Qual a origem e o que mais a palavra ‘pet’ significa?

Meu amigo Beto Gazetti, de São Paulo, me perguntou via email se eu tinha alguma ideia da razão pela qual em inglês ‘animal de estimação‘ é ‘pet‘ em inglês. Confesso que eu nunca havia parado para pensar nisso. No entanto, como a origem de palavras é expressões é também um assunto que me chama a atenção, decidi fazer uma pesquisa rápida para descobrir um pouco sobre a origem de ‘pet‘ nesse sentido.
Ao que tudo indica ‘pet‘ surgiu, por volta do fim do século 14, na Escócia e norte da Inglaterra com o sentido de ‘animal domado‘. No entanto, há registros de que em 1530 ela já era usada no sentido de ‘animal favorito‘ [animal de estimação]. Ninguém afirma com certeza, porém acredita-se que ‘pet‘ tem sua origem ligada à palavra ‘petty‘, que era usada em 1393 com o sentido de ‘small‘ [pequeno]. Agora é que a coisa fica legal: ‘petty‘ vêm do francês ‘petit‘; ‘petit‘ saiu do latim vulgar ‘pittinus‘. E ‘pittinus‘ se juntou com o radical ‘pikk‘ e deu a nós, falantes de português, a palavra ‘pequeno‘. Não entendeu nada do que eu disse? Tem problema não! Mas que é interessante é! Embora, seja uma viagem meio louca!

Além de saber dessa maluquice do parágrafo acima é bom você aprender também que ‘pet‘ significa outras coisas em inglês. Mas antes saiba que é comum especificar o seu animal de estimação dizendo: ‘pet dog‘, ‘pet cat‘, ‘pet rabbit‘, ‘pet hamster‘, etc. ‘Donos de animais de estimação‘ são chamados de ‘pet owners‘. E tem o ‘pet shop‘ onde você pode comprar ‘pet food‘.

Sobre os outros significados anote aí que ‘pet‘ é usado, no inglês britânico, para se referir de modo carinhoso a um amigo ou amiga. Assim, você pode ouvir alguém dizendo “what’s wrong, pet?” [qual o problema, meu amigo?]. Mas, cuidado! Dependendo da situação ‘pet‘ terá o sentido de ‘protegido‘, aquela pessoa que recebe atenção especial de alguém e que parece ser o protegidinho e coisas assim. Em inglês, tem até a expressão “teacher’s pet“, o queridinho do professor [coisa que eu nunca fui!].

Pet‘ é também usado como adjetivo. Por exemplo, ultimamente tenho estado muito envolvido no projeto do meu novo livro [aguardem!]. Portanto, esse é o meu ‘pet project‘ [projeto favorito] no momento. Você pode ter uma ‘pet idea‘ [ideia favorita] ou uma ‘pet theory‘ [teoria favorita] para algo. Tem ainda ‘pet name‘ que é um apelido carinhoso que você dá a um amigo ou alguém da sua família.

Por fim, tenho de dizer que ‘pet‘ pode ser verbo. Um dos sentidos é o de ‘afagar‘, ‘acariciar‘. Tipo quando você fica passando a mão em um gatinho ou em um cachorrinho. Você pode então ‘pet the dog‘ [acariciar o cachorro]. E o outro sentido, mais comum no inglês americano, é o de ‘dar uns pegas‘, ‘dar uns malhos‘, ‘dar uns amassos‘; por exemplo, ‘I saw them petting in the bedorrom‘ [eu vi eles se pegando no quarto]. Ah! E leia ainda sobre ‘pet peeve‘ que escrevi a um tempo atrás clicando aqui.

Acho que deu para entender né? Se você conseguiu chegar até aqui, que tal ver o meu amigo Beto Gazetti conversando com a pequena Sofia sobre o pet dela? Afinal, todos podem ter um pet. Para ver o vídeo é só clicar aqui.

  • Fellippe

    Também pode-se usar "pat" the dog, com o sentido de "dar tapinhas", como se faz no ombro de alguém, mostrando apoio.

  • http://www.blogger.com/profile/14388241910831980783 Unknown

    eu gostaria de sabem se vc pode me ajura a encomtrar a origem do nome pet shop (loja de animais)