as Miguel.
  • Karina is as beautiful as Raquel.
  • My car is as good as yours.
  • Paulo is as tall as Rafaela.

Portanto, anote aí que o grau comparativo de igualdade em inglês é formado com  as … as. Não há muito segredo nisso! Tudo o que você precisa lembrar é que entre as … as você deve colocar um adjetivo:

  • as expensive as (tão caro quanto)
  • as cheap as (tão barato quanto)
  • as dirty as (tão sujo quanto)
  • as wonderful as (tão maravilhoso quanto)
  • as dark as (tão escuro quanto)
  • as dumb as (tão idiota quanto)
  • as clean as (tão limpo quanto)

Veja que o grau comparativo de igualdade em inglês realmente não é tão complicado o quanto muitos pensam. Tudo o que você tem a fazer é se acostumar com a estrutura as … as. Então, crie seus exemplos e use-os sempre que tiver a oportunidade para isso. Só assim você ficará com o grau comparativo de igualdade em inglês na ponta da língua.

Por fim, saiba que este é apenas um dos usos da palavra as em inglês. Caso queira ver outros usos em expressões idiomáticas, leia a dica Similes: Expressões em Inglês. That’s all for now! So, keep reading and keep learning.

Quando LIKE não significa gostar?

Afinal, quando like não significa gostar? Tá aí uma coisa que deixa muita gente louca! Você sabe que like significa gostar de. Mas, com o tempo, você começa a encontrar like em locais no qual ele simplesmente não significa aquilo que você aprendeu. Por quê?

Continue lendo esta dica para aprender quando like não significa gostar like e aprenda outros usos comuns dessa palavrinha.

Para começar, veja as sentenças abaixo:

  • What’s your brother like?
  • What’s your city like?
  • What’s your mother like?
  • What’s your father like?

Nesse caso, like não tem nada a ver com gostar de. Nesse uso você tem que ver a expressão como um todo. Se alguém te pergunta isso, está apenas querendo saber como é o seu irmão, a sua cidade, a sua mãe ou o seu pai. Ou seja, estão querendo que você descreva o que quer que seja! Entendeu!?

Leia mais sobre esse uso de like na dica Três Expressões com a Palavra Like em Inglês.

Agora, veja a sentença abaixo:

  • Like what?

Quando like não significa gostar?Essa frase costuma aparecer muito em diálogos! E equivale ao nosso “tipo o quê?“. Por exemplo, alguém diz “I’d like something to eat now” (eu queria algo pra comer agora), e aí você pergunta “like what?” (tipo o quê?).

Está se tornando comum também o uso do like com o sentido de “dizer“. Mas, nesta situação é preciso entender bem o uso. Veja o exemplo abaixo:

  • He keeps coming and trying to kiss me and I’m like, ‘Go away! Go away!’ (Ele continua chegando perto, tentando me beijar e eu digo, “sai fora, sai fora!”)

Isto aí é bastante comum em diálogos também! O que nós chamamos de inglês falado (Spoken English).

Like também é usado em comparações. Mas, apenas para dizer que algo é parecido com algo! É uma comparação apenas. Por exemplo,

  • He‘s just like me. (Ele é parecido comigo / Ele é como eu)
  • Are you going to Florianópolis again, like you did last year? (Você vai para Floripa de novo, como você fez ano passado?)

Para ver mais sobre o uso do like em comparações, leia a dica A Diferença entre LIKE e AS.

Há umas expressões nas quais o uso de like é bastante comum. Veja algumas e suas traduções.

  • We could go to the mall, if you like. (A gente pode ir pro shopping, se você quiser)
  • Like I said (before), he’s not a good person. (Como eu disse [antes], ele não é uma boa pessoa.)
  • You put them together, like this. (Você os coloca juntos, assim)

Eu poderia passar o dia escrevendo sobre outros usos do like, mas por enquanto esses estão de bom tamanho!

A dica final para você é a seguinte: sempre que encontrar like pela frente e ele não se encaixar no sentido de gostar de, veja bem a sentença pois você poderá estar diante de um dos usos diferentes desta palavrinha tão comum da língua inglesa! Keep an eye on it!

