Dar um passo maior que a perna em inglês?

Dar um passo maior que a perna” é uma expressão usada em várias regiões do Brasil para passar a ideia de que alguém está tentando fazer tudo ao mesmo tempo, está tentando fazer algo que vai além das suas condições ou está assumindo muito mais responsabilidade do que realmente deveria. Em alguns locais é comum ouvirmos a expressão “tentar abraçar o mundo com as pernas” no mesmo sentido.

Em inglês a expressão usara para transmitir essa ideia é “not bite off more than you can chew” (literalmente, não morda mais do que você consegue mastigar). Geralmente, dizemos “Don’t bite off more than you can chew” como se fosse um conselho dado a alguém que está começando a aceitar tudo o que aparece pela frente em termos de responsabilidades.

Dar um passo maior que a perna em inglêsAssim, caso você tenho um amigo ou amiga que quer aprender inglês, alemão, francês, estudar para o vestibular de Medicina, praticar natação, jiu-jitsu, etc., ao mesmo tempo, você poderá dizer, “Hey, don’t bite off than you can chew” (ei, não tente abraçar o mundo com as pernas). Seguem abaixo mais alguns exemplos com essa expressão:

  • I thought I could finish this report within a month, but I bit off more than I could chew. (Eu achei que pudesse terminar este relatório em um mês, mas eu dei um passo maior que a perna.)
  • I want you to think carefully about how many people you need for this project. Be sure not to bite off more than you can chew. (Quero que você pense cuidadosamente em quantas pessoas precisará para este projeto. Certifique-se de não ten tar abraçar o mundo com as pernas.)
  • Don’t bite off more than you can chew. Let someone else organize the party. (Não vá tentar abraçar o mundo com as pernas. Deixe outra pessoa organizar a festa.)
  • The key to success lies in not biting off more than you can chew. (A chave para o sucesso está em não tentar dar um passo maior que a perna | não assumir mais responsabilidade do que é capaz.)

Na minha opinião, nem sempre traduzir com a expressão em português fica muito legal. Então o jeito é usar outras expressões menos idiomáticas em português: “não fazer tudo sozinho”, “ir além do que se é capaz” e outras. O importante é manter sempre a ideia de que alguém está tentando fazer mais coisas do que é capaz ou assumindo mais responsabilidades do que é realmente capaz.

Artigos Relacionados
Comentários