Phrasal Verbs e Alguns Exemplos

Nós já falamos aqui no blog sobre phrasal verbs! Mas muita gente ainda fica me perguntando que bicho é este. e eu não me canso de dizer: “Não se preocupe! A idéia é mais simples do que parece. São os livros e muitos professores que gostam de complicar.” (Whadda hell are phrasal verbs? e Phrasal Verbs… de novo…)

ENtão, vamos falar sobre Phrasal Verbs outra vez! De modo simples, um Phrasal Verb nada mais é do que um verbo mais outra palavrinha junto a ele (geralmente, uma preposição ou mais). O problema é que não podem ser interpretados palavra por palavra. Deixe-me dar alguns exemplos:

>Look after” inadvertidamente alguém pode traduzir por “olhar” (look), “depois” (after) e aí dizer algo assim “I will look after” (eu vou olhar depois). Acontece que “look after” significa “tomar conta de” (alguém: pessoa doente, idosa, criança, bebê, etc).

  • Can you look after the baby while I’m out? (Dá pra você tomar conta do bebê enquanto eu estiver fora?)

>Rub up against“, este aí nem me arrisco a traduzir ao pé da letra. O significado dele é “esfregar-se” (de modo sensual ou sexual). Um exemplo é daqueles tarados em ônibus lotado que ficam se esfregando nas garotas (coisa feia, hein!); ou de um gatinho que fica se esfregando nas suas pernas para chamar a atenção! Pode ser uma esfregação com ou sem seu consentimento!

  • My boyfriend rubbed up against me and I orgasmed. Did I lose my virginity? (Meu namorado se esfregou em mim e eu tive um orgasmo. eu perdi minha virgindade? – leia o final emocionante da história da menina de 17 anos que ficou com esta dúvida neste link)

>Stay in“, ficar em casa e não ir a lugar algum

  • What did you do yesterday? (O que você fez ontem?)
  • Absolutely nothing! I just stayed in(Nadica de nada! Simplesmente fiquei em casa!)

É também possível dizer algo assim:

  • I have to stay in to study! (Tenho de ficar em casa e estudar!)

Isto são alguns exemplos de Phrasal Verbs! Não adianta aprender em listas. Não adianta entrar em desespero! Eles existem! Vão existir sempre! E a nós – sim, eu também estou na lista – cabe apenas a tarefa de se acostumar com eles. Deixá-los surgirem em nossas vidas como surgem aquelas pessoas maravilhosas ao longo da nossa caminhada por este mundo! O negócio é ter muita paciência e deixar de lado as explicações mirabolantes e misteriosas!

See you! Take care…

Artigos Relacionados
Comentários