That’s all for now, guys! Have a nice day! Take care! 🙂

Como dizer cara de pau em inglês?

Como dizer cara de pau em inglês? Eu acredito que essa é uma uma das perguntas mais frequentes que recebo aqui no Inglês na Ponta da Língua.

Muita gente quer saber como expressar a ideia de cara de pau em inglês. Então, decidi dar algumas sugestões para que você tenha a palavra certa na ponta da língua.

Então, vamos lá!

Ah! depois de ler as palavras desta dica, saiba que escrevi um outro texto para falar um pouco mais sobre cara de pau em inglês. Portanto, depois de ler esta dica, leia também A Volta do Cara de Pau.

Cara de pau em inglês

Já de cara, tenho de dizer que infelizmente não há uma palavra que transmita de modo claro e direto a ideia de cara de pau em inglês

Logo, precisamos algumas palavras que chegam perto. Assim, saberemos o que dizer em cada momento. Aprenda quando cada palavra é usada e seus possíveis equivalentes em inglês. Não terá erro!

Dito isso, seguem abaixo algumas dessas palavras que podem servir de ajuda para você.

Shameless

Cara de Pau em Inglês

Trata-se de uma pessoa que não tem vergonha de seu comportamento e não dá a mínima para o que os outros pensam. Pode ser traduzida como sem vergonha, desavergonhado, descarado, cara de pau.

Note que aqui o cara de pau é justamente a pessoa que não dá a mínima se passará vergonha diante de uma situação ou não. Por exemplo,

  • He was shameless, he knew what buttons to push and readily did so. (Ele foi bem cara de pau, ele sabia quais botões apertou e já foi fazendo isso.)

Note que a ideia é dizer que a pessoa não teve vergonha de fazer algo. Ela simplesmente chegou no local, tomou a frente e já foi fazendo.

Brazenfaced, Brazen, Brassy

Esses termos definem uma pessoa bastante audaciosa. Isso no sentido de ser insolente. Ela não tem vergonha de fazer ou falar algo. Ela até chega ao ponto de faltar com o respeito.

Assim, é o cara de pau desaforado, atrevido.

  • They are impudent children, brazen-faced, and cannot blush. (São crianças sem-vergonhas, caras de pau e nem ficam ruborizadas.)
  • What a brassy reporter! (Que repórter mais cara de pau!)

Bold-faced, bold

Alguns sites de dicas de inglês, dão essa palavra como um possível termo para cara de pau em inglês. No entanto, não é comum descrever uma pessoa como bold-faced. Ou seja, dizer algo como “he’s a bold-faced guy” não é algo comum, usual.

Esse termo é usado no sentido de descarado, despudorado, sem vergonha, deslavado, desaforado. Geralmente é usada em combinações – collocations – com outras palavras:

  • a bold faced lie (um mentira descarada)
  • a bold faced editorial (um editorial desaforado)
  • a bold faced joke (uma piada sem vergonha)

Cheeky

Quando dizemos que alguém é cheeky, estamos dizendo que ela é insolente e não demonstra respeito pelas pessoas mais velhas ou em autoridade. Podemos usá-la com uma opção para cara de pau em inglês, mas lembrando que ela tem esse sentido por trás dela.

Outras maneiras de traduzi-la são: insolente, atrevido, descarado, abusado, folgado.

  • You’re a cheeky little boy! (Você é um rapazinho muito cara de pau!)
  • Martin gave her a cheeky grin. (Martin de um sorriso atrevido para ela.)

» Leia também: Como dizer ABUSADO e FOLGADO em inglês?

Saucy, Sassy

Também interpretado como atrevido e petulante. Passa a ideia da pessoa ser tão confiante que age e fala de modo atrevido com os mais velhos.

  • Are you that sassy with your parents, young lady? (Você é assim tão atrevidinha com seu pais, garotinha?)
  • What a sassy young boy! (Que rapazinho mais cara de pau!)

Para encerrar esta dica, vale dizer que um sujeito cara de pau pode se encaixar em cada uma das palavras acima. Tudo dependerá do contexto e da atitude da pessoa. Além disso, dependerá também de como você interpreta a atitude da pessoa.

Claro que poderia ter uma palavra mais direta para expressar a ideia de cara de pau em inglês. Mas, nem sempre as línguas funcionam assim. Portanto, temos de aprender a conviver com isso e aprender a usar cada palavra de modo correto.

That’s all for now, guys! Take care and keep learning!

» Fontes:

MAIS OU MENOS em inglês :: Aprenda o jeito certo para o momento certo!

Como dizer MAIS OU MENOS em inglês? Será que um simples more or less ou so so são o suficiente? Será que há outras maneiras para dizer MAIS OU MENOS em inglês?

Se você acha que é more or less ou simplesmente so so, leia esta dica. Afinal, dependendo do contexto (situação) há maneiras mais apropriadas para expressar a ideia de mais ou menos em inglês.

Então, vamos aprender!

Mais ou Menos em Inglês

Como dito acima, há várias maneiras de dizer mais ou menos em inglês. Assim, vamos dar uma olhada em cada uma delas para você entender bem quando deverá usar uma ou outra. 

» more or less

Para começar, vamos falar do mais conhecido de todos: more or less, que traduzindo ao pé da letra é “mais ou menos“. Logo, muita gente acaba usado apenas isso. 

No entanto, more or less é geralmente usado para se referir a quantidades. Ou seja, se você tiver de dizer “tem mais ou menos 20 pessoas na sala” em inglês, então dirá “there are more or less 20 people in the room“. 

Veja que estamos nos referindo a quantidade; portanto, fazemos uso de more or less.

Ok! Mas, embora isso aí seja possível, aprenda que os falantes nativos não usam muito esse more or less

No dia a dia, a preferência é pelas palavras about ou approximately. Assim, a mesma sentença do parágrafo anterior soará mais natural se você falar desse jeito:

  • There are about 20 people in the room.
  • There are approximately 20 people in the room.

Lembrando que about é mais comum no inglês informal.

Veja que em se tratando de quantidade, temos três maneiras diferentes para dizer mais ou menos em inglês:

  • more or less
  • about
  • approximately
» … or so

Ainda em relação a quantidades, podemos também usar a expressão or so. Vejas os exemplos:

  • That’s gonna cost you US$150 or so. (Isso vai te custar mais ou menos uns 150 dólares.)
  • They spent an hour or so searching for the missing file. (Eles passaram mais ou menos uma hora procurando pelo arquivo que faltava.)
  • There’s a hotel 2 kilometers or so from here. (Tem um hotel mais ou menos uns 2 quilômetros daqui.)
  • I guess 50 or so people were at the party. (Eu acho que mais ou menos 50 pessoas estavam na festa.)
  • I stopped reading after thirty or so pages. (Eu parei de ler depois de mais ou menos umas 30 páginas.)
» so-so

So-so é uma outra maneira bastante conhecida para se dizer mais ou menos em inglês. Essa é na verdade a que devemos usar quando não estivermos nos referindo a quantidades. Veja os exemplos:

– How do you feel today? (Como você está se sentindo hoje?)
– So-so. (Mais ou menos! | Meio lá, meio cá!)

– Hey, are you ready? (Ei, está preparado?)
– So-so! (Mais ou menos!)

– Do you speak English? (Você fala inglês?)
– So-so. (Mais ou menos!)

– How was the party? (Como foi a festa?)
– Oh, so-so. (Mais ou menos!)

Mas, podemos ainda usar em sentenças:

  • Their lunch was only so-so. (O almoço deles foi mais ou menos.)
  • The hotel was in a lovely location, but the facilities were only so-so. (O hotel ficava em um local maravilhoso, mas as dependências eram mais ou menos.)
  • It was a so-so movie. (Foi um filme mais ou menos.)
  • A happy ending to a so-so season. (Um final feliz para uma temporada mais ou menos.)
» kinda e sorta

Quando alguém faz uma pergunta, você notou acima que podemos usar so-so como resposta, certo? 

Contudo, anote aí que em alguns casos, podemos trocar o so so por kinda (American English) ou sorta (British English):

– Did you enjoy the party? (Você gostou da festa?)
– Kinda! (Mais ou menos!)

– Do you speak English? (Você fala inglês?)
– Sorta! (Mais ou menos!)

– So, are you ready? (E aí, você está pronta?)
– Kinda! (Mais ou menos!)

Como você pode ver, já várias maneiras de dizer mais ou menos em inglês. Saber quando usar uma ou outra, dependerá de você estar se referindo a quantidades ou não.

No geral, isso é algo que você aprenderá conforme se envolver cada vez mais e mais com a língua. Não é uma questão de regras, mas sim de se acostumar com a língua. Portanto, preste bastante atenção ao modo como essas palavras e expressões são usadas naturalmente.

That’s all for now! So, take care and keep learning!

Como dizer pão duro em inglês?

Literalmente falando pão duro em inglês é hard bread. Mas, isso é o que falamos quando um pão de verdade está duro. A dica aqui é sobre como dizer que alguém é um pão duro. Ou seja, estamos falando daquela pessoa que é também chamada de mão-de-vaca, muquirana, sovina, canguinhas, etc. E aí!? Como dizer esse pão duro em inglês? Continue lendo a dica para aprender.

Há vários modos de dizer que alguém é um pão duro em inglês. As palavras mais comuns são: stingymean (mais comum no Inglês Britânico), mingy (também comum no Inglês Britânico) e cheap. Cada uma delas tem suas curiosidade e usos. Então, vamos aprender algumas delas.

A palavra mingy, comum no inglês britânico, é a união das palavras mean e stingy. Portanto, trata-se de uma forma de dizer que a pessoa é um pão duro ao extremo. Nos Estados Unidos a palavra mean é usada para dizer que uma pessoa é má, cruel, perversa. Ou seja, nos Estados Unidos, mean não tem nada a ver com o fato da pessoa ser pão duro. O termo stingy é o termos mais informal usado no inglês britânico.

Cheap é a palavra mais usada para dizer que alguém e um pão duro em inglês americano. Alguns exemplos de seu uso com esse sentido são:

  • Don’t be so cheap! (Não seja tão pão duro!)
  • She was just too cheap to buy a real present. (Ela foi mão de vaca demais para não comprar um presente de verdade.)
  • He’s too cheap to take a cab. (Ele é pão duro demais para pegar um táxi.)

Como Dizer Pão Duro em Inglês?Além das palavras que você viu acima, que são as mais comuns, há também tight-fisted, scrooge e parcimonious. Desta é interessante notar que tight-fisted é um termo informal e parcimonious é um termo formal.

Já o termo scrooge é o nome do Tio Patinhas em inglês: Uncle Scrooge. Por essa razão a imagem que ilustra nossa dica é a do Uncle Scrooge, o pão duro mais conhecido da Disney.

Mas, a palavra scrooge não teve origem no Tio Patinhas. Na verdade, ela vem do nome de uma personagem do livro Um Conto de Natal do escritor Charles Dickens. No conto a personagem Ebenezer Scrooge é um velho ranzinza e muito pão duro; ele odeia o Natal. Mas, depois de ver alguns fantasmas em sua residência, passa a ser mais generoso e bondoso com as pessoas.

That’s all for now! Agora você já sabe como se diz pão duro em inglês de várias maneiras. I hope you’ve enjoyed this tip! By the way, do you know someone who is cheap, mean, stingy, mingy? 🙂

O que significa AIN’T? Podemos usar essa palavra?

O que significa AIN’T? Será que é realmente um erro usar essa palavrinha em inglês? Vamos aprender agora!

Nos meus tempos de recém iniciado na arte de ensinar inglês (aquele momento no qual você acha que sabe tudo só porque recebeu o “título” de professor de inglês) eu dizia justamente o que muitos ainda costumam dizer nos dias de hoje: Ain’t é usada apenas pelos caipiras que falam inglês.

Foi assim que aprendi. Logo, foi o que eu sempre disse aos alunos. No entanto, com o tempo percebi que ain’t é uma palavra muito interessante e cheia de curiosidades. Ela é usada em várias expressões e momento do dia a dia em que a língua é usada informalmente. Então, nada melhor que aprender o que significa ain’t e seu uso. Assim, você deixará o preconceito de lado.

O que significa AIN’T?

Originalmente, ain’t era apenas a abreviação de “aren’t” (are not) no inglês falado. Mas, com o tempo passou a ser usada como a abreviação de “am not” e “is not” também! Ou seja, ain’t passou a ser usado informalmente para tudo. Veja as sentenças abaixo:

  • I ain’t hungry. [I‘m not hungry.] (Eu não estou com fome)
  • You ain’t a good friend.[You aren’t a good friend.] (Você não é um bom amigo.)
  • He ain’t a good guy.[He isn’t a good guy.] (Ele não é gente boa)
  • We ain’t married. [We aren’t married.] (Nós não somos casados.)
  • You guys ain’t coming with us. [You guys aren’t coming with us.] (Vocês não vão vir com a gente.)
  • They ain’t home. [They aren’t at home.] (Eles não estão em casa.)

O que significa ain't?Como você pode observar, ain’t nada mais é do que a maneira informal de dizer aren’t, am not e isn’t.

 O curioso é que nos dias de hoje ain’t é também usada no lugar de don’t have, doesn’t have e didn’t have. Veja:

  • I ain’t got a car [I don’t have a car.](Eu não tenho carro.)
  • She ain’t got many friends. [She doesn’t have many friends.](Ela não tem muitos amigos.)
  • He ain’t an answer for that. [He doesn’t have an answer for that.](Ele não sabe a resposta.)
  • We ain’t any money on us. [We didn’t have any money on us.](A gente não tinha dinheiro.)

Através dos exemplos acima você pode notar o quão versátil a palavra ain’t é. Alguns linguistas já declaram que em um futuro não muito distante ela poderá substituir oficialmente a forma negativa do verbo “be” e “have“. O pessoal mais preso à gramática das regras fica de cabelo em pé quando lê ou escuta isso.

Quem usa AIN’T? Será que está errado usar?

O Merriam-Webster Dictionary, um dos principais dicionários da língua inglesa, afirma que,

embora seja tido amplamente como forma não-padrão da língua inglesa e mais frequente na fala de pessoas com pouca educação escolar, ain’t está ganhando força no inglês americano (especialmente como negativa de ‘be’ e ‘have’). Sendo usado tanto na fala quanto na escrita para chamar atenção e para dar enfâse ao que está sendo dito. […] Nas relações familiares ain’t costuma surgir como uma forma de amizade e afinidade com o interlocutor.

Veja que os lexicógrafos (profissionais que organizam dicionários) já se rendem ao uso do ain’t. Ou seja, eles não dizem que o uso de ain’t é característico de um grupo específico de pessoas. No entanto, eles são bem claros em afirmar que ain’t é ainda tido como algo não-padrão, ou seja, não faz parte da Gramática Normativa da língua inglesa.

Mas mesmo diante deste fato, curiosamente, os lexicógrafos do Merriam Webster reconhecem que há algumas frases e sentenças fixas na qual o ain’t surge normalmente sem que as pessoas torçam o nariz ao ouvi-las, são elas

  • you ain’t seen nothing yet. (você não viu nada ainda)
  • two out of three ain’t bad. (dois de três não está nada mal)
  • if it ain’t broke, don’t fix it. (em time que está ganhando, não se mexe)

Estas sentenças deveriam estar na ponta da língua de todo estudante de inglês. Afinal, elas são frequentemente usadas da forma como estão acima.

» Leia também: Expressões Comuns com Ain’t

Cuidado com certos comentários

Essa história de que “ain’t” só é usada pelo povão foi na verdade uma invenção de um camarada chamado Robert Lowth, um bispo que escreveu uma das primeiras gramáticas da língua inglesa. Foi esse Mr. Lowth quem afirmou em sua gramática que essa palavrinha deveria ser banida da fala dos nobres, pois ela era característica da plebe (do povão, da ralé). Assim, a nobreza inglesa deveria evitar usá-la.

Mesmo diante dessa tentativa de proibição, ‘ain’t‘ continuou sendo usada durante muito tempo até mesmo pelos mais altos membros da corte inglesa, incluindo a própria família real.

» Leia também: Como se diz ralé em inglês?

Para encerrar, quero acrescentar que para os falantes nativos da língua inglesa, o uso do ain’t é sim tido como característica do linguajar de pessoas de “classe social baixa, com pouquíssimo grau de instrução escolar e pouco valor intelectual“. Ou seja, se para a maioria dos falantes o uso do ain’t passa esta imagem, imagine o que eles pensarão ao vê-la saindo da boca de um aprendiz da língua inglesa. Não muito bom, não é mesmo!?

Lembre-se embora esta palavra esteja ganhando terreno dentro da língua inglesa o correto ainda é evitá-la. Porém, caso você conviva com um grupo de pessoas que a usa como forma de mostrar que você faz parte do grupo (questões de familiaridade ou afinidade), então use-a. Nunca esquecendo, no entanto, dos limites que ela possui até este momento. Além disso, nas expressões tidas como naturais e nas quais “ain’t” se faz presente, não há problemas em usar. Afinal, é assim que todo mundo fala.

That’s all, folks. Espero que tenha gostado de aprender o que significa ain’t e também quando usar (ou não) essa palavra é usada. Take care and keep learning!

O que significa how come?

Eu sei que você sabe que todo mundo sabe que “por que…?” – o das perguntas – em inglês é “why…?” Até aí nada novo, certo? Afinal, nós estamos carecas de saber disto:

  • Why are you here?
  • Why did you do that?
  • Why aren’t you coming to the party?

É até aí tudo bem! Mas acontece que no inglês informal – aquele falado no dia a dia – eles fazem uso também da expressão how come…? no lugar do why?. Mas não é só isso não! A gramática é mudada também. Assim, os exemplos acima ficam desta forma:

  • How come you are here?
  • How come you did that?
  • How come you aren’t coming to the party?

O Que Significa How Come?Compare as sentenças em inglês e note que ao usarmos how come não fazemos uso dos verbos auxiliares. Calma aí! Vamos deixar isso mais claro. Veja:

  • Com “why” a pergunta fica assim: why did you do that?
  • Com “how come” ela fica assim: how come you did that?

Note que com how come…? a sentença é escrita de modo natural. Além de não fazermos o uso dos verbos auxiliares – do, does e did –, nós também não invertemos a ordem das palavras ao fazermos a pergunta:

  • Why are you here?
  • How come you are here?
  • Why aren’t you coming to the party?
  • How come you aren’t coming to the party?

Será que deu para entender melhor agora!? Espero que sim! Do contrário, é só deixar um comentário aí que a gente vai esclarecendo as coisas!

Mais uma coisinha: o “how come?” sozinho é usado com o sentido de “como assim?” Por exemplo,

– I won’t ever talk to you again. (Eu nunca mais vou falar com você.)
– How come? (Como assim?)

– I don’t wanna go to the party! (Num quero ir pra festa!)
– How come? You crazy? That’s gonna be THE party! (Como assim? Cê tá doido? Esta vai ser A festa!)

Pronto! Era isso o que eu tinha para esta dica! Agora que você já sabe o que significa how come, que tal praticar um pouquinho? Mude as sentenças do “why…?” para o “how come…?”!

  1. Why are they waiting?
  2. Why didn’t she stay at the party?
  3. Why have you bought two identical pairs of shoes?
  4. Why did he do that?
  5. Why are there no more comments here?

Respostas:

  1. How come they are waiting?
  2. How come she stayed at the party?
  3. How come you’ve bought two identical pairs of shoes?
  4. How come he did that?
  5. How come there are no more comments here?

SIMILES: expressões em inglês que você deve aprender

Similes!? Você já ouviu falar sobre isso? Sabe o que são e qual a importância de aprendê-los? Nesta dica vou falar sobre eles e dar vários exemplos. Você vai perceber que já até sabe alguns e que, na verdade, você não precisa se preocupar com esse nomes esquisito.

Portanto, vamos aprender!

O que são similes?

De acordo com o Macmillan Dictionary, similes são frases que descrevem algo fazendo uma comparação com outra coisa usando as palavras LIKE ou AS.

Logo, sempre que tivermos uma comparação usando as palavras LIKE ou AS, estaremos diante de um simile. Veja, por exemplo, a sentença abaixo:

  • He eats like a pig

A parte like a pig (como um porco, feito um porco, igual a um porco) é o que tecnicamente nós classificamos como simile. Isso não é nada tão complicado de entender. O nome simile é apenas o termo técnico que os linguistas usam para se referir a esse tipo de expressão. Ou seja, você como estudante de inglês não precisa se preocupar com esse nome estranho.

Outros exemplos

  • Her cheeks are red like a rose. (As bochechas dela são vermelhas como uma rosa.)
  • They sing like angels.(Elas cantam como anjos.)
  • My dad eats like a bird. (Meu pai come feito um passarinho. | Meu pai come muito pouco.)
  • I slept like a log. (Eu dormi feito uma pedra.)

» Leia também: A Diferença entre LIKE e AS

Pequena lista de similes

Similes: o que é isso?Abaixo seguem várias expressões idiomáticas conhecidas como similes. Nelas a palavra mais comum é AS; afinal grande parte dos similes são com essa palavrinha.

Vale ainda dizer que algumas das expressões abaixo são bastante utilizadas atualmente, outras nem tanto. Elas estão todas reunidas aqui apenas como uma curiosidade. Mas, claro que ajudarão você a melhorar o vocabulário em inglês ainda mais.

  • as black as pitch = escuro feito breu, muito escuro, escuridão total
  • as blind as a bat = ceguinho, ceguinho; totalmente cego; mais cego do que um punhado de caramujo sem rumo
  • as busy as a bee = mais ocupado do que qualquer coisa, ocupadíssimo
  • as bald as a coot = mais careca do que bola de boliche; mais careca do que o Lex Luthor
  • as dead as a dodo = mortinho da silva, mais morto do que um fóssil
  • as dead as a doornail = mortinho da silva; mais inútil do que qualquer outra coisa
  • as cool as a cucumber = calminho, calminho; calminho da silva; mais calmo do que música de velório
  • as cold as stone = frio pra burro, mais frio do que no pólo norte
  • as easy as pie = facinho, facinho; masi fácil do que roubar doce de criança
  • as fit as a fiddle = totalmente em forma; malhado, malhado; super em forma
  • as hungry as a wolf = mais faminto do que um leão
  • as big as a bus = grande pra caramba, grande que nem um elefante
  • as easy as A.B.C. = facin, facin; mais fácil do que contar 1 2 3; mais fácil do que roubar doce de crianças
  • as quick as lightning = mais rápido do que o Flash, mais rápido do que um relâmpago
  • as white as a ghost = mais branco do que leite de vaca

Conclusão

Aprender similes é algo realmente interessante, mas tome cuidado com eles. Pois, similes são tidos como clichês. Ou seja, não é bom usá-las no inglês (principalmente na escrita). O ideal é sabê-las para poder entender quando encontrá-las pela frente!

Para não ficarmos só nisso, leia mais sobre a estrutura as … as na dica Grau Comparativo de Igualdade em Inglês. That’s all for now! I hope you’ve enjoyed this tip. So, take care and keep learning!

Qual a diferença entre Have e Have Got :: Dúvida de Inglês

Have e have got podem ser considerados uma das duplas dinâmicas da língua inglesa. Ambos, em termos gerais, significam a mesma coisa – ter, no sentido de possuir algo.

Mas, a dúvida da maioria é sobre quando usar have e have got. Qual a diferença entre have e have got? Pode usar os dois de qualquer jeito ou não?

Continue lendo e você vai aprender algo muito interessante.

A Diferença entre Have e Have Got

A resposta que mais se ouve em relação à diferença entre have e have got é aquele na qual dizem que “have é coisa de inglês americano; e, have got é coisa de inglês britânico”. 

Ok! Até que pode ser! Afinal, de modo geral, é isso mesmo. A Cambridge Grammar of English, umas das mais completas gramáticas da língua inglesa nos diz o seguinte:

The present tense form of have with got used for possession is more than twice as frequent in spoken British English as in American English

O que a gramática está dizendo é que com o sentido de possuir algo (ter), a forma have got é duas vezes mais frequente no inglês britânico falado do que no inglês americano.

A gramática também deixa claro que isso é muito comum no tempo verbal Present Simple. Portanto, a conclusão óbvia é que “have got” é coisa de inglês britânico.

  • I have got a car. (Eu tenho um carro.) [Inglês Britânico]
  • I have a car. (Eu tenho um carro.) [Inglês Americano]

Qual é a desse Got?

Para você que ainda está perdido na tradução, saiba que o “got” junto de “have got” não serve para nada. Por isso os americanos não o usam. Mas tem aqui uma coisa curiosa no que diz respeito ao uso da língua no dia a dia.

Nós podemos dizer que em inglês americano é sim comum o uso do “have got”. Principalmente, no ingles falado. No entanto, eles – os americanos – fazem uso do “have got” de modo bem diferente.

Por mais estranho que isso possa parecer, os americanos costumam usar apenas o “got”! Eles jogam o “have” na lata do lixo e fazem uso apenas do “got”. Veja o que diz o Collins Cobuild Advanced Dictionary of American English:

You use have got to say that someone has a particular thing, or to mention a quality or characteristic that someone or something has. In informal American English, people sometimes just use ‘got’.

Portanto, como você pode ver, “have got” é usado em inglês americano, mas informalmente eles dizem apenas “got“. Veja os exemplos:

  • I got a car. (Eu tenho um carro)
  • I got a T-shirt just like this. (Eu tenho uma camiseta igualzinha a esta.)
  • You got any identification? (Você tem algum documento?)
  • We got an extra one here. (A gente tem um extra aqui.)

E o que dizer de Got To? 

O mesmo dicionário ainda diz o seguinte:

You use have got to when you are saying that something is necessary or must happen in the way stated. In informal American English, the have is sometimes omitted.

Agora o caso é o de “ter de” (fazer algo). Ou seja, podemos dizer “have got to“, mas informalmente o “have” e deixado de fora e o “got to” vira “gotta“:

  • You gotta see this. (Você tem de ver isso.)
  • You gotta be joking! (Você deve estar de brincadeira!)
  • I gotta go. (Eu tenho de ir embora.)

Para nós, brasileiros, isto causa a maior confusão; pois, nas escolas de inglês – e livros – aprendemos que “got” é o passado de “get”. Aí, quando ouvimos uma sentença como “he got a girlfriend”, ficamos com a sensação de que nosso inglês é péssimo. Na verdade, não é! Simplesmente, as escolas – e os livros – omitem esta informação, ou seja, ninguém nunca ensinou isso para você dessa forma.

O Inglês da vida Real

Se você costuma assistir a filmes ou seriados e também a ouvir músicas, quase sempre ouvirá alguém dizendo sentenças como:

  • What you got there? (O que você tem aí?)
  • I got a family. (Tenho uma família)
  • You got anything to tell me? (Você tem algo a me dizer?)
  • He got things to do. (Ele tem mais o que fazer.)
  • They got a wonderful house. (Eles têm uma casa linda.)

Observe que não é preciso ser um expert em gramática ou em inglês britânico e americano. Basta apenas se acostumar com este tipo de peculiaridades da língua. Não há motivo para desespero ou mesmo para achar que você é burro e que inglês é difícil. É só uma questão de costume, tempo e prática.

Uma atividades para praticar…

Para ter certeza de que você realmente entendeu, observe as sentenças abaixo e transforme-as para o inglês coloquial, conforme você viu acima (basta substituir o “have” por “got”).

  1. I have a brand new car. (I got a brand new car)
  2. She has a wonderful house on the beach.
  3. They have two naughty kids.
  4. He has a gorgeous sister.
  5. I have to study harder. (I gotta study harder)
  6. I have to talk with her first.
  7. He has to think twice.
  8. You have to go there.
  9. They have to help us.
  10. I have to shut my mouth.

[Teachers, feel free to use this activity, as well as text, with your students. Help them to notice this feature of spoken English in movies and TV series. Show them that English is not a difficult language. Difficult is to understand why we have to teach something while, in practice, language works in another way. Just remember them to visit this blog for more tips, ok?]